Afinal a Sony não mentiu… Os media é que distorceram as suas palavras e passaram uma imagem errada

4.3 6 votes
Avalie o nosso artigo

Quem segue regularmente as notícias teria claramente a ideia de que a Sony trazia consigo uma filosofia de que não suportaria sequer jogos Cross Gen, apostando forte na mudança de geração. Mas essa ideia foi introduzida pelos media, pois na realidade a Sony nunca disse isso.

Creio que a maior parte de nós que segue as notícias tinha a clara convicção que a filosofia da Sony não passava pelo lançamento de jogos Cross Gen. Sinceramente, pel menos da nossa parte essa era a nossa convicção perante as notícias que liamos.

E assim, perante o sucedido, e o anuncio que Miles Morales e Horizon: Forbiden West sairiam na PS4, a deceção foi grande. A Sony mentiu…

Mas será que mentiu mesmo? Ao longo de pelo menos geração e meia, a Sony tem vindo a ser muito direta e correta para com os seus fans, e nesse sentido, mesmo perante as evidências resolvi pesquisar um bocado. Eis o que encontrei!

A 30 de Maio de 2020, numa entrevista ao games Industry.biz, Jim Ryan referiu:



Sempre dissemos que acreditávamos em gerações. Acreditamos que quando te dás ao trabalho de criar uma consola de nova geração ela deve incluir características e benefícios que a geração anterior não incluía. E com isso em mente, as pessoas devem fazer jogos que tirem o máximo partido essas características Estamos a pensar que é altura de dar à comunidade Playstation algo de novo, algo diferente, que apenas possa ser usufruído na PS5.

Apesar de a entrevista ao Games Industry.biz ter sido basicamente transcrita por este website (podem-na ver aqui), outros websites que a abordaram fizeram as suas próprias interpretações das frases. É o caso da Pushsquare neste artigo.

Ali podemos ler este texto que não é dito por Jim Ryan, mas uma interpretação do autor do artigo, e que dá depois origem a uma série de outras notícias onde cada uma delas acrescenta um ponto.

Claro que ao longo da história das consolas sempre houve software desenhado para se tomar partido da nova caixa. A aproximação da Microsoft com a Xbox série X está a causar algum debate, porque este está comprometida a lançar os seus títulos tanto na sua plataforma de nova geração como na presente – pelo menos no primeiro ano ou dois. E isso quer dizer que jogos como Halo: Infinite sairá na Xbox Series X, Xbox One X, e na Xbox One S.

Estava dado o primeiro passo para se entornar o caldo. Esta comparação foi pegada por inúmeros websites e mesmo fans da marca que a espalharam aos sete ventos, com a seguinte mensagem já distorcida: “A Sony não terá jogos Cross Gen”.

Ora até se compreende a distorção das frases, mas a realidade é que tal não é verdade. E recuando mais algum tempo, indo para uma entrevista num website mais afastado do meio das consolas, temos uma entrevista de Jim Ryan à CNET, em 4 de Junho de 2019, onde ele refere, textualmente de forma clara, o seguinte (ver aqui):

Entre outros, Ryan diz que a sua empresa planeia oferecer jogabilidade “Cross Generational”, efetivamente oferecendo aos jogadores a possibilidade de jogar os seus jogos na PS4, mudar para a nova consola, e continuar, podendo mudar para trás de novo. Efetivamente, para os servidores da Sony não interessa em que máquina se está a jogar. Como resultado, os amigos serão sempre os mesmos.

Seja com a retro compatibilidade ou a possibilidade de jogos entre consolas de gerações diferentes, iremos transitar a comunidade para a nova geração. E não haverá uma situação de escolha entre estar na PS4 ou na nova geração, para se manter os amigos.

Resumidamente, devo aqui um pedido de desculpas à Sony, que o estou a fazer com este artigo, e com uma menção desta atualização que aparecerá no outro. A Sony não mentiu, apesar que o ter ocultado a situação destes jogos até à última também não ajudou, especialmente pelas espectativas que as pessoas criaram. A realidade é que o clima que rodeia as consolas é muito tóxico, e devido a tal todos podemos errar, particularmente websites como o nosso cujas fontes de informação são websites terceiros que podem já ter contagiado a informação. A diferença está depois na hombridade de se assumir os erros quando eles existam, e neste caso, estamos não só a assumir exatamente isso, como tivemos a iniciativa, como sempre o fizemos, de ir verificar a credibilidade da informação.

PS: Mesmo assim estou chateado com o aumento dos preços.



 

 



4.3 6 votes
Avalie o nosso artigo
147 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Rui
Rui
1 mês atrás

A verdade da mentira, a frase ” nós acreditamos em gerações e queremos dar algo novo, algo apenas possível na ps5″ vai contra o que foi anunciado e estas declarações julgo serem as mais recentes, as outras em 2019 ainda nem existia o covid19.

O que a sony fez foi uma aproximação à microsoft mas podemos olhar pro copo da forma que nos fizer sentir melhor.

Eu exclusivos no pc não me faz espécie nenhuma, mas sou contra jogos cross gen, sai a nova consola jogas jogos apenas na nova consola e os velhos por retrocompatibilidade.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mario, para sermos claros, o problema que tenho nao esta nos jogos serem ou nao cross-gen… cross-gen de first ou thirds sempre tivemos. Alias eu fui defensor que a Sony cometeu um erro enorme, no inicio da atual geracao de prender GT6, Puppeteer e Beyond a geracao PS3..

Esta na atitude da empresa, nas palavras e dissimulacao.. criticou-se a Microsoft por querer vender uma nova geracao com jogos Xbox ONE com alguns efeitos adicionais, a maioria indies. criticou-se a empresa por afirmar que durante os dois primeiros anos nao haveriam jogos next-gen, criticou-se a empresa por Halo Infinite, um jogo Xbox ONE (e a empresa sempre foi clara no que o jogo seria)

Aqui ha que se criticar a Sony. De acordo, o que a Sony mostrou tinha maior qualidade…

Mas aqui a critica ediferente… e defender uma coisa e fazer outra, e esconder essa informacao (ela nao foi clara no inicio de que o jogo nao seria cross-gen – algo que nunca antes aconteceu), de andar com pre-reservas surpresa e motivar hype sem falar tudo sobre a consola…

E uma atitude que nao gosto, uma atitude contraria a posicao da empresa em 2013. Nao tem nada a haver com a atitude da PS3… e diferente, mas nem por isso uma boa atitude. A Sony anda a esconder demasiada informacao, anda a dizer meias verdades e isso… eu nao vou aplaudir.

Mas para ser claro… se a Sony anuncia os jogos para PS4 e comenta que todos chegarao a PS5, nao haveria problema ai…

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Acho que e preciso comecar por admitir algo…nada do que foi apresentado ate agora indica uma nova geracao… excepto a demo da Epic games.

Tudo o resto usa assets, geometria, detalhe compativel com a PS4 ou ligeiramente melhor.

Ratchet e Clank goza de RT e transicao de mundos instantanea (algo que na geracao atual levaria com um loading.)

Demons Souls… idem. O jogo tem um grafismo ligeiramente superior ao melhor que foi conseguido esta gen, mas tambem nao e um jogo que tenha um grafismo next-gen. O que tem a seu favor e apenas os loadings.

Havia um rumor de que a Sony teria dado a ordem aos seus estudios para transitarem todos os seus projectos em desenvolvimento para a PS5. E agora temos a confirmacao que isso efectivamente ocorreu… todos estes jogos tem grafismo da atual geracao, com algumas melhorias ( RT nalguns casos), mas nada que indica “next-gen”.

E a conclusao a que chegamos e que, estamos a entrar na proxima geracao e nao tivemos um momento a “KIllzone Shadow fall” ou Infamus SS – em que fomos presenteados com um grafismo que sabemos seria impossivel na geracao atual.

Agora, sobre a Sony e o ter mentido ou nao…

Uma coisa e afirmar que esta a preparar jogos cross-gen, e anunciar isso claramente….

Outra que afirmar numa entrevista pretende oferecer jogabilidade “cross-geracional” – o que pode significar qualquer coisa desde updates aos titulos ainda a chegar a PS4 (e a Sony tem o resto das partes de FF VII ainda para chegar) a titulos cross-gen…

Ao mesmo tempo que faz uma conferencia – anuncia que todos os titulos estao a correr numa PS5 e nao informa se o que estamos a ver chegara a PS4 ou nao… algo que, repito, foi descoberto numa entrevista dada ao Famitso, e que por acaso foi reportada pelos media internacionais.

A Sony de forma consciente e propositada criou e alimentou a expectativa de suporte e jogos dedicados ao novo hardware (as declaracoes da Sony e o “acreditamos em geracoes” ja vem desde ha anos)…. e no fim… nao e isso que estamos a ver…

E desculpa-me, mas a unica que fazes neste artigo e procurar em declaracoes de PR que sao propositadamente “vagas”, um outro significado, uma outra intrepertacao possivel, uma forma de afirmar que afinal nada foi dito… quando foi… foi dito, afirmado e repetido de froma propositada…

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  bruno
1 mês atrás

Como podes dizer que foi dito, se os jogos não foram descritos como exclusivos de PS5, só que estavam a ser rodados no PS5 o que não era mentira, Kena no YouTube está lá a dizer PS5, mas o jogo é Cross gen, mas só foi anunciado depois do evento, eventos focados no PS5 eles preferiram focar em trailers e gameplay no hardware, tu encontras diversos trailers na conta da PS que aparecem a dizer PS4, PS5, mas se o trailer em questão ou a gameplay estiver a rodar no PS5, só faz referência a essa consola, chamas a isso enganar o consumidor, ou promover as qualidades e os benefícios de experiências daquela versão do PS5?? Portanto, não foi dito que não existiria jogos Cross gen, eu dizer que acredito numa coisa, não me impede de também acreditar noutra se as duas podem existir em simultâneo, porque tens tanto jogos cross-gen como jogos só para a nova consola, mas a tua frustração e sentimento de te sentires enganado pela empresa é válido, agora não uses o dito pelo não dito, omitiram informação que tu achas importante, sim ocultaram, mas não os faz mentirosos por isso, sendo que eles disseram que tinham projetos cross-gen. Mas eu diria que estás irredutível na tua opinião, que é válida e resultado da omissão de informações e abertura à especulação

bruno
bruno
Responder a  Helmer Silva
1 mês atrás

Eu nao digo que foi dito Helmer… eu provei isso no outro cometario ao Mario…

Sobre o serem descritos… muito simples… o primeiro evento PS abriu com um trailer de GTV remasterizado para a PS5… seguido de Jim Ryan a anunciar que tudo o quer seria mostrado apartir daquele ponto estaria a correr numa PS5 e levaste com imensos trailers de jogos exclusivos.

Podes me dizer: “Ah, mas eles so escreveram Playstation exclusive”

Pois so… mas antes desse evento andaram meses e meses a repetir que acreditavam em geracoes, e tens essa entrevista a afirmar que acreditam em criar hardware novo e criar jogos que tirem partido desse hadrware novo.

Assim como deram a entender que, aparti daquele ponto, os jogos seriam desenvolvidos para a PS5 ao speararem um remaster do resto do certame mostrado.

Porque um remaster e um cross-gen… nao sao muito diferentes.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Já teve First party Cross gen sim , o zelda twilight princess e o breath of the wild.

bruno
bruno
Responder a  Rui
1 mês atrás

Concordo com o Rui, excepto na parte dos cross-gen.

A posicao da Sony neste inicio foi clara; nos acreditamos em geracoes, nos queremos uma transicao rapida, nos acreditamos em titulos que tirem partido do novo hardware.

Podem ter havido nuances? Podem, mas eles foram muito claros nisto.

Isto seguido de conferencias onde os trailers foram anunciados como sendo PS5 (embora nunca tivesse sido estipulado, preto no branco que jamais chegariam a PS4) o que levou muitas pessoas a defenderem graficos PS4 como se fossem PS5.

No fim nao passou de palavreado… no fim, a maioria dos jogos que muita gente procurou defender como sendo PS5, eram na realidade PS4 cross-gen…

A Sony esta a ser dissimulada e a esconder muita informacao – uma atitude que nao e nada aconselhavel neste inicio de geracao.

Esta transicao de geracao nao esta a seguir o bom comportamento tido em 2013. Com a empresa a ser vaga em muitas instancias, desde retrocomptabilidade (que foi esclarecido so agora), a natureza cross-gen dos jogos ( foi preciso uma entrevista obscura fazer o anuncio disso), o lancamento de jogos para PC (afinal qual e o plano daqui para a frente), o que esta dentro da consola…

Aqui nao ha desculpas, nao ha formas de se evitar criticas.

Edson
Edson
Responder a  bruno
1 mês atrás

Só acrescentando, Bruno! Ninguém me tira da cabeça que aquela conversa que erraram com D Souls ter sido listado para o PC, é conversa fiada. Só disseram que não irá, por conta de causar problemas a imagem dela no início da geração, podendo atrapalhar nas vendas do console.

bruno
bruno
Responder a  Edson
1 mês atrás

Exacto… uma das consequencias de se porem a lancar Horizon Zero Dawn para PC, sem necessidade nenhuma.

Edson
Edson
Responder a  bruno
1 mês atrás

Exatamente! Parece que Horizon está sendo um fracasso comercial no pc, mas… Pirataria ne!!!

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Edson
1 mês atrás

E eu espero que continue assim para ver se a Sony desiste dessa ideia ou pelo menos seja sincera e diga quais jogos vão ao Pc.

Edson
Edson
Responder a  Daniel Torres
1 mês atrás

Com certeza, Daniel!

bruno
bruno
Responder a  Edson
1 mês atrás

Tens fonte disso?… Que esta a ser um fracasso comercial?…

nETTo
nETTo
Responder a  bruno
1 mês atrás

Mano, acho que ele está se baseando apenas na Steam BR

Edson
Edson
Responder a  bruno
1 mês atrás

Bruno, não tenho! Na verdade, quem me falou, foi um amigo youtuber chamado Wellington ( drake sincero) que me disse que o Horizon não havia vendido nem 100 mil cópias no PC. Ele costuma ter boas fontes, mas ele não especificou se estava falando da steam geral, BR, etc…

nETTo
nETTo
Responder a  Edson
1 mês atrás

De onde vc tirou isso kkk

Horizon ZD ficou diversos dias entre os mais vendidos no Steam a nível mundial.

Se não vendeu muito na Steam BR não segnifica que não vendeu bem no total. Aliás, já até tem PR da Sony confirmando que o título está indo acima das expectativas

bruno
bruno
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Tens fonte?..

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Edson
1 mês atrás

Aí já não concordo, erros humanos acontecem pela indústria de jogos toda, com devs a dizer algo, depois as publishers a desmentir, com os mass-media a distorcer a informação. Quem viu a informação no final do trailer do Demon Souls viu que havia ali uma contradição que dizia “PlayStation Exclusive : PS5” e dps em baixo a outra a informação sobre ir para outras plataformas e PC, portanto só logo aí as pessoas deviam ver que algo não está certo, IPs da Sony a chegarem a outra plataformas algo não muito normal e ao Pc day one também não é normal, podemos ver em outros trailers que a terminologia quando o jogo é exclusivo temporário é “PlayStation Console Exclusive” o que é diferente e que já se pode interpretar que o jogo sairá primeiro na consola da PlayStation, assim como a Xbox com o termo “Console Launch Exclusive”, portanto aí é as pessoas a não quererem ver o contradição na cara delas, mas eu entendo uma vez a confiança abalada e vendo jogos que assumiam que não eram cross-gen a virarem cross-gen passa-se a duvidar tudo. Mas sendo que a data do jogo já foi anunciada e não há versão na Steam ou Epic Store já diz muito, se existirá no futuro, isso deixo para os que advinham

bruno
bruno
Responder a  Helmer Silva
1 mês atrás

Helmer, tambem nao seria normal nunca, ver um exclusivo first party da Sony a chegar ao PC… e isso ocorreu. E ocorreu varias vezes nesta geracao (titulos da Quantic Dream, Death Stranding..)

Como me fartei de repetir, foi aberta a caixa de pandora… e agora as suspeitas sao validas e a Sony pos-se em posicao… para haverem duvidas, questionamentos…

https://www.pcgamer.com/just-admit-that-your-console-exclusives-are-coming-to-pc-already/

Depois a Sony comete um erro desses durante uma conferencia… com a mesma fonte que referiu a chegada de Horizon Zero Dawn ao PC a referir a chegada de mais titulos first party…. incluindo God of War, Days Gone e nao sei que mais…

Quem os mandou?…

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  bruno
1 mês atrás

Até aí tudo bem, dizer que eles se meteram a jeito para especulação, para os fãs acharem que nunca o deviriam ter feito, agora, estamos a falar de uma clara contradição num trailer. Daqui as uns anos podemos estar a falar e isto foi a premonição para a chegada dos jogos first-party ao PC day one, quem sabe. Agora os jogos da quantom dreams e death standing, não são first party, vieram de acordos e algo que também não estávamos tão acostumados que também se tornou standard na indústria, exclusivos temporários, entre consolas ou com o PC, já horizon é diferente, mas na minha visão eu não estou tão alarmante com isso, visto que eu sei dar valor ao que cada plataforma me oferece e vou sempre ver valor num consola vá um pc, comodidade e preço, mas não me entendas mal e entendo a preocupação é também não quero ver os jogos day one no PC ou as IPs novas a irem logo para o Pc, mas é o rumo que eles estão virados não posso fazer, retira valor à consola, retira, mas não é tanto como pensam, porque se acham que milhões de pessoas vão deixar de jogar em consolas só porque os jogos vão sair no PC, estão muito enganados, só vai fazer as pessoas que jogam no pc a não saírem da plataforma ou e não comprarem uma consola e os que possuem as duas ou mais ou que já queriam migrar, reduzam o número de plataforma ou transitem para o pc mas certamente isto não são as cerca de 200 milhões de pessoas que possuem uma consola atualmente, muito longe desse valor

bruno
bruno
Responder a  Helmer Silva
1 mês atrás

Contradicoes em trailers nunca ocorrera ate agora..

No caso da Quantic Dreams os Ips sao Sony. Death Stranding a Sony forneceu pessoal e um motor ao Kojima….

O problema que muitos falham em ver ea potencial perda de users. A PS4 continuara a ter valor para a Sony, sobretudo se barata, devido ao comercio na loja online e assinaturas na Plus. A Sony estma que cada user, ao longo do tempo de vida, despende cerca de 1600$ na consola. E este o valor de perda potencial..

Depois, tens uma fatia de utilizadores que possui as duas., consola e PC. Sao geralmente early adopters e tens imensos casos espalhados por ai. Sao significativos o suficiente para ter justificado a Pro. Sao esses que a Sony vai perder.

Livio
Livio
Responder a  Helmer Silva
1 mês atrás

E as revisões de vídeo?? Não existem?? OS responsáveis pelo marketing ou até mesmo gestores como Jim Ryan nem sequer revisaram o vídeo do evento? Quer dizer que se no lugar de Demons Souls no PC tivesse a frase que mandasse Jim Ryan tomar naquele lugar isso passaria batido?

nETTo
nETTo
Responder a  Edson
1 mês atrás

Vc assume que na imagem não ouve erro quanto ao PC, mas ignora que nas mesma imagem relatava que o jogo era exclusivo temporário em consoles, sendo que o IP e o Studio envolvido é da Sony, e a não ser que a Sony nesta nova geração venha a lançar jogos pro Xbox ou Switch, o que pra mim seria bizarro e impossível a está data, não tem como vc qualificar o que vc acredita e ignorar o restante da msg.

Pra mim foi erro

bruno
bruno
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Nada me espantaria a esta altura. Afinal MBL the show chegará a todas..

Edson
Edson
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Netto, há olhos para enxergar! Uns enxergam com olhos da razão, outros com o do coração e creio que vc esteja indo pelo segundo. O que Bruno e eu queremos dizer é o que está claro para aqueles que não estão olhando as coisas de forma passional. A Sony vem errando na mensagem, vem mentindo coisas, vem omitindo outras! Falaram que mais jogos chegarão ao PC, mas quais? Ai sai um D Souls com os dizeres que irá para o PC, mas… ” É engano! Acalmem-se, não sairá!” Outra coisa: Vc sabe tudo sobre expansão do SSD? Se der defeito, o que fará? Tem cartucho de expansão igual o XSX? Quanto custa? Os jogos custando 70 dólares vai fazer com que não coloquem games de ps5 no PC? Como será a retro com games do ps4? Eles terão aumento de resolução, de fps? Rodarão em modo ps4 pro? Eu não sei essas respostas e até seria normal não saber, caso a empresa não estivesse te vendendo o produto por agora, mas… Ela está!!!

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Edson
1 mês atrás

Companheiro, a outra empresa está a vender uma consola que abre as pre-vendas amanhã e não mostrou gameplay no SeriesX, só no series S. Essas perguntas são todas válidas e merecem resposta, agora mentir eles não mentiram, omitiram informação, mas pronto, tu também estás a ser passional na tua forma de ver porque sentes-te traído pela Sony e pela a informação divulgada e não divulgada, agora analisar o que tava lá escrito é uma boa forma de ver se realmente foi ou não um erro

Livio
Livio
Responder a  Edson
1 mês atrás

Concordo, a Sony quebrou a minha confiança quando surgiram os rumores do Horizon no PC e a mesma ainda brincou dizendo que PC era Playstation Console (eu até brinquei com isso por aqui), mas quando saiu a confirmação fiquei com a cara no chão.

Ter saído a informação de Demons Souls no PC e provavelmente em outras plataformas só indica que eles tem essa intenção, pode não ser agora, já que causou um impacto negativo, mas mais na frente irão fazer. Que a Sony não venha com desculpa de erro humano porque esses eventos são revisados, os trailers dos jogos são revisados, ou quer dizer que ninguém viu aquilo antes do evento? Mentira na cara dura

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Pelo contrario Mario… as palavras transcritas do artigo da CNet nao sao minimamente claras… sao vagas, imprecisas, podem referir-se a muitas situacoes, e nao servem de justificativa para nada quando temos esse senhor, numa conferencia, a afirmar claramente (depois de mostrar GTA V e um trailer a falar em melhorias para a proxima gen), que tudo o que vimos apartir daquele momento estaria a rodar numa PS5. Isto nao tem nada de claro… isto e um atirar de areia para os olhos…

O que e claro e isto (gameindustry.biz):

“One way to keep PS4 users engaged would be to make upcoming PS5 games playable on the older machine, just like Microsoft is proposing with its Xbox Series X games being playable on Xbox One. Yet Ryan says that’s not something PlayStation is interested in doing.

We have always said that we believe in generations. We believe that when you go to all the trouble of creating a next-gen console, that it should include features and benefits that the previous generation does not include. And that, in our view, people should make games that can make the most of those features.

‘We do believe in generations, and whether it’s the DualSense controller, whether it’s the 3D audio, whether it’s the multiple ways that the SSD can be used… we are thinking that it is time to give the PlayStation community something new, something different, that can really only be enjoyed on PS5.’ ”

____________________________________

Traducao:

“Uma forma de manter os utilizadores da PS4 comprometidos com a plataforma, seria fazer os proximos jogos a chegar a PS5 jogaveis na maquina mais velha, tal como a Microsoft esta a propor com os jogos Xbox Series X sendo jogaveis na Xbox ONE. Contudo, Ryan diz que isso nao e algo que a Playstation esteja interessada em fazer.

Nos sempre dissemos que acreditamos em geracoes. Nos acreditamos que quando tu te das a todo o trabalho de criar uma consola de nova geracao, que ela deve incluir features e beneficios que as geracoes anteriores nao incluiam. E isso, na nossa perspetiva, significa pessoas a fazerem jogos que aproveitam ao maximo essas features

Nos acreditamos em geracoes, e quer seja o controlador DualSense, o audio 3D, ou as multiplas formas em que o SSD pode ser usado… nos estamos a pensar que e tempo de dar a comunidade Playstation algo novo, algo diferente, algo que so possa realmente ser disfrutado numa PS5′

link:

https://www.gamesindustry.biz/articles/2020-05-29-sonys-jim-ryan-its-time-to-give-fans-something-that-can-only-be-enjoyed-on-playstation-5

Queres mais claro que isto?… Ele claramente prometeu jogos completamente next-gen… e nao foi isso que recebemos.

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Como assim nao o diz?! E desde quando e que citacoes deixam de ter valor?

Entao isto:

“Nos sempre dissemos que acreditamos em geracoes. Nos acreditamos que quando tu te das a todo o trabalho de criar uma consola de nova geracoe, que ela deve incluir features e beneficios que as geracoes anteriores nao incluiam. E isso, na nossa perspetiva, significa pessoas a fazerem jogos que aproveitam ao maximo essa features”

Nao vale nada? Uma citacao em que o Jim Ryan defende claramente que uma nova geracao deve incluir novo hardware, com novas features, e que os jogos devem aproveitar ao maximo essas features, nao significa nada, dado que foi citado e nao e uma Q&A?

Nem precisamos de saber contexto… isto e auto explanatorio!

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Deu? Onde?

Livio
Livio
Responder a  Rui
1 mês atrás

Na verdade há estudos que indicam que a COVID19 já estava “passeando” pelo mundo meses antes de dezembro, logo a COVID existia sim 😛

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Rui
1 mês atrás

Como diz, “podemos olhar o copo…” Sim, é exatamente o que tu faz enxergando sempre o copo meio vazio na Sony e meio cheio no Xbox. Não pode negar. E isso já é com você, mas observe que acusa os outros do que você pratica aqui no site.

Daniel Torres
Daniel Torres
1 mês atrás

Mário desculpa, mas tenho que concordar com o que foi dito pelo Rui, Bruno e Edson.
A sony mentiu sim e esta a mentir, na verdade o termo mais correto seria ocultar a verdade. Me diga quantas vezes ela negou que Horizon ia para o Pc? Nestas entrevistas que ela deu, como o Bruno citou ela sempre disse que acreditava em gerações e que o objetivo seria os jogos saírem para tirar partido do PS5 e outra mentira que ela contou, quando o Dual Sense foi mostrado acho que pelo Jim warren (não lembro ao certo o nome do rapaz depois procurarei o link do vídeo em questão) o diretor de marketing da Sony foi bem enfático ao dizer que eles avisariam com antecedência quando seriam feitas as pré-vendas e o que tivemos? Um anúncio surpresa.
E quero que me diga depois do que aconteceu com o Demon’s Souls foi mesmo erro humano? Ou eles anunciaram cedo como o Edson falou? E a resposta para isso é não se sabe pois a Sony nunca foi clara em dizer que jogos vão ao Pc e nesse aspecto por bem ou por mal a Micro teve a decência de dizer que todos os jogos iam ao Pc.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mário eu lembro de alguns tweets de pessoas perguntando se o rumor do Horizon no pc era verdadeiro e alguém da produção do jogo ainda fez uma “brincadeira” dizendo : “Seria PC, Playstation Consoles?” Depois ela não falou mais nada no assunto e algum tempo passado olha o que temos no Pc.
Infelizmente não tenho conta no Tweet e nem sei como procurar, porém lembro de ter sido referido ate aqui no Pcmanias.

http://www.pcmanias.com/sony-o-que-andas-a-fazer-uma-reflexao-sobre-a-comunicacao-de-horizon-zero-dawn-no-pc/

E aqui você usa exatamente o termo: ” A Sony mentiu”

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Daniel Torres
1 mês atrás

Então o termo correcto seria “omitir” e omitir não é mentir. Eu entendo a frustração dos fãs que querem estar a par de tudo mas agora a empresa não foi clara, lá isso têm toda a razão, a MS também disse que os jogos dela por 2 anos seriam Cross-gen e vamos a ver só halo é que está anunciado com tal. A empresa omitir informação, tem muito que se lhe diga, pode ser para evitar fugas, surpreender os fãs e para informação revelaste não se perder entre o hype e outras informações de maior peso, como foi a questão das pre-reservas, que a Sony tem muito culpa por que não divulgou a informação como deve ser, mas os retalhistas foram muito matreiros em nem respeitar a empresa e esperar até à meia-noite sei lá, portanto o dedo podemos apontar porque certamente ela não está a ser com um marketing e discurso preto no branco

bruno
bruno
Responder a  Helmer Silva
1 mês atrás

Halo e toda a carrada de titulos que ela anunciou no primeiro inside Xbox. A questao e que tudo o resto que foi anunciado.. nao sabes quando vai sair. Pode sair em 2023… Fable… State of Decay 3… nao sabes.

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  bruno
1 mês atrás

Usei Halo por ser first party, para existir um melhor paralelismo, no último evento já viste os grandes títulos todos a aparecer só para Series X e Pc, também devem sair no Series S é claro, pq até nos podemos surpreender e ter já um dentro dos 2 anos que seria um período cross-gen, porque o próprio Phil disse que está na mão dos devs e não da Xbox

Nuno Sousa
Nuno Sousa
Responder a  Daniel Torres
1 mês atrás

O anuncio surpresa seria sempre quando eles anunciassem independemente da data de reserva. E também aqui nao mentiu, avisou que seria no dia seguinte. Nao foi isso que aconteceu. Pois nao mas ai já nao é culpa da Sony. Hoje pode acontecer o mesmo a microsoft.

E se querem que diga nao me aflige que 3, 4 ou 5 jogos forem cross. qual o problema? Querem que se abandonem a geracao atual? é isso que querem que aconteca no futuro quando houver a ps6? Até é uma medida de se louvar, e isto apesar de ter adquirido uma reserva da ps5 com o disco. E digo isto porque EXISTE JOGOS EXCLUSIVOS PARA A PS5, MUITOS, MUITOS. O problema é o preco deles, isso sim devia ser debatido mais em profundidade.

Abraco para todos e fechem o capitulo das mentiras

bruno
bruno
Responder a  Nuno Sousa
1 mês atrás

O problema, Nuno, nao sao os 4 ou 5 jogos cross-gen… o problema sao os 0 jogos next-gen e o teres cross-gen a chegar as duas… e cross-gen trancados a uma a passarem por next-gen, como GT7, que e GT Sport, mais umas ervinhas e RT.

Tanto quanto se sabe… porque no estado em que as coisas estao… a Sony chega ao dia anterior ao lancamento e decide confirmar aquilo que ja muitos suspeitam…

” Por falar nisso, GT 7 tambem vai chegar a PS4.”

Edson
Edson
Responder a  bruno
1 mês atrás

Gt7 vai? Confirmaram?

Livio
Livio
Responder a  Edson
1 mês atrás

Não, mas como um fã da série e depois do que vi nesse último evento eu aposto que sairá, só ainda não confirmaram pq nem janela de lançamento o jogo tem.

Mas estou desde quarta martelando num grupo de GT que participo, GT7 vai sair para PS4, o restante não acredita devido o RT, eu rebato que Spider Moralles tem RT no PS5 e o jogo tb vai sair no PS4

bruno
bruno
Responder a  Edson
1 mês atrás

Nao… so estou a colocar a hipotese.

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  bruno
1 mês atrás

Assim não entendo Bruno, queres que os jogos não sejam cross-gen, mas reclamas que não vês melhoria em nada a não ser RT, então isso não valida mais o facto de eles serem cross-gen, pq ainda não usam o hardware a 100% e às malvas features do mesmo, então preferias que ao não existir grandes mudanças estivem vetados ao público da PS4?? Eu sei que tu estás a querer salientar o facto de eles terem dito que acreditam em gerações e que não há muitos avanços nos jogos para já a nível gráfico, mas entras em contradição por vezes, porque não são 0 jogos next-gen, são zero jogos next-gen não tua visão, pq os jogos que só vão sair só na PS5 são todos next-gen assim como os que vão sair só nas consolas Series X/S, podem é não surpreender, mas são next-gen visto que estão associados a consolas next-gen e já foi falado que a nova geração poderá eventualmente não se sobressair a está a nível gráfico mas sim noutras variantes

Helmer Silva
Helmer Silva
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Eu já tinha escrito no artigo anterior, que eles não tinham dito que não teriam jogos cross-gen, mas pelos vistos disseram, mas tenho a dizer que não foram claros com essa informação e deviam ter informados quais os títulos que o seriam com mais antecedência, num blog post acho meio desonesto, visto que a maioria dos fãs não lê os blog posts. A outra pergunta que as pessoas que estão descontentes com esta abordagem da Sony e a maneira da mesma comunicar deviam fazer é porque não lançar todos os jogos como Cross-gen no primeiro ano? Porque a empresa está a fazer jus à política que se predispôs a trazer para o início da geração, como o
Mário explica no artigo, mas eles não escolheram jogos quaisquer, escolheram jogos muito populares entre a comunidade PlayStation, para capitalizarem sobre os mesmos e jogos para a comunidade mais hardcore e que não chegam aos 10M de cópias tão facilmente, como Demon Souls, vendem na nova geração porque a comunidade hardcore gamer tende a fazer a transição mais rapidamente que o consumidor tradicional, eu acho brilhante, mas cockroach prefira que o Spider-Man MM e Hoziron Forbideen West fossem exclusivos PS5, sack boy e destruction Allstars podiam ser Cross sem problemas, eu faço esta análise mais racional da coisa porque é a minha área de formação, gestão e estás questões surgem, ser oh não ser totalmente aberto com o cliente e com a comunicação social, tem influência e deve ser bem efetuado, não acho que a Sony foi bem, mas também não acho que esteve totalmente mal, porque lembrem-se omitir não é mentir. No que toca aos jogos irem os pc, só faço uma pergunta, pq anunciar uma coisa que ainda só foi discutida como o objetivo para investidores ao público, sendo que esta coisa é pode prejudicar a tua plataforma no curto/médio prazo?? Uma resposta pode ser porque leva a especulação e insegurança, nada especulação sem existirá e esta pode se assemelhar à verdade, mas muito bem ser totalmente diferente da mesma, quanto à insegurança, sempre existe na compra dum aparelho com um tem de vida longo e que é um investimento que pode muito bem não render. Quanto às pre-reservas para rematar a informação foi dada com antecedência, só que as pessoas assumiram que seria feita no evento e tal, mas eu seria preferível, mas foi feita no Twitter e no blog que nem todas as pessoas lêem, se estavam à espera de uma semana, a empresa nunca prometeu isso, só prometeu que terias aviso prévio, agora a informação perdeu-se entre as outras e os retalhistas aproveitaram-se, por
isso a Sony esteve mal.
Sobre os preços também acho um absurdo 80euros

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Certo Mário, também não acho que eles deram um clique num botão e pronto o jogo está na PS4, tinham que já estar a ser desenvolvidos para plataforma, só acho que são bons jogos para tal porque têm a capacidade de atrair muita receita, mais ainda em duas plataformas

Deto
Deto
Responder a  Helmer Silva
1 mês atrás

esse prazo ai de “1 ano” é uma ideia ruim.

deveria ser desde o inicio igual o ultimo controle de danos que o Phill solto de “vai ser escolha do desenvolvedor”

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Deto
1 mês atrás

Pode ser, só as contas nos iram dizer, como à um ano não tínhamos COVID na jogada até podem se sair bem, o mercado é extremamente volátil e imprevisível, por isso não dá para dizer se vai ou não resultar.
Esse é o verdadeiro troca-tintas, a Sony foi apanhada a fazer curva em contra mão, por isso não foi bem recebido, mas eles sempre tiveram intenção de fazer aquela curva assim como o Mário clarificou no artigo

Felipe Horvath
Felipe Horvath
1 mês atrás

Bom dia , Mario ! Bom , pelo menos agora se justifica o porque dos gráficos da nova geração não estarem tão diferentes. Acho que o único que me pareceu verdadeiramente de nova geração foi o demon’s souls.

marcio
marcio
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Pq o remaster de the last of us não chega perto da qualidade visual do proprio uncharted (2016) então ? Não poderiam ter re escalado com qualidade da nova geração (ps4)?

Não sei esses jogos cross gen me parecem jogos de ps4 com algumas poucas mehorias …

Fernando Molina
Fernando Molina
1 mês atrás

Se a Sony não mentiu, então eu não sei mais o que é mentira

nETTo
nETTo
Responder a  Fernando Molina
1 mês atrás

Ela não mentiu, ela omitiu

E o fez porque a repercussão quanto a política do Xbox não foi muito bem aceita na comunidade gamer. Algo similar a 2013 onde segundos rumores a Sony tinha planos de também implantar o DRM ainda no PS4, depois que a Microsoft foi massacrado, segundo oa rumores a Sony voltou atrás.

bruno
bruno
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Nao, Netto…

A Sony ja vem com a frase “Nos acreditamos em geracoes” desde que a MS vem com a frase de “fim das geracoes” la em finais de 2018…

E nao, nao foi porque a ideia da MS foi mal aceite… foi em resposta isso, dado que tinha pessoas a defender essa ideia…fanboys.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  nETTo
1 mês atrás

Ela omitiu e distorceu, o que pelo menos pra mim não se difere muito de mentir, mas é só minha opinião

Marco Antonio Brasil
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

OK, a Sony não mentiu.
Mas omitiu, distorceu e induziu a expectativa de que seriam lançados jogos exclusivos PS5, no sentido de mostrarem a força da máquina sendo impossíveis no PS4.
Nem digo nada do spidey mas eu acreditava que Horizon 2 seria o jogo para “inaugurar” a nextgen, mas…vou aguardar os jogos saírem para formar uma opinião definitiva, mas pelo visto vou ter que concordar com os que afirmam que a nova geração só começa de verdade dois anos após o lançamento do console.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Marco Antonio Brasil
1 mês atrás

Pelo menos pra mim, omitir, distorcer e induzir é a mesma coisa que mentir, ou estou tão errado assim Marco?

Marco Antonio Brasil
Responder a  Fernando Molina
1 mês atrás

Fernando de forma alguma digo isso para aliviar a barra da Sony! Penso que todas estas ações, quando utilizadas para ludibriar, são ruins da mesma forma. Como foi nesse caso. Mas sendo justo com o que acredito, tenho que te dizer que omitir, distorcer e induzir não são o mesmo que mentir. Pode ser tênue a diferença por vezes, mas não é a mesma coisa. Mas repito, não digo isso para amenizar a má atuação da Sony, que sigo criticando.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Marco Antonio Brasil
1 mês atrás

Compreendo e respeito sua opinião Marco

marcio
marcio
1 mês atrás

O ponto é ela ter omitido que o jogos tbm estariam na ps4, deviam ter deixado isso claro logo no anuncio…

De resto sempre falaram que queria uma transação suave nesta geração…

By-mission
By-mission
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Senhores eu li os 39 comentários:

A Sony mentiu sobre os jogos crossgen?
Tecnicamente não, mas na prática é mais do que óbvio que mentiram porque se não fosse o apresentador não saberíamos por parte da Sony…

A Sony mentiu sobre o início das pre- vendas?
Tecnicamente não, mas na prática também não avisaram com antecedência suficiente para as pessoas se preparem… Custava avisar um dia antes!

A Sony mentiu sobre Horizon Zero Dawn no PC?
Tecnicamente não, pois quem negou os rumores (os primeiros vindos da Rússia) foi uma pessoa ligada diretamente ao estúdio e não a Sony… Mas se não fosse o Jason talvez Deus sabe quando a Sony teria enrolado em divulgar!

Então meus amigos, sim a dona Sony mentiu, e não mentiu… Ao mesmo tempo!

Se fosse uma pessoa só diria que é muito mau caráter, mas não lhe xingaria como mentiroso…

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  By-mission
1 mês atrás

Exato, se fosse uma pessoa podia sim ser classificada de mau caráter, nunca mentirosa, portanto, a Sony sim podia ser mais clara, mas mentir não mentiu

Daniel
Daniel
1 mês atrás

Off topic.
Microsoft comprou a Zenimax/Bethesda

Andrio
Andrio
Responder a  Daniel
1 mês atrás

Eu sei que o mário tinha mudado as politicas de off, mas caraca. que compra! 7,5 Bi
Como será que a sony vai Reagir?

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Andrio
1 mês atrás

Mario só essa resposta, desculpa

Pega todo o pessoal responsável por Doom e deixem eles pra salvar Halo

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

?? Como assim?

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Ok… Desculpa, pensei que tinha sido uma reacção oficial.

Isto já se adivinhava há anos…

Não a Bethesda especificamente, mas os rumores de grandes aquisições.

Veremos agora se a Sony andou a dormir ou se também trabalhou para isso.

Danilo Marciel
Danilo Marciel
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Nossa Mario agora você falando eu realmente acredito que foi uma boa aquisição porque como eu nao jogo nenhum dos games dela achei irrelevante mas que bom que foi uma boa aquisição.

eduard08
eduard08
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

O problema e o historial da Microsoft que me faz medo, so espero que nao va acabar com a bethesda, que tem varios dos meus jogos favoritos, de resto e uma grande aquisição, eu quando vi a imagem que a xbox colocou no Facebook, no prencipio pensei que fosse apenas um acordo antre as 2 empresas como foi com a EA mas mal li que compraram fiquei de boca aberta pois nao estava nada a espera, foi mesmo uma boa jogada da Microsoft, mas acredito que a sony tem qualidade o suficiente para responder em termos de jogos com os próprios estudios e com os acordos que anda a fazer para ter os esclusivos, mesmo que temporários (e mesmo como diz o ditado, que nao tem cão, caça com gato)

Felipe Leite
Felipe Leite
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Eu também engasguei!!!
Essa é só uma questão da Microsoft **NÃO MEXER** só deixa do jeito que está!
Elders scroll e Doom como exclusivos? Vai vender consolas como pães quentes!
Sem contar com a estrutura incrível que estes estúdios possuem!
Essa foi a melhor aquisição que já vi.
Infelizmente, como já comprei a PS5 vou ter que xuxar no dedo nos próximos Elder Scroll, Doom, Fallout…
Só espero que ninguém se lembre de comprar um certo estúdio polaco com nome de midia física vermelha…

Daniel
Daniel
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

O que mais assusta com essa compra da Microsoft é que estava rolando desde 2018, e mesmo assim eles cogitaram a dar mais $4Bi na Warner Bros Games. Eu não sei até que ponto isso seja sadio para a indústria, mas não duvido da Microsoft comprar uma outra publisher. Repare que toda vez que é perguntado ao Phil Spencer sobre estúdios, ele cita que Polônia e Japão também têm desenvolvedores criativos e blablabla…
Com a Microsoft tendo 1 hora de apresentação na TGS, eu não duvido de uma compra grande no mercado nipônico, até porque Capcom, Square e Sega são empresas multinacionais. A Sega poderia ser interessante, pois não está nos seus melhores dias. Mas uma aquisição da Capcom ou da Square (essa mais difícil) poderia ser outra megaton. Até hoje eu achava bem difícil, até porque as últimas aquisições eram bem pés no chão, mas pagar $7,5 Bi e não esperar o palco da TGS para apresentar formalmente, pode ser que virá algo de lá também.

Daniel Cardoso
Daniel Cardoso
Responder a  Daniel
1 mês atrás

Por aquilo que sei, Microsoft nunca vai conseguir comprar um grande estúdio no Japão, ao que parece eles lá tem um lei que as empresas só podem ser adquiridas por empresas que sejam do próprio país, nesse caso quem tem grande chance de comprar uma grande publicadora é a Sony, porque ela é nipónica… Agora o que pode acontecer é a Microsoft fazer um estúdio do zero que ai já não ah problema ou então ejectar dinheiro para exclsuvodas para o Game Pass.

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás
Livio
Livio
Responder a  Deto
1 mês atrás

MS tem que recuperar os 7.5 bilhões

eduard08
eduard08
Responder a  Livio
1 mês atrás

Phil Spencer ja anunciou que os jogos Deathloop e Ghostwire: Tokyo, que tinham exclusividade temporaria na ps5, vao continuar a ter, que o contrato sera mentido mesmo agora com a compra dos estudios pela parte da Microsoft, quando aos futuros jogos como The Elder Scrolls, DOOM, Starfield, etc sairão na xbox e pc e outras consolas, mas aqui nao afirma que sairao todos, mas que serao analisados caso por caso

Reinaldo
Reinaldo
Responder a  eduard08
1 mês atrás

Isso tinha de ser! Você ao comprar uma empresa compra os direitos e as obrigações,

Reinaldo
Reinaldo
Responder a  Deto
1 mês atrás

Não foi Phil Spencer que referiu que os exclusivos eram algo contra o que é o Gaming?

bruno
bruno
Responder a  Andrio
1 mês atrás

A Sony tem varias hipoteses em cima da Mesa e se nao fez nada ate agora… foi porque nao quis… a divisao PS esta a fazer mais de 1 billiao anualmente. Ja poderia ter adqurido muita, muita coisa.

Desde franchises da Konami.. Castlevania, Silent Hill, Tekken, Metal Gear Solid,…

A publishers como a Capcom, THQ Nordic (possui por exemplo Timesplitters, Destroy all Humans e Metro), Sega, 2K, CodeMasters…

Ate a estudios… Remedy, Ready at Dawn (ja o perdeu), Dontnod, Asobo,etc…

Vai ser muito engracado ver o que ocorre daqui para a frente…

Eu tenho a sensacao de que ate agora houve uma guerra fria no campo das aquisicoes, com muita gente a manter informacoes secretas..

A ver vamos!…

Livio
Livio
Responder a  bruno
1 mês atrás

Pois é. Remedý há tempos é um rumor de aquisição da Sony. Silent Hill há tempos tem rumor de um reboot que seria exclusivo. Semana passada a Walmart Canada publicou seguinte pergunta: “Quais desses jogos você quer uma continuação?” Dentre eles tinha Unchartd 4, God fo War, Bloodborne e Metal Gear Soĺid.

Se bem que sempre tive a sensação da MS adquirir a Konami ou as IPs dela, mas nunca os fez, ou a Konami não quer vender tais franquias ou há alguma outra negociação por trás.

Andrio
Andrio
Responder a  Livio
1 mês atrás

2 empresas que poderiam dar força e moral a sony depois dessa compra. Capcom e Konami.

marcio
marcio
Responder a  Daniel
1 mês atrás

MS deu all-in nessa geração…vamos ver como a sony reage…

Marco Antonio Brasil
Responder a  Daniel
1 mês atrás

Excelente jogada da MS.

PS: Só não te digo que compro um SX só para jogar the elder scrolls porque também vai sai no PC kkkkkkk

marcio
marcio
Responder a  Marco Antonio Brasil
1 mês atrás

No fundo acho uma pena, vão acabar com os studios que adquirem como sempre fazem, vão obrigar a fazer jogos ruins com orçamento gamepass…

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Daniel
1 mês atrás

Na minha opinião um dos maiores golpes que a Microsoft poderia dar na Sony e pelo visto não sou o único a pensar que a Sony vai ter que se mexer em resposta a isso.

E ai vai mais uma vez minha pergunta: Depois disso para que lançar jogos no Pc mesmo Sony? Se continuar assim a marca playstation só tem a perder.

Lucas
Lucas
Responder a  Daniel
1 mês atrás

Phil Spencer diz que o Xbox planeja honrar o compromisso de exclusividade do PS5 para Deathloop e Ghostwire: Tokyo.

Os futuros jogos da Bethesda estarão disponíveis para Xbox, PC e “outros consoles, caso a caso”

Caraca que bomba foi essa hein?

Olha quem ficou animado – https://twitter.com/ID_AA_Carmack/status/1308069857913720832

nETTo
nETTo
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mas pensando pelo lado comercial, esses bilhões tem de voltar né

Eles irão abrir mao das receitas provenientes do PS?

Com Minecraft eles não abriram

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Exacto. Esta foi uma boa compra… parao gamepass. Agora há obrogações contratuais que têm de ser cumpridas…e não épor ter sido comprada que a Bethesda está livre disso… ou então é compensação financeira.

Seja como for sao dois titulos que não chamaram a atenção.

Edson
Edson
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Não darão! Jogadores do ps5 sustentarão esses jogos, comprando!rs

Livio
Livio
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Mário eu discordo.

Não pelo fato da mídia ter modificado as falas do Jim, mas pelo fato da Sony ter inicialmente apresentado Horizon FW e Spider Moralles como sendo jogos somente para PS5, aliás aquele evento de 2 meses atrás trazia a clara mensagem de que “encerramos com o PS4 ao entregar Ghosts e The Last 2 agora somente temos jogos para PS5”, mensagem defendida por muitos para apoiar a demora de eventos somente para PS5, e de uma hora para outra o PS4 volta a tona.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Sim, mas foi repassada a imagem que seriam somente da PS5 induzindo pessoas a venderem seus consoles da atual geração (netto e By-missiom) para comprarem um PS5 cujo jogos sairão também na PS4. Bela treta

Afinal para quem não é afoito e verifica o que a Sony está a fazer, ou fez, irá dificultar essa rápida transição PS4 para PS5 qua a Sony tanto almeja.

Aliás falta mostrar o console em tamanho real, qual o espaço que teremos para armazenamento, será os 875G ou menos, falta uma análise de terceiros em relação a temperatura, falta a confirmação de retro com PS4 via disco…. Muito a se esconder enquanto já estamos em um período próximo ao lançamento. Até parece que quem fez pré-venda vai receber um cavalo de Tróia.

bruno
bruno
Responder a  Livio
1 mês atrás

Exatamente, sem tirar nem por.

Ha muita coisa que ja devia ter sido confirmada.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Exatamente Mário. O pessoal está muito afobado.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Livio
1 mês atrás

Discordo. A mensagem PS5 não impede de haver uma versão PS4, eu pessoalmente seria mais claro, mas não me sinto de forma alguma enganado, quando estiver tudo pronto a gente vai saber, não há porquê se precipitar, mas as pessoas estão muito emotivas, isso não é razão pra comoção, estão agindo alguns como se a esposa tivesse os trocado por outro… Sinceramente não vejo problema nisso pois cross gen é uma coisa natural, acho isso uma tempestade num copo d’água.
O estrago maior já foi feito: HZD no PC! Agora a confiança já foi pro ralo.
E é o que eu sempre digo, antes de meter a cara em novas gerações, é melhor sempre esperar pra ver o negócio se é aprovado na prática. Não tem porquê eu vender meu console e ir de cabeça em algo que nem foi visto em funcionamento.
Agradecimentos aos early adopters por me ajudarem a ver se vale ou não a pena enfiar dinheiro em algo :p

Carlos Zidane
Carlos Zidane
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Eu acredito que não devo muitas desculpas.
Não ando muito em sites de fofoca ultimamente e muitos comentários tem sido ignorados de fanboy’s conhecidos, então no dia do Showcase vim aqui comentar que o evento foi do meu agrado e fui induzido por um dos users, não lembro quem agora, de que a Sony estava sendo mentirosa, daí até fiquei um pouco surpreso, pois é óbvio que eles não vão perder mais de 113 milhões de clientes pra levantar uma grana preta.
Crossgen é natural. HFW desapontou um pouco pois é o que mais gostaria de ver sendo nova geração, além do God Of War, o resto não importa ser cross de início no meu ponto de vista.
Parabéns pela postura Mário.

Rui
Rui
1 mês atrás

Já vi que houve vários off-topic vou dar o meu take sobre o assunto do momento e outro que quase ninguem refere e na minha opinião é grave.

1: Porque razão ninguem critica o facto deste precente “spider-man 4 com melhorias só na versão ultimate do miles morales” o que a microsoft anda a fazer à anos de borla e muito bem são tantos os exemplos de grandes jogos retro com updates de qualidade e de borla, e na sony paga-se?

2: Esta compra da bethesda é astronómica, a Microsoft resolveu mostrar a força da empresa, que investimento poderoso, maior que a bethesda só quem a EA, a Blizzard activision?

Eu preferia comprar outras empresas mais pequenas, mas é sem duvida um investimento de quem não esta para brincadeiras.

bruno
bruno
Responder a  Rui
1 mês atrás

Dou-te a razao no lado do upgrade ao Homem Aranha. A Sony andar a tentar pespegar remasters nesta altura, sobretudo depois de a MS ter anunciado gratuitamente suporte para Gears ou Minecraft so lhe fica mal. Ou nao fazia nada… ou dava de graca.

Agora sobre o fazer ha anos de borla…onde? Que eu me recordo a Master Chief Collection nao foi de borla….

Sim a compra da Bethesda e astronomica. A Microsoft acaba de ultrapassar a Sony em estudios first party, tanto em numero como em IPs. E este o tipo de empresa competitiva que eu queria ver… mas ainda assim e esperar para ver. A MS continua demasiado agarrada ao gamepass.

Estou curioso para ver o que vem a seguir, mas a Xbox consola tornou-se muito mais atractiva com esta aquisicao…

Maiores, tens a Activision, EA, Square, 2K, e nao sei se a Ubi, mas a Ubi talvez nao…

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  bruno
1 mês atrás

Cara falando de empresas não acredito que a Sony compre nenhuma delas, a Ubi recentemente se livrou de uma aquisição hostil, a Square é uma empresa muito valiosa e para não dizer mercenária, acredito que as únicas que poderiam ser adquiridas na minha opinião seriam a Capcom e a Konami.

bruno
bruno
Responder a  Daniel Torres
1 mês atrás

Pois nao sei… Seja como for, aquisicao nao e necessaria, podem-se fazer fusoes.

E duvido que a Sony fique parada..

Livio
Livio
Responder a  bruno
1 mês atrás

Mário uma vez já falou em um artigo sobre uma possível fusão da Sony com uma outra empresa, não lembro qual.

bruno
bruno
Responder a  Livio
1 mês atrás

take-two. Casa de Red Dead Redemption e GTA…

bruno
bruno
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Sem comentários. Isto é pura atitude infantil.

Andrio
Andrio
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Caraca, que cara idiota, nao consigo pensar em outra palavra para esse cara.

Marco Antonio Brasil
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Constrangedor

Daniel
Daniel
Responder a  Daniel Torres
1 mês atrás

A Sony deve focar em empresas japonesas, onde fica difícil acesso para a Microsoft por conta de cláusulas de proteção a indústria local. Empresas como Capcom, From Software, Kojima Productions poderiam dar as caras. Outras que podem compor o elenco seriam a Housemarque e a Remedy. A Sony queria pagar $1,1 Bi na Leyou; com um pouco mais ela consegue comprar:
From Software; Kojima Productions; Housemarque; Remedy, Bluepoint e de quebra alguns IPs da Konami. Não é só comprar, mas precisa de suporte/plano de negócio/recursos dos mais variados para ai sim quererem ser compradas.
Quanto a empresas como Capcom, Sega, Square (gigantes japonesas), não sei se a Sony teria condições de compra; alguns negócios são feitos no “faz me rir”, senão todo à vista, boa parte da transação.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Daniel
1 mês atrás

Também acho, o que me preocupa muito nessa transação da Microsoft é que ela parece estar indo All in, e depois pensando melhor tive a sensação que se nessa gen os negócios da xbox não alavancarem essa vai ser a última gen do xbox.

Rui
Rui
Responder a  bruno
1 mês atrás

Mas o halo mcc é uma colectania, estou a falar de vários jogos em retro que levaram tratamento “one X” e são dezenas e não pagamos nada por isso, mesmo na series X vamos ter várias melhorias automaticas e sem pagar nada por isso, no spider man levamos com o ray tracing e temos de comprar a versão mais cara de quase um dlc? É comparavel?

Em relação aos estudios eu não disse que era a maior é uma das maiores e está no top 5, se fosse eu a mandar compraria logo sem pensar duas vezes a from software, a konami e a blue point games.

bruno
bruno
Responder a  Rui
1 mês atrás

Vamos la ver…

Uma coisa e a ONE X e os updates que recebeste, que a PS4 Pro tambem recebeu… logo neste aspeto sim, para ambas foi de graca.

Outra coisa e o que esta anunciado para chegar a Gears e Minecraft que serao updates gratuitos, tanto quanto se sabe.

Dizer que a MS oferece o mesmo tipo de upgrade de graca para certos jogos na series X e correto, como tambem e correto dizer que essa pratica ja existe desde a ONE X (mas a MS nao foi a unica a faze-la.)

O que nao e correto… e afirmar que a Microsoft a faz ha anos e a Sony nao (dado que na Sony tambem tinhas na PS4-PS4 Pro).

Sobre ser comparavel… sim, e! Porque o que esta a ocorrer com Spider-man e a mesma coisa que ocorria quando ambas as empresas decidiram remastirizar certos jogos da geracao anterior com melhores efeitos fraciso. E nesse caso a collectania foi lancada a maior resolucao, mais fps, mais efeitos e no entanto… tens retro na Xbox e nao vejo updates gratuitos a oferecerem os mesmos efeitos presentes nessa collectania a quem tem os titulos originais da Xbox e Xbox 360… ou ves?

Rui
Rui
Responder a  bruno
1 mês atrás

O halo mcc foi lançado antes do programa de retrocompatibilidade da xbox.

bruno
bruno
Responder a  Rui
1 mês atrás

Mas nem mesmo depois disso os upgradea ficaram gratuitos… pois não?

Julio Esteves
Julio Esteves
Responder a  Rui
1 mês atrás

Rui, já pensou na ironia da situação que os devs responsáveis pelo Doom estão agora ( referente as dúvidas deles sobre as limitações que o xbox XSS pode impor ao XSX)?
Patrão novo, novas diretrizes!

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mas aí eu te pergunto Mario: quem já tem a versão Spider Man ps4 terá direito a atualização PS5 ou terá o mesmo jogo PS4 via retrocompatibilidade?

Fernando Medeiros
Fernando Medeiros
1 mês atrás

Eu queria ver se essa situação tivesse sido o contrário, com a Microsoft dizendo que acredita em gerações e lançando crossgen. E no caso, a situação da Sony é totalmente diferente, a MS disse a um ano que apoiaria o Xbox One por mais dois anos, o que daria na data da primeira declaração, o deadline de final de 2021, que pra mim é um ponto perfeito de suporte crossgen já que os jogos do peimrio e segundo ano ainda não aproveitam tudo que a geração tem pra oferecer, principalmente por devkits e ferramentas ainda imaturas, e preparação de engines e curva de aprendizagem dos devs. Tem notícias correndo sobre a Sony ter falado em suportar o PS4 por mais 3 ou 4 anos, e então fica aquela dúvida, suporte sobre lançar novos jogos?

Off: A Sony saiu comprando um monte de exclusividades temporárias, acho que ela pensou que poderia fazer com a Microsoft o que ela fez com a Sega e a Nintendo nos anos 90. A Microsoft respondeu comprando a Bethesda inteira, e já existem conversas de que eles tem acordo com a Bungie para fazer novos jogos exclusivos do Xbox. A Sony só responderia a altura comprando uma Capcom ou uma Take Two, EA… mas eu duvido que eles teriam aprovação para fazer um gasto desses, mesmo que tenham dinheiro em caixa. É loucura pra eles, o que a MS gastou, eles lucram 3x mais que isso a cada 3 meses como companhia, não com Xbox, mas sim como Microsoft.
Embora esses tipos de bomba nucleares agitem a indústria, abre um precedente estranho. O futuro pode ser um lugar onde só existem jogos exclusivos e a Sony e a MS são donas de todos os jogos grandes, e tem os indies. E aí nesse ponto, se todo mundo continuar suportando o PC, os consoles podem deixar de existir de vez.
Ou não, certamente uma empresa como a Bethesda aceita esse tipo de negócio por que algo não está como deveria. Por exemplo, tem aí vários estúdios que desenvolvem jogos AAA single player focados em campanha porém, jogos excepcionais como Wolfenstein e Doom não venderam muito bem, mas continuam caros para serem produzidos. Todo mundo que não tem lados na guerra de consoles sabe que a indústria está caminhando para um local onde AAA single player é insustentável. Ou os jogos ficam muito caros, ou eles enfiam micro transações lá, ou mudam para apenas multiplayer. A Sony ou a MS podem se dar ao luxo de fazer single player para ganhar audiência e a midia ajudar a vender, ou dar de graça junto com os bundles, mas para quem não tem um console pra lucrar com a venda de outros jogos, fica difícil. A Epic antes de vender Gears pra MS apresentou um plano pra tornar o jogo um multiplayer com micro transações e a MS não deixou. Eles fariam isso por que os custos dos jogos aumentam, mas não aumenta a quantidade de pessoas que os joga na mesma proporção. Aí também existe o consumidor, que fala pra caramba de single player e não compra. Entre os fans de Playstation isso é inda pior, eles não compram se não for da Sony, seja o que for. Não importa quantos jogos da Bethesda tenham sido muito melhores que vários jogos da Sony nessa geração, a maioria deles não comprou. Aí ficamos com disparidades tipo a Capcom comemorando vender 5 milhões de cópias de um Resident Evil excelente como o 7 ou o 2, enquanto jogos ruins como Days Gone ultrapassam 10 milhões.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Fernando Medeiros
1 mês atrás

Caso a Microsoft tenha grandes jogos, eu vou lá e compro um Series X, não vejo problema nenhum nisso, na verdade é até solução pois não estou animado comprar um só por causa do Forza Horizon, preciso de mais motivos. Os exclusivos são muito relevantes mas só se tiverem alta qualidade, é ótimo ver a MS se movimentando mas também é uma preocupação por conta dos jogos fracos pra gamepass
Só estou quebrando a regra do Off topic pois já cagaram tudo aí em cima e até o Mário participou

bruno
bruno
Responder a  Fernando Medeiros
1 mês atrás

Isso e pura treta. Na PS3, 360, PS4, ONE nao precisaste de esperar uma ano para ver titulos que sabias nao seriam possiveis nas geracoes anteriores.

PS3 para mim foi heavenly sword. PS4, Killzone SF, Infamous SS.

O que se esta a passar aqui nao tem nada a haver com isso… sao duas empresas que insistiram em lancar uma nova geracao quando estudios nao estao prontos para isso.

Sobre o teu off topic, e a historieta do singleplayer… o que dizes e suposto ser uma piada? Porque com a MS a pagar a modica quantia de 7.5 mil milhoes de dolares, um valor nada barato, por uma empresa que faz maioritariamente singleplayer… eu nao diria que eles sao insustentaveis..

Carlos Eduardo Santos
Carlos Eduardo Santos
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Não tem desculpas.
A Sony fez um mega evento mostrando Horizon Forbiden West como um jogo exclusivo do PS5.
Isso fez um monte de gente pensar “ohhh que jogo incrível, isso realmente não rodaria no PS4, esse jogo é maravilhoso”.
Como a Sony escondeu (e muito) a informação do crossgen do jogo, aquelas cenas do trailer fizeram muita gente pensar que tudo aquilo poderia estar sendo redenrizado em tempo real via PS5, e que poderia ter até partes de gameplay alí.
Ou seja, a Sony fez muitos gamers sonharem alto com a nova geração.
Mas com a informação de que o jogo rodará no PS4, aí a conversa mudou de figura.
Por que?
Porque num cenário como este para uma pessoa com um mínimo de bom senso, não existem dúvidas de que aquele trailer foi todo feito em CG, não tem redenrização em tempo real alí, nem muito menos nenhum “pedacinho” de gameplay.
Não há dúvidas sobre o potencial da hoje velhinha PS4 com seus 1,8 Tflops em tecnologia GCN, de rodar jogos maravilhosos, vide Ghost of Tsushima.
Mas essa “omissão de detalhes” sobre Horizon Forbiden West, fez muitos, mas muitos fãs da Sony se sentirem enganados.
Eu falo por mim, eu iria comprar o PS5 essa semana na pré venda.
Mas depois desse desencontro de informações (pra não dizer outra coisa), vou jogar o novo Horizon e o Miles Morales no meu PS4 mesmo.
Eu estava empolgado com a nova geração, agora vou esperar bastante tempo até trocar de console.
Aprendam de uma vez por todas, que nenhuma empresa deste mercado é digna de absoluta confiança.

Hiago
Hiago
Responder a  Carlos Eduardo Santos
1 mês atrás

Em um ponto eu discordo, os trailers eram sim em tempo real, principalmente se você assistir em 4k verá algumas falhas como no trailer de Horizon Forbiden se reparar bem (principalmente na cena da praia) a malha do terreno sendo carregada com definições maiores próxima a câmera é um tipo de “defeito” que não se veria em uma cena em CGI. Porém discordo do artigo do Mário e concordo com você e a maioria aqui que a Sony omitiu certas coisas e parece muito com a Sony arrogante da época do lançamento do PS3.

Carlos Eduardo Santos
Carlos Eduardo Santos
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mário nos casos do Spiderman e do Horizon, a omissão tem tanta diferença da mentira?
Foram 2 meses deixando o público com uma idéia errônea de que eram jogos nextgen, e que só rodariam no PS5.
Se eles não quisessem passar essa idéia, teriam colocado “em breve no PS4 e no PS5”, como alguns jogos que tem essa informação nos trailers.
Muita gente pensou, “olha que sensacional, a Sony vai lançar jogos nextgen logo no início do console”, quando na verdade serão jogos enhanced.
Jogos enhanced eu já jogo no meu PS4 PRO. Não tem raytracing, não tem 4K nativo, mas é uma versão enhanced, é uma versão melhor.
Eu mesmo, me senti enganado, e quase paguei caro num console em pré venda achando que jogaria algo “de nova geração”.
Então confesso que fiquei irado com as “informações tardias”, decidi aproveitar esses jogos no meu PS4 PRO, e só vou entrar nessa nova geração quando as informações forem mais transparentes.
Pra mim tanto a Sony quanto a Microsoft estão fazendo um trabalho de marketing muito enganoso e obscuro.

Davi
Davi
1 mês atrás

Isso que se chama passar o pano.
Então quer dizer que quando é a Sony que faz pouco caso dos consumidores e os engana, está tudo ok e ainda ela merece até um pedido de desculpas. Legal!👍
Há se fosse a Microsoft!
Crossgen no Xbox Series X é ruim e motivo de todo tipo de crítica como por exemplo que vai segurar a nova geração por 2 anos; e no PS5 não vai não vai limitar a geração não né, e isso por 3 ou 4 anos?!?!
Já tá ficando feio isso!

error: Conteúdo protegido