Trump não pode bloquear pessoas no Twitter

A decisão é do tribunal, por violação da constituição, uma vez que a conta é do Presidente dos Estados Unidos e não pessoal de Trump.

Naomi Reice Buchwald, Juiza federal impediu Donal Trump de bloquear pessoas na sua conta de Twitter alegando violação da Constituição Norte Americana, de acordo com a CNBC.

A juíza entende que o Twitter é um forum público no qual o atual Presidente dos Estados Unidos optou por estar presente e que como tal este não pode negar ás pessoas direitos fundamentais previstos na constituição, nomeadamente o direito à expressão previsto na primeira emenda.

A realidade é que mais de 52.2 milhões de pessoas seguem o Twitter de Donald Trump que enviou já 37.600 tweets desde Março de 2009, sendo que várias foram bloqueadas por Donal Trump por motivos dos mais diversos, levando inclusive a vários processos em tribunal contra o Presidente.

Apesar de o Tribunal não ter ordenado directamente Donalt Trump a desbloquear as pessoas bloqueadas, alegando que não se mostra necessário que os tribunais mostrem o poder que possuem sobre o Presidente e que este tem de cumprir a lei não havendo ninguém acima dela, a realidade é que a situação está implícita. E dessa forma Trump a continuar no Twitterm terá de ouvir o que elas tem a dizer sem as impedir de falar.



 



Posts Relacionados

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of