Um em cada 5 jogos Playstation vendidos é um exclusivo

5 4 votes
Avalie o nosso artigo

Estes números matam todo e qualquer argumento de que os exclusivos não são importantes na compra de uma consola.

Os exclusivos importam… Sempre importaram, e sempre importarão. E não adianta tentarem vir com demagogias ou com catequismos de que eles são maus para os consumidores, ou que eles não são relevantes.

Isso são tretas, e sempre foram.

Os exclusivos são criados com o intuito de promover um produto. A liberdade das pessoas na compra existe, e sempre existiu, sendo que a existência ou não de jogos exclusivos numa plataforma tem de ser tomada em conta no momento da compra. É aliás esse o motivo pelo qual eles são criados, o criar pontos de interesse e atracção que são únicos numa plataforma, e que levem as pessoas a escolher essa plataforma sobre a outra.

A exclusividade é uma prática normal e standard do mercado. Não é e nem nunca foi má para o consumidor, mas é e sempre foi algo de bom para promover a diferença entre dois artigos concorrentes e fazer vender um sobre o outro.



Ora os exclusivos PS4 vendidos no último quarto fiscal da Playstation mostram bem a importância dos mesmos. O número revelado oficialmente pela Sony foi que um em cada cinco (1 em 5) jogos vendidos, era exclusivo, o que não é de admirar dada a qualidade dos exclusivos Sony que foram lançados nos últimos tempos. Estamos a falar de jogos por norma candidatos ou mesmo vencedores do título de jogo do ano, e dos melhores jogos existentes na actual geração de consolas.

Basicamente se houve uma geração em que a Sony se destacou pelos seus exclusivos, foi a actual. Não só os títulos foram muitos, como a qualidade destes foi absolutamente assombrosa em todos os que se definem como AAA.

Ora se considerarmos que a proporção de venda foi de 1:5, mas que a quantidade de jogos não exclusivos bate claramente esse valor, torna-se fácil perceber que os exclusivos estão a ser alvo de enorme procura. São assim o ponto de interesse da consola, e um dos seus argumentos de venda.

Basicamente todos os exclusivos Sony desta geração cativaram por um motivo ou outro, mas foi com Uncharted, Horizon Zero Dawn e God of war que os exclusivos Sony começaram a destacar-se e a tornar-se fortes argumentos de venda. A partir daí tudo o que a Sony lançou foi ouro e mesmo pequenos estúdios como a Bend conseguiram produzir jogos de qualidade como Days gone que foram também sucessos de vendas.

Depois Spider-Man cimentou a coisa e em 2018 a Sony já referia que os exclusivos estavam a aumentar em 65% os seus lucros.

Mas a vinda de The last of us 2 e Ghost of Tsushima cimentaram a qualidade dos exclusivos Sony. Dois jogos fabulosos que exploram mais do que nenhum outro ao máximo as potencialidades da consola, e que nos trazem um ano pré PS5 fabuloso, e que tem permitido à Sony manter as vendas da sua consola em alta.



Os exclusivos vendem como nunca, e os lucros da Sony são históricos.

A Sony está bem e recomenda-se… assim como se recomenda os jogos deste ano, The last of us 2 e Ghost of Tsushima… dois jogos fabulosos que nenhum gamer digno desse nome deve pensar em deixar passar ao lado.



5 4 votes
Avalie o nosso artigo
37 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
By-mission
By-mission
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Mário na primeira parte (terceiro parágrafo) está escrito PS5 não seria PS4 eu entendi perfeitamente, mas visto estar muito perto do lançamento da PS5 alguém pode fazer confusão.. Desculpe qualquer coisa.

Davi
Davi
1 mês atrás

Quero ver listarem todos esses “exclusivos”!

Julio Esteves
Julio Esteves
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mais um artigo interessante!
A MS dizendo que os seus jogos estarão disponíveis em vários dispositivos tira o interesse direto no XSX (e o preço dele é mais um desincentivo a compra neste contexto).
Questiono sobre a importância estratégica dos exclusivos no lançamento de uma novo console?
Não tem algo de errado neste marketing ou você uma justificativa não evidente?

By-mission
By-mission
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

OFF TOPIC :
Na época do lançamento da PS4 infelizmente eu não conhecia o PCmanias e nem a Eurogamer UK e isto me passou completamente ao lado, bom hoje lendo pela primeira vez parece até um d’javu…

Andrew Gossen:

“Assim como nossos amigos, somos baseados na família Sea Islands. Fizemos várias mudanças em diferentes partes das áreas … A maior coisa em termos de número de unidades de computação é algo que tem acontecido muito fácil de focar. É tipo, ei, vamos contar o número de UCs, contar os gigaflops e declarar o vencedor com base nisso. Minha opinião é que quando você compra uma placa gráfica, você segue as especificações ou você realmente executa alguns benchmarks? ” ele diz.

“Em primeiro lugar, não temos nenhum jogo lançado. Você não pode ver os jogos. Quando vir os jogos, você estará dizendo, ‘qual é a diferença de desempenho entre eles’. Os jogos são os benchmarks. Nós ‘ com o Xbox One, tive a oportunidade de verificar muito nosso equilíbrio. O equilíbrio é realmente a chave para obter um bom desempenho em um console de jogos. Você não quer que um de seus gargalos seja o principal que o atrasa. ”
“mas em termos de jogos reais medidos – o que realmente conta – é que foi uma decisão de engenharia melhor aumente o relógio. Existem vários gargalos no pipeline que podem fazer com que você não obtenha o desempenho desejado se o seu design estiver desequilibrado. ”

“Aumentar a frequência impacta toda a GPU, enquanto adicionar CUs aumenta os shaders e ALU”, interrompe Nick Baker.

“Certo. Ajustando o relógio, não apenas aumentamos nosso desempenho de ALU, também aumentamos nossa taxa de vértice, aumentamos nossa taxa de pixels e ironicamente aumentamos nossa largura de banda ESRAM”, continua Goossen.

“Mas também aumentamos o desempenho nas áreas em torno de gargalos, como as chamadas de tração fluindo pelo pipeline, o desempenho de leitura de GPRs do pool de GPR etc. As GPUs são extremamente complexas. Existem zilhões de áreas no pipeline que podem ser o seu gargalo além de apenas ALU e buscar desempenho. ”

https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-vs-the-xbox-one-architects

Sparrow81
Sparrow81
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Exclusivos não importam;
Vendas não importam;
Exclusividade geracional é contra gamers;
12>9;
Xcloud vai destruir a Sony;
Playstation não vende por causa de Exclusivos, é porque o povo é desinformado;
Sony anticonsumidor;
Chupa poneys, eu tô jogando RDR 2 grátis;

E assim caminha o mundo do pirulito, onde só seus habitantes enxergam vantagens em coisas esquisitas.

Julio Esteves
Julio Esteves
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Não sei se conheces? O youtuber CAIXISTA ArnaldoDK falando sobre o adiamento de Halo Iinfinte para 2021 chamou o Gamepass (pela dependência nociva que gera na qualidade dos jogos) de cracolândia dos games. Isto é um exagero, mas tem um fundo de verdade.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Arnaldo DK vem falando isso faz anos… “O gamepass vai ser a ruína do Xbox” e isso não precisa ser super inteligente para perceber né? O serviço é um custo baixíssimo para o consumidor, o que é ótimo, mas lançam tudo day one nele… Até os AAA? Esses jogos que seriam vitrine estão descendo o nível para atender o serviço. Alguém aqui acha que a qualidade mostrada de Halo infinite é de um triple A? Killzone, jogo de início de geração é muito mais belo que o principal título de Xbox? Isso não tá errado, tá é MUITO absurdo! Impensável em outra época.

Livio
Livio
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

De triple A não, de AAAA!

Julio Esteves
Julio Esteves
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Sei muito bem que não tens prazer em criticar por criticar, mas sim de embasar a tua opinião com fatos. Sigo a Pcmanias desde da época do PS2 (2007?) e posso testemunhar sobre isto.
Mas há muitos que marcam quem mostra os fatos ocultos como sectários ou com interesses não confessos.
Infelizmente é assim na internet…

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mário, meu parabéns. Você sabe mais do português coloquial do Brasil que a maioria dos brasileiros. Haha

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Julio Esteves
1 mês atrás

O gamepasss é um bom serviço… O problema dele é que virou uma muleta para xbots e um atraso para Microsoft na questão qualidade… Eles deveriam limitar a quantidade de games day one no serviço… Deixa isso para alguns indies! As pessoas devem aderir e comprar os jogos porque são bons, não porque são gratuitos… É uma inversão das coisas o que a MS faz com gamepass…
Rare não tem potencial para fazer um Battletoads com design muito mais belo e qualidade indiscutível? Óbvio que tem! Só usei esse exemplo para mostrar que eles estão limitando o orçamento de futuros games e Studios talentosos para sair day one no gamepasss. O que isso significa? Corte de qualidade, de orçamento do game, etc… Desce a qualidade para atender.

Deto
Deto
1 mês atrás

Para quem achava que a Sony iria liberar tudo no PC:

Horizon Zero Dawn Complete Edition sees PC release today.

Over three years after its debut, and with its highly anticipated sequel Horizon Forbidden West confirmed to be coming to PlayStation 5, it’s a great time to introduce a new audience to this fan-favorite epic. For anyone who’s never owned a PS4, or those who’ve skipped on a generation or more, it’s a great example of the kinds of games we consistently aim to deliver.


https://blog.playstation.com/2020/08/07/horizon-zero-dawn-complete-edition-sees-pc-release-today/

==========================================

Se esse texto ai demonstra a realidade do motivo do port para PC, deixa bem claro que parece que o primeiro jogo saiu no PC pq “metade do trabalho” já tinha sido feito pelo Kojima portando DS para PC, e agora a Sony lançou o HZD no PC para fazer propaganda da sequência para PS5.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Deto
1 mês atrás

Mas tava bem clara essa estratégia… Acho que o pessoal tá se preocupando bem a toa… Sony sabe que uma das coisas mais importantes do seu sistema são os exclusivos. Seria subestimar demais a empresa achando que ela vai lançar tudo no Pc.

Daniel Corrêa
Daniel Corrêa
1 mês atrás

Na moral você fica com os seus exclusivos, que eu fico com meu Gamepass! Tenho mais opções que você, aliás o serviço está ótimo, pois além de ter um preço justo, ainda da-me opção de jogar em qualquer plataforma que eu desejar! E não me venha com a afirmação que dá prejuízo ou que os jogos são medíocres, pois são os jogos que gosto de jogar e são maravilhas modernas que nenhuma outra empresa faria, como por exemplo o Fligth Simulator, por exemplo, só para ficar nesse último lançamento soberbo é que virar para várias plataformas via Gamepass! Adianto que apesar de assinar o serviço eu o comprei. A Sony não pode se dar ao luxo de ganhar somente com os jogos, precisa ganhar com hardware! Bobagem você tentar convencer esse ou aquele de que seus argumentos por PlayStation são melhores, apesar de aceitar o fato de que essa plataforma tem jogos muito bons e super caprichados!!

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Daniel Corrêa
1 mês atrás

A única opção você quer dizer, né? Você joga o que quer na hora que quer no gamepass? Não!! Você joga o que eles disponibilizam naquele momento!

Gamepasss é bom até qual ponto? Eu compro mídia física e posso fechar um game single player e revender ele com uma desvalorização de R$20,00/R$30,00 em média! Sabia dessa opção? Ou prefere ficar escravo de um serviço que te dá opções variadas, mas por outro lado não te dá o que você quer jogar, na hora que quer jogar?

E os exclusivos da Sony estão muito acima dos da Microsoft. Isso é assunto superado, não adianta dar soco em ponto faça falando que jogo é gosto! É gosto sim, mas na Sony se tem para todos os gostos!!

Ips novas no PlayStation na geração PS4:
Until Dawn
Bloodborne
Ghost of Tsushima
Days Gone
Death Stranding
DriveClub
The Order 1886
The Last Guardian
Horizon Zero Dawn (uma das melhores histórias dos games, original e vasta)
Judgment
Concrete Genie

Só para citar alguns. Todos ips NOVAS. Todos os jogos com muita diferença entre eles… Não quer que cite sequências TB né? Pois aí é até covardia a comparação.
Dá uma pesquisada nesses jogos… Maioria se acha por 30,00/40,00 reais usado… E vc pode revender depois ou trocar por outro game na HORA QUE VOCÊ BEM ENTENDER.

Não é meia dúzia falando que PlayStation é superior em jogos, é 80% da base de gamers. A Microsoft vai sustentar a plataforma com 20% ou 15% desse público oferecendo jogos com qualidade duvidosa, que se joga em celulares? Não tem nenhuma lógica em comprar um console que rode seus jogos em qualquer lugar e que se sacrifique qualidade para isso.

Agora, se você é gamer casual, ok, atende. Concordo. Só está discutindo o assunto no lugar errado. Não estamos falando de pessoas que jogam sem compromisso algum… Estamos a falar de pessoas que gostam da imersão, que toda semana passam horas jogando e querem que os games sejam mais do que um simples entretenimento para quando se está entendiado.

Acorda!!!!

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Assino por baixo Sparrow81!

Deto
Deto
Responder a  Daniel Corrêa
1 mês atrás

Depois que eu virei adulto parei de depender da Mãe para me dar jogos que ela quisesse comprar para mim, e deixasse eu jogar pelo tempo que ela decidiu deixar eu jogar.

Reparou nos paralelos?

Pois é exatamente o que vc tem no gamepass, fique feliz com ele no teu canto, depois que o GP transformar o xbox em APP de streaming para Celulares vc pode parar de jogar nos video games e jogar groundeds da vida no celular.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
1 mês atrás

Devem fazer essa separação porque jogos first-party não envolvem royalties, logo o valor é inteiramente da Sony.

E se trata de um número surpreendente. O PS4 tem cerca de 4879 jogos, e apenas algumas dezenas deles (< 100) são first-party.

E ainda tem gente que diminui a importância de ter uma forte biblioteca first-party. Esse artigo na gamingbolt é interessante, e mostra como a Sony tem investido pesado em uma biblioteca first-party, e que a Sony está buscando alcançar um patamar semelhante à da Nintendo com sua biblioteca de jogos https://gamingbolt.com/the-ascension-of-sonys-first-party-and-what-it-means-for-ps5

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Eduardo
1 mês atrás

Perfeito! Para algumas pessoas, 1 exclusivo de interesse basta para aderir a plataforma.

Horizon (10+ milhões)
Uncharted 4 (16+ milhões)
TLoU remastered (8 milhões?)
God of War (15 milhões?)
Spider-Man (13.5 +/- milhões)
TLoU 2 (10+ milhões ctza)
Ghost of Tsushima (10 milhões?)
Days Gone (7+ milhões)

Só aí vemos que chegamos bem próximo ao número total de vendas de console… Ou seja, de uma base de 110 milhões, onde se empresta contas, se troca jogos e se vende usados, a base foi preenchida apenas com esses jogos. Fora acordos de terceiros como FFVII REMAKE que já vendeu 5 milhões só no PlayStation 4 até o momento.

Ewertom
Ewertom
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Enquanto isso na Switch…..Animal Crossing perto de 25 milhões,Mario Kart 8deluxe perto dos 30 milhões e etc,etc

Deto
Deto
Responder a  Ewertom
1 mês atrás

e no fim a Nintendo esta ganhando de não ter Third no Switch….

sem concorrência, se o caras não comparem tudo que a Nintendo lança, ficam com 3 ports lixo de multiplataformas.

Ewertom
Ewertom
Responder a  Deto
1 mês atrás

Ta vendendo que nem água,desbancando a concorrência com triplo A e afins,fala bobagem não brother.
Cita exemplo de concorrência para TL e GHost

bruno
bruno
Responder a  Ewertom
1 mês atrás

Ha uma diferença muito grande Ewertom…

A Sony nao divulga números de vendas. A Nintendo sim. A maioria destes dados chegam-nos de ha 2 anos atras.. Uncharted 4 estava nos 16 milhoes em 2018/inicio de 2019. Os numeros podem ser maiores.

Dai o Sparrow ter colocado o sinal + a seguir ao valor.

Eu nao descartaria a Sony estar com alguns titulos acima dos 20 milhões.

So para teres uma ideia, o relatorio de uma firma de investidores do ano passado sobre a Sony relatava 8 milhoes vendidos para Infamous Second Son.

Vais tentar encontrar a informação por ti próprio… chegas nos 1.6 milhoes… 2 milhoes.

Ha uma enorme discrepância.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Ewertom
1 mês atrás

Não Fui Nintendista e tenho o Switch… Sinceramente, não são mais jogos pra mim… A Nintendo anda mais preguiçosa do que nunca…
As vendas de Switch Te jogos para ele também podem ser interpretadas de outra forma, já que as vendas do Wii U foram o maior fracasso da história da empresa. Pouca gente jogou os games de Wii U e está jogando agora no Switch… E o que sai de novo, vende ainda mais. Animal croossing vende muito pq a família joga isso, vicia crianças tb, etc.. assim como GTA V vicia adolescentes… Mario kart 8 jantem no Wii u e lá vendeu nada, era uma janela que tinha que ser preenchida. Com o sucesso de vendas do Switch, estourou a vender… Mas eu lamento quanto a Nintendo, por meu egoísmo… Gostaria de mais variedade… Coloca todos os jogos exclusivos lançados na geração PS4 e compara com Wii u e Switch agora… Quem tem a biblioteca com maior variedade?

Andre gt
Andre gt
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Oi Mário,

mais indícios que o geometry engine do ps5 é mais avançado do que o presente na arquitetura RDNA 2…

Mal posso esperar pelo tear down e apresentação, vai que temos mais alguma outra feature do console para ser apresentada

https://twitter.com/RedGamingTech/status/1293265928109662209?s=20

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Andre gt
1 mês atrás

Apareceu hj no twitter TB novas afirmações que ps5 tem problemas com 4k nativos, é o caso do resident evil 8 e que ps5 será mais caro que o SX.

Andre gt
Andre gt
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

FUD vai rolar solto agora que a xbox está sem um título AAA pro lançamento… espere dos dois consoles na verdade rsrsrs, mas mais do ps5, o caso do re8 se passa no início do desenvolvimento do jogo, algo normal…

Nao ficaria surpreso se as diferenças nas comparaçoes entre jogos multi forem mínimas, ou pouco notáveis, nao podemos negar que em poder bruto o xsx leva, mas acredito que no futuro em jogos desenvolvidos para streaming de assets o ps5 vai mostrar vantagem, ainda mais nos exclusivos (esperemos o desenrolar).

Tb tinha uma especulaçao que o ps5 estava atingindo 100 graus… nem levo mais a sério pra n me estressar com essas notícias.

Deto
Deto
Responder a  Andre gt
1 mês atrás

nem FUD do PS5 ganha mais força.

ressuscitaram o “bloodborne no PC e REMASTER no PS5” para tentar emplacar novamente o FUD de “sony não tem retro e vai querer vender remaster” e “também vai lançar tudo no PC, não compre um PS5 no lançamento”

fora alguns sites idiotas e alguns foruns, ninguém deu atenção para isso.

eu diria que o FUD em cima do PS5 esgotou… acho que alguém tentou emplacar logo depois do anuncio do adiamento do Halo o FUD do “PS5 a 100 graus”, mas esse foi tão porco que não consegui achar de onde saiu até agora.

Eu diria que o FUD em cima do PS5 já esgotou… só ganha tração entre fanboys e nem lá ganha muito…

Note que o FUD do RE já morreu.

O máximo que o Astroturfing da MS está conseguindo é manter os fanboys lunáticos engajados.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Andre gt
1 mês atrás

Pois é… O FUD tá realmente complicado. Nunca vi antes nesse nível.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Pode ser isso mesmo… Mas essa gente está agindo de má fé ao espalhar meias verdades… Meias verdades que são mais mentiras quando não se explica de forma correta.

error: Conteúdo protegido