Wii Store encerrou

A data de término dos serviços Wii que fora anunciada anteriormente chegou, e a Wii Store da Nintendo fechou portas.

Com o advento das compras digitais o mundo dos videojogos tem vindo a ser tremendamente afectado. E o digital tem vindo a mostrar por incontáveis vezes o triste cenário das consequências das dependência de servidores online para a activação dos jogos, sejam eles por questões de DRM ou outras.

É certo que os estúdios encontram inúmeras vantagens em sistemas que comunicam com os seus utilizadores. Mas a realidade tem vindo a ser só uma: Passam-se os anos, e os jogos que usam serviços online para poderem ser jogados acabam por se tornar em mero espaço inútil ocupado num disco, seja ele um DVD. BD ou HDD. Basicamente um investimento de 70 ou mais euros esfuma-se completamente, sendo que a decisão de como e quando isso acontece nem sequer passa pelo cliente.

Basicamente isso passa-se agora, em pleno 2019, altura onde nos tentam mostrar as vantagens do digital, não com um jogo, mas com todo um conteúdo digital de uma consola. Neste caso a Wii e os produtos adquiridos na sua Wii Store, onde a mesma foi encerrada.

Ressalve-se que, nesta fase, a Nintendo permitirá aos jogadores continuarem a fazer download dos jogos que já compraram, mantendo-os depois em armazenamento fisico presente na Wii. Mas mesmo essa benesse acabará desactivada no futuro, pelo que quem não o fizer perderá mesmo acesso a tudo!



Apesar de pintado de forma atractiva e acompanhado de promessas e supostas benesses, este é infelizmente o panorama futuro mais provável de tudo o que nos é oferecido digitalmente nos dias que correm. Aliás no caso das plataformas moveis não só temos estes problemas mas, devido à rápida evolução do hardware e software, temos questões de incompatibilidades, quer de hardware, quer de software, que levam a que jogos mais antigos deixem de poder ser jogados.

Apesar de esta situação poder vir a mudar no futuro, tal é pouco provável. O custo de manter armazenado e acessível tudo o que existia anteriormente, para acessos esporádicos de alguns, é incomportável. E isso quer dizer que mais do que certamente, daqui a 10 ou 20 anos não teremos acessível nada do que hoje está disponibilizado.

A piorar a coisa, temos os jogos a serem lançados cheios de problemas e a necessitarem de atualizações logo no seu lançamento. Daí que esses jogos ou são guardados com as atualizações feitas, o que implica a sua manutenção devidamente instalados, ou então mesmo esses poderão ser injogáveis, apesar de acessíveis.



Posts Relacionados

newest oldest
Notify of
José Galvão
Visitante
José Galvão

O grande problema é o facto de que o digital está a afectar o físico de uma forma irreparável com a moda do patch, a partir da geração passada a grande maioria do legado dos videojogos está praticamente arruinado.