Onde comprar jogos mais baratos?

comparativo_jogos

Ao encomendar uns jogos na semana passada fiz esta tabela comparativa de preços. Já não irá a tempo de ajudar a poupar nas compras de Natal, mas fica como referência para poupar ao longo do próximo ano. Os preços estão em euros, calculados com o câmbio em vigor quando necessário.

Se querem poupar na compra de jogos, a primeira regra é esquecer as lojas nacionais como a FNAC ou a GAME. Fica mais barato comprar num dos sites ingleses. Só nos jogos mais antigos, como o Mass Effect 2 (para mim o jogo do ano!), já com preço reduzido, é que as lojas nacionais rivalizam com os sites ingleses. No caso mais extremo que encontrei, o Just Cause 2, pode-se poupar 40€ em relação à FNAC! Nos jogos novos, geralmente poupa-se 20-30€.

Nesta minha última encomenda comprei o Call of Duty: Black Ops, Mass Effect 1 e 2, pelo mesmo valor que daria na FNAC por apenas o Black Ops.



Apenas analisei jogos para PC, mas nos jogos para consolas a situação é idêntica, como mostra este comparativo feito em Abril passado.

Pessoalmente costumo comprar na Amazon.co.uk. Não só porque conheço há mais tempo que os restantes, como tem tido sempre os melhores preços no que quero comprar. Nunca tive qualquer problema com o envio, que actualmente até é oferecido para Portugal nas compras a partir de 25£. Um inconveniente é os preços estarem em libras. Ao contrários dos outros sites, não há opção de mostrar em euros. Nada que consultar a taxa de câmbio actual no XE.com e uma calculadora não resolva. No entanto há algumas coisas a tomar em atenção. Ao adicionar um produto ao “cesto” e escolher Portugal como destino os preços sofrem logo um agravamento (que foi levado em conta na tabela acima), creio que por causa das diferenças do IVA. Actualmente, a certa altura é também dada a opção de vermos o total a pagar e fazer o pagamento em euros (tratando a Amazon do câmbio). Tem a vantagem de sabermos exactamente quanto vamos pagar, sem ter-mos de esperar que apareça no extracto do banco (e sem que este cobre “taxas de conversão”). No entanto a Amazon “exagera” um pouco no valor da libra. Numa encomenda no valor de 60€ acabei por poupar quase 3€ pagando em libras (e sujeitando-me ao câmbio e taxas do meu banco), em vez de pagar em euros com o câmbio da Amazon.



Na Play.com os preços podem ser vistos logo em euros, e o envio é sempre oferecido, mas como se pode ver os preços em jogos não são os melhores.

Nos thehut.com e zavvi.com nunca encomendei, mas pelo que percebi do indicado no site, o envio é gratuito para o Reino Unido e acresce apenas 0,99£ (1,17€) para Portugal. Na próxima vez serão de visita obrigatória.

Nos sites da FNAC e da Game também se pode encomendar e receber em casa com toda a comodidade, e os portes também são oferecidos (pelos menos nas encomendas acima de um certo valor).

Ainda outra alternativa para comprar jogos pela internet que merece ser mencionada é o STEAM. Em termos de comodidade não há melhor. É só pagar e iniciar o download. Todos os jogos lá comprados podem ser instalados desta forma quando, onde e quantas vezes se desejar. Basta ter ligação à internet. E sem ter caixas a encher prateleiras ou armários. No entanto, nos jogos recentes os preços são iguais aos das lojas como a FNAC. São de aproveitar porém as promoções ocasionais, geralmente ao fim-de-semana e ocasiões especiais. Por exemplo, na actual promoção de natal (que varia de dia para dia) foi possível adquirir o Assassin’s Creed por 14,99€, o Just Cause 2 por 6,25€ e o Aliens vs. Predator a 5€.

Para quem não tiver cartão de crédito, mas tiver multibanco, pode sempre aderir e usar o MBNET para fazer estas encomendas (e com segurança acrescida). Eu uso e recomendo!

Obviamente não esperem encontrar nos sites ingleses jogos traduzidos para Português (que são raros de qualquer forma), ou sequer com manuais em Português. Também não possuem o selo do IGAC, pelo que as lojas nacionais não os compram em retoma (por não os poderem vender).



Posts Relacionados