Facebook eliminou 3000 contas que partilhavam falsa informação sobre o COVID-19 e as vacinas

5 2 votes
Avalie o nosso artigo

As campanhas de contra informação, com dados falsos e deturpados, está em grande no Facebook, e a empresa trabalha no sentido de eliminar a má informação.

Como temos vindo a verificar, há pessoas que se mostram resistentes à vacina do COVID-19, sendo que muitas delas o fazem por questões de má informação ou informação falsa que lhes foi impingida como verdadeira.

Um dos grandes culpados dessas situações são as redes sociais. Há campanhas orquestradas e muito bem organizadas nas redes sociais com o intuito de passar informação falsa quer sobre o COVID, quer sobre as vacinas.

No entanto, até por uma medida de proteção da própria rede, o FACEBOOK tem mostrado pouca tolerância face às informações falsas, procurando-as e banindo as contas associadas. Como consequência, este informa que já baniu 3.000 contas, incluindo grupos e páginas, por estas conterem desinformação acerca da COVID-19 e das vacinas.

Para além disso, o Facebook deu a conhecer que já apagou mais de 20 milhões de postagens e deu advertências a mais de 190 milhões de temas publicados.



Apesar desta grande quantidade de contas, páginas e conteúdos, a realidade é que a grande parte das informações falsas sobre estes temas existentes nas redes sociais têm origem num número pequeno de utilizadores. Mas dada a forma como os conteúdos se espalham e são partilhados, a ideia que as contas criadores do conteúdo são muitas, surge naturalmente.



5 2 votes
Avalie o nosso artigo
7 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Juca
Juca
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

É algo meio sem solução… Penso que infelizmente as redes sociais deveriam exigir algum documento oficial sobre a identidade das pessoas pra se cadastrar, ou ao menos que só essas com registro oficial e conta única pudessem se manifestar nas redes. Muita gente se esconde sob o manto de identidades virtuais falsas pra fazer muitas atrocidades. É chegado o tempo de se avaliar até onde a individualidade pode lesar a coletividade e o convívio social.
Espalhar nocividades e mentiras que podem levar a risco aumentado a saúde da coletividade ou a morte de outrem, e incitar crimes, nunca foi liberdade de expressão.
É preciso ter em mente que nem todos sabem usufruir da liberdade em coletividade, por isso mesmo temos prisões e um sistema judiciário-penal-corretivo.

Deto
Deto
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Off:

Socorro, contei aqui e tenho DEZ serviço de assinatura de streaming aqui.

Pqp

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Eu assino HBO Max

Tenho Disney + e Star + ( + ou – o Hulu) grátis por ter nível alto no mercado livre (tipo Prime Amazon, so que de graça)

O resto eu tenho trocado pelo Disney e HBO Max

Mas está impossível, se eu for procurar um filme em todos esses serviços, acho mais rápido no Torrent.

Isso que daqui a pouco vou ter que assinar o Chrunchroll para assistir Ataque de Titãs….

E isso que nem conto a PSN Plus.

Finn
Finn
Responder a  Deto
1 mês atrás

Eu uso o JustWatch para procurar filmes/séries em específico dentre os serviços de streaming, é bastante prático.

Paulo
Paulo
Responder a  Deto
1 mês atrás

Eu estou removendo os que eu não uso. É conteúdo demais para uma pessoa só. Fiquei apenas com o Amazon Prime, pois o frete gratuito me interessa muito, e o HBO Max, que peguei em promoção vitalícia. Cancelei os demais.

Deto
Deto
Responder a  Paulo
1 mês atrás

pois é.

vou manter HBO Max por algum tempo por causa da promoção vitalícia de 50%, e Disney + e Star+ enquanto for de graça por beneficio do Mercado Pontos.

sabe que agora tô procurando motivos para cancelar esses serviços, tá me dando ansiedade ter essa avalanche de coisa e não ver nada.

error: Conteúdo protegido