Ryan McCaffrey acha que o line up de lançamento da Xbox série X não justifica a compra da consola.

5 4 votes
Avalie o nosso artigo

Ryan McCaffrey é editor executivo da IGN e um guro da Xbox.

Nota: Artigo editado com algumas correções de forma a ajustar alguns dados que entretanto se alteraram.

Há preferências e gostos pessoais que não se discutem… Mas quando se refere a compra de uma consola, naturalmente que o investimento inicial só justifica se a consola realmente trouxer para a mesa aquilo que conta: Os bons jogos de nova geração!

Ora do lado da PS5 teremos no lançamento jogos como o Spider Man: Miles Morales, Cross Gen, mas que nos apresenta um mundo reformulado com bastante uso de Ray Tracing e uso intensivo do SSD, algo que apenas podemos ver na nova geração. Teremos ainda o Demons Souls, exclusivo de nova geração, igualmente com Ray Tracing (a confirmar pois há atualmente dúvida sobre essa situação), e finalmente o Destruction All Stars, um jogo multi jogador igualmente exclusivo da nova geração e o Sackboy: A big adventure, que será igualmente Cross Gen, com alguns efeitos de RT adicionais na PS5.

Tudo o resto são jogos de terceiros e, com exceção do GodFall, um novo exclusivo de nova geração, igualmente intensivo no uso do Ray Tracing, todos os restantes títulos serão Cross Gen.



Ora diga-se que apesar de haverem jogos, as preferências pessoais de cada um entrarão aqui em campo, e nem todos os jogos serão do agrado de toda a gente. Posso dizer que, pessoalmente, nenhum dos jogos de lançamento da Sony me cativam (o Miles Morales cativaria, mas tendo jogado o Spider Man recentemente não me apetece neste momento mais do mesmo), e dos jogos de nova geração irei ficar-me pelo Godfall (mesmo este não era a minha primeira escolha).

Cyberpunk 2077 será lançado junto com a PS5, mas o jogo correrá sem grandes alterações, com o patch de nova geração a chegar apenas em 2021. E nesse sentido, prefiro aguardar!

Isto quer dizer que o lineup de lançamento, apesar da variedade que pode cativar muitos, a mim não soa a nada de plenamente interessante, e cada pessoa verá a escolha limitada às suas preferências. Nesse sentido o lineup global quase é mais uma curiosidade do que realmente uma realidade de oferta geral para todos!

Eis o lineup de lançamento da PS5:

  • Astro’s Playroom
  • Demon Souls
  • Destruction All Stars
  • Marvel’s Spider-Man Remastered**
  • Marvel’s Spider-Man: Miles Morales
  • Sackboy: A Big Adventure
  • Assassin’s Creed: Valhalla
  • Borderlands 3
  • Bugsnax
  • Cyberpunk 2077
  • Call of Duty: Black Ops – Cold War* (Releases Nov 13th)
  • Devil May Cry 5: Special Edition
  • Destiny 2: Beyond Light
  • DiRT 5
  • Fortnite
  • Godfall
  • Just Dance 2021
  • Maneater
  • Mortal Kombat 11 Ultimate (Releases November 17th)
  • NBA 2K21
  • Observer: System Redux
  • Planet Coaster
  • The Pathless
  • Warhammer: Chaosbane – Slayer Edition
  • Watch Dogs Legion

E se isto acontece do lado da PS5, o que se dizer da Xbox que não conta com nenhum título exclusivo da Microsoft?

Eis o lineup disponível no dia 10 de Novembro quando a consola for lançada.



  • Assassins Creed Valhalla (Smart Delivery)
  • Borderlands 3 (Smart Delivery)
  • Bright Memory 1.0
  • Cuisine Royale (Smart Delivery)
  • Dead by Daylight (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • Devil May Cry 5: Special Edition
  • DIRT 5 (Smart Delivery)
  • Enlisted
  • Evergate
  • The Falconeer (Smart Delivery)
  • Fortnite
  • Forza Horizon 4 (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • Gears 5 (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • Gears Tactics (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • Grounded (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • King Oddball
  • Maneater (Smart Delivery)
  • Manifold Garden (Smart Delivery)
  • NBA 2K21
  • Observer: System Redux
  • Ori and the Will of the Wisps (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • Planet Coaster (Smart Delivery)
  • Sea of Thieves (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • Tetris Effect: Connected (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • The Touryst (Xbox Game Pass + Smart Delivery)
  • War Thunder (Smart Delivery)
  • Warhammer: Chaosbane Slayer Edition
  • Watch Dogs: Legion (Smart Delivery)
  • WRC 9 FIA World Rally Championship (Smart Delivery)
  • Yakuza: Like a Dragon (Smart Delivery)
  • Yes, Your Grace (Smart Delivery)

A maior parte dos jogos da Xbox são jogos que já existem na Xbox One, e pouco interesse há nos restantes. Cyberpunk será lançado a 10 de Dezembro, ou seja, pouco depois, mas tal como na PS5, a versão disponível será basicamente a mesma da anterior geração.

Nesse sentido Ryan McCaffrey, editor executivo da IGN, e um Guru XBox bastante ferrenho, refere aquilo que parece saltar à vista: Que não há argumentos para que para dia 10 se dê 500 euros por uma Xbox série X, ou mesmo os 299 pela série S.

Basicamente, se aqui acrescentarmos a questão dos gostos que referi na PS5, que limitará as escolhas de cada um, a oferta da Xbox fica ainda mais reduzida.

No seu global, a Xbox não tem verdadeiros atractivos no lançamento, e isso é referido aqui por Ryan e pelos outros participantes:

Tom Warren concorda:



E acrescenta:

Diga-se de passagem que isso é bem verdade na Xbox, a sua consola de preferência. A Sony oferece a retrocompatibilidade, mas está longe de isso ser a sua maior aposta, ou sequer algo de maior relevância. Diga-se aliás que se essa situação se vier um dia a tornar um standard as consolas, pelo menos para mim, perdem todo o interesse. Admiro as consolas pela diferença, e aproximar as mesma do PC não é algo que particularmente me fascina.



5 4 votes
Avalie o nosso artigo
42 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Rui
Rui
27 dias atrás

Se vamos a ver as coisas desta maneira, não existem razões para comprar a xbox ok, mas as razoes para deixar lá na worten 580 fichas por uma ps5 também não são muitas de momento.

Eu assim de repente não me lembro de uma consola com um lineup de lançamento avassalador, as consolas valem pelas novas features e pelos jogos que vao sair no futuro.

Aliás, se olharmos na história a ps2 ps3 e ps4 todas tiveram um lineup fraco face às rivais. Sem nenhum killer app.

Rui
Rui
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

580 ou 480, com um jogo.

Senão metermos um jogo na equação esse argumento da xbox não faz sentido.

Rui
Rui
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

O facto de comprar uma ps5 ou x está no lineup inicial certo? Ora temos de juntar o preço de um jogo porque segundo percebi a xbox com jogo ou sem jogo vale zero, seguindo o mesmo raciocínio na ps5 para justificar a compra temos de comprar um jogo, senão comprarmos estaríamos a resumir a consola à retro logo tb ela nao justificava a compra, seguindo a lógica da batata.

nETTo
nETTo
Responder a  Rui
27 dias atrás

O PS5 no lançamento já terá jogos com as features Nextgen (Raytracing, 60fps, sem tempos de loading, dualsense).

Mas eu respeito sua forma de pensar

José Galvão
José Galvão
Responder a  Rui
27 dias atrás

Tens muito mais razões para largar 500 fichas por uma PS5 do que uma Series X que tem zero para oferecer, esse teu comentário significa que a miséria gosta de companhia.

Não te lembras de uma consola com um line-up avassalador?
N64?
Xbox og?

Onde concordo contigo é na parte em que referes que historicamente a nível de lançamento a PS perde para as rivais, emblora não percebas porquê…

Rui
Rui
Responder a  José Galvão
27 dias atrás

Eu se fosse o phill apos ler este comentário cancelava a consola, para que lançar uma consola que oferece zero?

Quanto aos line ups nao fui claro estava a pensar nas playstation, a n64 teve o super mario a xbox o halo, a switch o zelda etc

A ps nunca comecou em grande com um killer app.

Rui
Rui
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

Sr Mário você hoje acordou como eu me fui deitar ontem, não percebe nada, a tragédia de sexta já lá vai.

A xbox original teve o halo, um killer app, a x360 nao teve nenhum killer app e a xbox one também não, a series x tinha o halo infinity previsto, como foi adiado não tem.

Mas a playstation historicamente costuma ter lineups de lançamento médios baixos.

As ultimas 3 gerações a xbox teve melhores lineups de lancamento, esta geração a ps5 vai ter um melhor.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Rui
27 dias atrás

O que é a Series X tem de novo para oferecer?
Tem algum jogo novo que só ela pode correr?
Nem sequer o comando e a UI oferecem algo de novo, a não ser que consideres roupa velha passada a ferro como algo novo.

Diz-me a sério o que é que a Series X tem de novo para oferecer???

Já pensaste porque é que a Sony nunca teve uma killer app no lançamento?
De todos os fabricantes de consolas, a Sony é a que dá mais longevidade em termos de suporte, enquanto este ano andaste a ver navios na Xbox One, na PS4 não faltou grandes lançamentos, a Sony não tem killer apps no lançamento porque fecha cada geração com killer apps.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Rui
27 dias atrás

Eu estou bastante animado com Demon’s Souls Remake, Spiderman: Miles Morales e Sackboy: A Big Adventure. Me parece uma lineup de peso para o lançamento da consola. Me parecem 3 jogos com qualidade suficiente para que alguém opte por um PS5 logo de cara. Mas claro, é questão de gosto e eu estou expondo o meu. =)

E as perspectivas em curto prazo são óptimas, já que provavelmente Ratchet & Clank: Rift Apart e Kena devem serem lançados no primeiro semestre de 2021. Tenho esperança de ver Gran Turismo 7 em breve, mas neste caso prefiro ainda não criar expectativas com data.

Eu estou ansioso para ver o novo Forza, e também gostei do que vi em Avowed. Mas o grande problema no Xbox Series X a meu ver é que pelo menos por enquanto são jogos sem gameplay e sem previsão de lançamento. A Microsoft me passou uma impressão que seus jogos first-party estão em sua maioria no estágio inicial de desenvolvimento. Então isso naturalmente gera uma reação do tipo: “vamos esperar então, quando lançar eu compro”. Já no PS5, temos conteúdo interessante para consumir logo no lançamento.

Rui
Rui
Responder a  Carlos Eduardo
27 dias atrás

Ainda bem, precisamos de malta animada para fazer o dinheiro girar na indústria e eles oferecerem melhor conteúdo.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Rui
27 dias atrás

Sim, foi o que aconteceu na geração PS3 vs X360. Sony passou um sufoco e mudou de estratégia, investindo pesado nos seus estúdios first-party para extraírem o máximo da arquitetura da consola, especialmente o CELL. Uma fase bem experimental de onde saíram vários jogos interessantes (não necessariamente bons) com nichos e propostas diferentes. Os que venderam bem continuaram, os que venderam mal foram suspensos. A Guerrilla depois de vendas discretas com Killzone, fez sua mina de ouro com Horizon Zero Dawn. E claro, os investimentos e esforços do estúdio provavelmente estão concentrados nesta IP. Penso que após saturar a marca, irão retomar alguns projetos suspensos, e podemos esperar um novo Killzone no futuro. Espero que Resistance e Infamous também retornem, gostei destes jogos.

No mais, respeito seu ponto de vista. Ninguém é obrigado a ver Demon’s Souls Remake e achar maravilhoso. Eu adoro assistir F1, e outros acham chato. Alguns adoram rodeio, festa de peão, cowboys montados em touros, e eu acho isso tudo bem ******** . Essa é a riqueza em variar o cardápio, atender vários paladares diferentes, e possibilitar até que possamos um dia viver novas experiências além do que já estamos habituados.

Edson
Edson
Responder a  Carlos Eduardo
27 dias atrás

Fora o astro bot já instalado no console que aparenta ser um baita game de plataforma 3d, mostrando ainda todas as funcionalidades do Dual sense.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
27 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Eu não vejo nenhum motivo também e nem pelo que pode sair mais adiante, Xbox pra mim está fraquíssimo de jogo.
Faltou Ratchet n Clank.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

Também sou da opinião que nenhum dos dois para mim soa interessante neste momento, sendo o xbox o que menos me interessa.
Digo isso pois adoro o Demon’s Souls e acho o Ratchet bem legal, mas longe de serem jogos que me faram comprar um console day 1, prefiro esperar de 1 a 2 anos para comprar o console sendo que neste tempo já vai ter lançado mais jogos.

eduard08
eduard08
27 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Eu continuo a pensar que devido à situação actual as 2 empresas fazem mal em sortir as consolas neste momento, sinto que tudo esta a ser feito a pressa, como se nada estivesse pronto e que apenas querem colocar as consolas no mercado a “força” na data prevista antes da pandemia ter começado
Nunca vi uma situação como esta, a poucos dias de as consolas sairem e ainda ha muita coisa que nao se viu, consolas estas que vao sair “sem jogos”
Com isto tudo nao me admira nada vermos novas actualizações das consolas mais cedo que previsto

Ja agora Mario, imagino que ja tenhas escrito o artigo a algum tempo mas entreto cyberpunk so saira dia 10 de Dezembro (acredito que com isto tudo o patch para a nova geração saira ainda mais tarde do que estava previsto)

E como ja tinhas escrito num outro artigo tambem o destrution all star tambem vai sair mais tarde

Marco Antonio Brasil
27 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Absolutamente, não concordo com o segundo tuíte do Warren!
O único motivo para comprar uma consola são os jogos. Claro que algumas novas funções são incríveis (o “fim” dos loadings quase me faz pegar uma ps5 lol) mas penso que são os jogos que motivam a troca de geração, pelo menos para a maioria.
O dia que as consolas foram como um PC eu compro um PC, oras. Loool

nETTo
nETTo
27 dias atrás

Eu concordo com os dois jornalista e por este motivo XSX aqui em ksa somente depois de 2 anos, até lá já teremos novos conteúdos saindo do XGS.

Ricardo Palma
Ricardo Palma
27 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Mário sei que apagaste o meu comentário, desculpa mas a minha intenção não era de originar uma conversa off topic mas uma tentativa de corrigir o que escreveste sobre Deamon Souls com Ray tracing em cima, porque o jogo não usa a técnica. Apenas isso.

Ricardo Palma
Ricardo Palma
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

Ah ok estava desinformado sobre essa segunda entrevista, de facto está um pouco confuso, numa diz que tem, em outra diz que não… Enfim… então as minhas sinceras desculpas Mário.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

Achei estranha a declaração, confesso que não sou de perceber RT nos mínimos detalhes, sei a grosso modo que o RT melhora a iluminação e reflexo, então quando saiu o último trailer de Demons Souls fiquei a olhar atentamente os pontos luminosos do cenário bem como a interação com a movimentação do personagem(ficava voltando o vídeo) e para mim ali tem RT.

É capaz de nesta semana termos um posicionamento final, se tem ou não tem.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Livio
27 dias atrás

Se realmente se confirmar sem ray tracing, é de se aplaudir o trabalho da produtora, deixou todo mundo na duvida se tem ou não, mesmo não tendo, e com ou sem, é sem duvida o melhor gráfico apresentado até então pra next gen

Livio
Livio
Responder a  Fernando Molina
27 dias atrás

Pois se não tiver RT eu não aplaudo, não porque desejo ver essa tecnologia, mas devido ser mais uma mentira por parte da Sony, pois uma das duas, ou a Sony ou a BluePoint, falou anteriormente que o jogo tinha.

Se não tiver RT será mais um ponto negativa em relação a confiança com a plataforma, já basta os jogos cross-gen que foram praticamente anunciados como sendo exclusivos PS5.

E se não tiver só reforça o boato de uma versão PS4.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Livio
27 dias atrás

Lívio, isso é o problema do RT pra mim, uma coisa que pesa no processamento e a gente tem que ficar procurando na cena se aquilo é ou não RT.. E pior, se tem ou não! O negócio sequer é evidente como deveria.

Fernando Molina
Fernando Molina
27 dias atrás

Como não gosto de Demons Souls e o Miles Morales poderei jogar no meu PS4, resolvi compar primeiro o XSX por algumas coisas que prefiro no Xbox, só por isso, e entre os futuros games Sony e os futuros Microsoft, tenho preferencia pelos Microsoft, mas sem sombra de duvidas comparei um PS5 futuramente

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Mário Armão Ferreira
27 dias atrás

Mas Mario, eu disse que por poder jogar o Miles Morales no PS4 eu resolvi comprar o XSX por algumas coisas que PREFIRO no Xbox, pela Xbox live que estão a maioria dos meus amigos que jogo online e que tambem irão de XSX, por poder jogar melhor que no One,e colocando na balanca entre jogar o Miles Morales melhorado e jogar online com meus amigos com um console de nova geracão, optei pela segunda opcão, e claro que quero Halo, Gears e Forza, só não entendo a pessoa ser questionada por isso

Livio
Livio
Responder a  Fernando Molina
27 dias atrás

Respeito a sua escolha e entendo o questionamento do Mário. Ambos os consoles disponibilizam retro com algumas melhorias, PS4 vai correr quase todos os jogos PS4 enquanto XSX ainda não confirmou todos, daí que, segundo a sua resposta, paticamente gastou R$5.000,00 porque na live estão teus amigos, sim vi que alguns deles também irão de XSX, mas fora isso não valia a pena esperar um pouquinho já que a versão do Cyberpunk, uma outra razão de vc ter comprado o XSX, só vai ter update de nova geração em 2021?? (infelizmente vc foi pego de surpresa com o adiamento do jogo).

Eu também tenho amigos que compraram o PS5, também poderia comprá-lo, mas entre gastar 5000 (PS5) + possíveis 380 num Horizon, prefiro gastar somente os 380, jogá-lo no PS4 e depois de alguns meses jogá-lo com todas as melhorias quando adquirir o PS5.

Então o questionamento dele foi esse, em um tem jogos FP next-gen e jogos via retro, no outro sem next-gen FP e só retro, daí que ficou confuso você ter falado que não vai na primeira opção (poderia jogar Miles melhor que no PS4) e decidiu ir na segunda.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Livio
27 dias atrás

Então Livio, eu escolhi o XSX por gostar mais do Xbox em relacão ao PS, como voces já perceberam, desde 2002 eu sempre comeco a geracão com o Xbox, o que me faria mudar de idéia era se o Miles Morales só pudesse ser jogado no PS5 como a Sony inicialmente disse, pq dos outros FP do PS para o lancamento,nenhum me interessa, nesse caso então pesou minha preferencia pelo xbox, e entre eu gostar mais do xbox ou jogar Miles Morales melhorado, prefiri manter meu gosto pelo xbox, é isso

Edson
Edson
Responder a  Fernando Molina
27 dias atrás

Flight Simulator no series X ficará espetacular, creio eu!

Ewertom
Ewertom
Responder a  Fernando Molina
27 dias atrás

Tô na mesma pegada,não gosto muito de HZD e nem gostei do Spider-Man então para mim a primeira leva de jogos do PS5 não é tão atrativa digamos assim,mas ainda não escolhi aonde partir.

Rafael
Rafael
26 dias atrás

Independente dos jogos iniciais que cada consoles trás, é fato que nenhuma trás jogos imperdiveis ou que justifiquem a compra do console logo que lançado. Nessa geração e em nenhuma outra se justifica a compra pelos jogos exclusivos de lançamento. Compra no lançamento quem realmente está no hype, que é entusiasta ou simplesmente quer ter um lançamento em mãos. Fora isso só vejo uma razão pra alguem comprar agora… o cara que nao tem o console e quer comprar um agora, pois vai poder aproveitar os jogos da atual geração e aguardar os exclusivos, por isso não valerá à pena comprar um ps4 ou xone sendo que pagando pouco a mais pode ter um console que vai durar por mais uns 5 ou 6 anos

error: Conteúdo protegido