TAKE TWO: Serviços de subscrição não funcionam para os jogos da linha da frente.

5 3 votes
Avalie o nosso artigo

O CEO da Take Two falou sobre o modelo de subscrição. E apesar de achar que ele se adequa a jogos de segunda e terceira linha, não os vê como rentáveis quando se fala em jogos de primeira linha.

Straus Zelnick é CEO da Take Two, e numa entrevista, este comentou a situação financeira de serviços como o Gamepass. E ao longo dos tempos nada mudou na sua opinião: Ele acredita que estes serviços são muito bons para jogos já antigos, mas não para novos jogos. Algo que ele vem a referir desde à anos.

A nossa perspectiva sobre o assunto permanece sem alteração. Acreditamos que um modelo de subscrição pode fazer sentido para jogos de funda de catálogo. Mas não faz verdadeiro sentido para os jogos da linha da frente. Para que um modelo de negócio faça sentido na industria do entretenimento, ele tem de funcionar com os criadores do entretenimento, assim como com os consumidores do entretenimento. Penso que produtos de fundo de catálogo fazem sentido para os publicadores e para os consumidores que são avidos, e querem ter acesso a muitos produtos. Mas quando falamos dos produtos da linha da frente, então a economia dos mesmos é muito mais dificil de fazer sentido num modelo desses.

Zelnick chama a tenção que o amodelo dos filmes como o Netflix, que oferecem uma experiencia de entretenimento linear, são diferentes do entretenimento interativo.

Os consumidores que estão envolvidos em entretenimento interativo possuem diferentes padrões de consumo. Os consumidores de entretenimento linear podem consumir algo como 150 horas de programação por mês. Estamos a falar de mais 100 títulos diferentes. Mas no caso do entretenimento interativo, os consumidores consomem algo como 45 horas por mês., o que pode ser um, dois, três ou quatro títulos. Seja o que for, certamente não são 100 títulos. Daí que numa perspectiva de consumidor, para a maioria dos consumidores, não é claro que o modelo de subscrição faça realmente sentido.
Esta é uma entrevista à qual muito poderia ser acrescentado e dito… Mas neste caso recorde-se apenas que o GTA V já entrou no serviço duas vezes, pelo que Straus tem dados para poder falar.


5 3 votes
Avalie o nosso artigo
17 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Sparrow81
Sparrow81
2 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Ou seja, só jogo multi meia boca day one no serviço e os da Microsoft, que pelo “carinho” que vem tratando sua maior franquia, já temos pistas suficientes da qualidade que vem no futuro. O que importa é que o fã de Xbox mais fervoroso achou Halo muito bom e está feliz.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
2 meses atrás

O seu comentário explica porquê não quero comprar um Xbox de nova geração, e me admira eles não terem estragado o Forza Horizon ainda, o único sobrevivente de alto nível da plataforma

Deto
Deto
Responder a  Carlos Zidane
2 meses atrás

Forza da para entupir de DLC e microtransações e fica fácil fácil fazer um GaaS baseado nele sem necessariamente destruir o jogo.

Até a sony conseguiu fácil fácil transformar GT em GaaS no GT Sport e com sucesso de público.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Deto
2 meses atrás

Sobre o GT Sport tenho que discordar parcialmente, o jogo é o único GT que eu não gostei e não vou voltar a jogar. Não dá pra negar é a qualidade dele.

No caso esqueci de citar o Forza Motorsport, que também é excelente, divertido e muito bem feito, no entanto ele tem algo que o Horizon não tem, concorrentes.. e nesse caso poderia citar de cabeça pelo menos 3.
Além de ter lido que vão mexer nele na próxima edição e não sei se será bom ou mal. Por exemplo, não me dou bem com Assetto Corsa, espero que não vá por aí, embora muita gente vá amar… E é uma série que sofre de cansaço também, precisam renovar mesmo.

Deto
Deto
Responder a  Carlos Zidane
2 meses atrás

até onde eu sei, o GaaS GT Sport está fazendo tanto sucesso quanto os GaaS de maior sucesso da MS.

agora já tem conteúdo, mas igual não vou comprar pq já tem anunciado o GT7.

Deto
Deto
Responder a  Sparrow81
2 meses atrás

Na minha experiência, o backslash vai vir depois do jogo sair…

Igual foi Dead Space 3, tinha rumores do pessoal reclamando, mas não deu muita discussão.

o jogo saiu, o 3 vendeu menos que o 2 e a EA enterrou a franquia e depois de mais alguns jogos fechou a Visceral.

Sabe pq não tem backslash do Halo Infinite estar virando Fortinite para rodar até em celular?

Pq ninguém liga…

Deto
Deto
2 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Eita, e hoje:

Phil Spencer Doesn’t Want to Copy Sony’s Strategy with Single Player Blockbuster Games

https://wccftech.com/phil-spencer-doesnt-want-to-copy-sony-single-player-blockbuster-games/

E no fim, como o cara é ensaboado, ele só falou que não vai copiar Sony ou Nintendo… o resto de “blockbuster” foi conclusão baseado no que o Phill falou, que não vale muita coisa.

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
2 meses atrás

pois é, até eu cai no golpe… vou até editar isso.

os caras correram lá concluir algo nada haver…

da para supor, mas não afirmar.

da para supor que ele não vai lançar jogos AAA SP igual a Sony, da para supor que ele não vai lançar portátil igual a Nintendo.

e da para supor que isso não quer dizer nada e que ele vai fazer justamente isso, copiar portátil com xcloud e começar a lançar AAA SP com a Bethesda.

uhauhauhauha

HENNAN SANTOS CARVALHO
HENNAN SANTOS CARVALHO
2 meses atrás

Basicamente na opinião dele, o gamepass não será tão abrangente quanto o netflix ou outros serviços. Justamente porque as pessoas tendem a dedicar mais tempo em um único jogo do que em outra mídias, de tal forma que o pagamento de uma assinatura pode não ter um bom custo beneficio para a maioria dos jogadores. Não tenho números para confirmar ou refutar o argumento, mas acredito que ele tem razão. Ao meu ver, se a assinatura anual custar acima de 180 dólares por ano, já não faz nenhum sentido. Poucos gastam mais do que isso comprando games anualmente.

Deto
Deto
2 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Nessa página do GAF o pessoal ta discutindo bastante o xcloud.

https://www.neogaf.com/threads/xbox-everywhere-phil-spencer-wants-an-xbox-app-on-as-many-devices-as-possible-switch-playstation-excluded.1615513/page-4#post-264356111

tem dois caras postando coisas bem interessantes.

Marco Antonio Brasil
Responder a  Deto
2 meses atrás

A discussão está muito boa. O argumento de que o GP não é tão apelativo para expandir a base atual é muito pertinente.
Cara sabe uma coisa que me chama atenção? Os defensores do modelo gamepass, em geral, são mais fanáticos. Por exemplo: o Mário é crítico ao GP, mas ele consegue enxergar que o serviço é apelativo ao consumidor de games. Como vários que comentam aqui. Já cansei de ver gente dizer “acho que tem os problemas X ,Y e Z, mas pode dar certo por causa de A,B e C, mas tenho medo dos efeitos colaterais no mercado, etc”. Já os defensores não conseguem formular nenhum defeito ou lado negativo nessa ideia dos serviços! Sempre argumentando como se fosse uma aposta infalível e impassível de qualquer mínima crítica.
Acho isso extremamente cansativo!

PS: curioso que isso também ocorre com tlou2. Conheço várias pessoas que gostaram do jogo mas, por exemplo, acham o 1 melhor ou conseguem dizer “o jogo é ótimo, mas não gostei disso ou daquilo”. Claro que tem os defensores fanáticos, mas me parece que é uma minoria. Já os que não gostaram, a grande maioria assume a postura de hater: “jogo lixo”, “lacração”, Flop, e daí para baixo.

Deto
Deto
Responder a  Marco Antonio Brasil
2 meses atrás

E pq o playstation não aposta nisso.

Basta um diferencial claro entre o xbox e playstation, que tenha algum ponto de vantagem, mesmo que seja ridículo, que eles ficam doidos defendendo.

mais recente foi o circo, com ajuda do Astroturfing Windows Central, sobre o SSD do PS5 que eu nem preciso comentar, pq todo mundo aqui já sabe.

Inventaram até uma historia maluca de “exclusividade temporária” do cartucho de memória do Xbox para dizerem que ele “vai ficar barato pq tb vai ter concorrência”

Agora imagine o GP, que é o melhor negocio para jogar os jogos que estão lá fixos?

Obvio que eles vão militar loucamente para defender e achar que é absolutamente perfeito e maravilhos e é tão bom que todo mundo que joga no celular vai assinar xcloud…

Sobre o Last of Us… viu a última?

Um lunático moderador do reddit do Last of Us 2 fez fake news que estava sendo ameaçado de Morte pelo “publico” da Gilfriend Review… so pq eles elogiaram o jogo em analises e o Niel retuitou eles.

A Redditor on r/TheLastOfUs2 sent death threats to himself and blamed us. | Girlfriend Reviews

https://www.youtube.com/watch?v=OF9HLsPFfCw

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
2 meses atrás

A MS divulgou pesquisa que eles fizeram sobre “pilhas vs bateria” e disse que 50% preferem pilhas.

Da aproximadamente o numero de assinantes do GP.

E se olhar pelos foruns, internet em geral; os defensores do xbox sempre defendem as pilhas e o GP.

bem coincidência esses números.

Fico imaginando se tb são 50% da base do xbox dizendo que preferem cartão de memória proprietário.

Parece mesmo que o GP só vende para fã hardcore do xbox.

https://meuxbox.com.br/xbox-series-x/microsoft-explica-por-que-o-novo-controle-do-xbox-series-x-ainda-usa-pilhas/

error: Conteúdo protegido