downloads ilegais

Artigos exclusivos

Quando o download de uma música dá a mesma pena de prisão que um homicídio, algo vai mal na sociedade!

Não defendo a pirataria. Não o posso fazer e nem teria argumentos para tal. Mas no entanto revolto-me quando vejo as medidas tomadas contra os supostos piratas, com situações ridículas, coimas estrondosas, e anúncios de penas de prisão que se equivalem às usadas em crimes de homicido, como é o caso das do exemplo que aqui referiremos e que me levou a escrever este…

Diversos

Lembras-te dos filmes que pirateaste nos últimos tempos? Não? E queres que te diga quais foram?

Ficariam muito chocados se vos dissesse que é possível saber o que vocês sacaram recentemente dos servidores P2P? É que efectivamente tal é uma situação perfeitamente possível de ser feita. E para isso nem é preciso ser-se utilizador desse tipo de programas ou estar online no momento em que estão a sacar. Basta uma pequena visitinha a uma página e… voilá… o historial todo…

Artigos exclusivos

Uma analise de legalidade e moralidade às queixas da ACAPOR – Parte 2

O caso Jonas-Ensitel foi o mais recente caso de uso de uma posição dominante por parte de uma empresa para tentar impor a um cliente as suas perspectivas deturpadas de mercado. É verdade que se tratou de um caso relacionado com hardware, e não com software, mas a realidade é que estas posições são comuns em todos os lados, e são um dos reais…

Artigos exclusivos

Uma análise de legalidade e moralidade às queixas da ACAPOR – Parte 1

Com este artigo vamos começar a colocar online uma análise às queixas da ACAPOR relativamente aos supostos piratas nacionais que afirmam ter “apanhado”. Vamos analisar, numa perspectiva leiga, mas coerente, a legitimidade das acções da ACAPOR, a validade das eventuais provas apresentadas e a moralidade da sua queixa. O artigo será colocado em várias partes por ser bastante extenso, pelo que mantenham-se atentos. Introdução…

Diversos

ACAPOR pretende apresentar 1000 queixas por mês contra piratas nacionais

Com início no dia 5 de Janeiro, data onde apresentará as primeiras 1000 queixas, a ACAPOR (Associação de Comércio Audiovisual de Portugal) pretende apresentar mensalmente um milhar de denúncias de actos de pirataria com números de IP portugueses. Neste primeiro grupo de 1000 queixas, 970 são relativas a partilha ilegal de obras, ao passo que as restantes 30 dizem respeito à usurpação de endereços de…