Os pontos mais positivos da criação de uma plataforma Xbox

Xbox_Plataforma

Uma plataforma Xbox não é necessariamente uma má coisa. E se num outro aspecto vimos os aspectos negativos deste tipo de situação, eis alguns dos aspectos positivos da mesma.

Para este artigo vamos esquecer todo o tipo de receios que a junção entre a Xbox One e o PC pode trazer, e tentar ver que pontos positivos poderão haver. Eis os que ocorrem mais rapidamente!

1 – Mais jogos de terceiros para a Xbox One

A criação de uma plataforma única irá roubar os exclusivos à consola Xbox One. No entanto eles apenas são perdidos como exclusivos Xbox One, mantendo-se porém como exclusivos consola.

Ou seja, se analisarmos a coisa unicamente face à PS4, no fundo nada se altera. Os exclusivos consola continuarão na Xbox One e apenas na Xbox One.

Mas se há jogos Xbox a passar para o PC, porque não trazer jogos PC para a XBox One? Esta plataforma poderá incentivar muitos a trazer os seus jogos exclusivos do PC, alguns já antigos mas ainda hoje considerados bons jogos e ainda com grande sucesso, para a consola. Com o mesmo OS e o mesmo API, a XBox pode comportar-se como um PC, e desde que possua capacidade para tal, correr muitos dos jogos PC que não chegaram a ser lançados para a consola ou para as consolas.

No fundo, face à concorrência, esta situação pode aumentar o portfólio da consola tornando-a muito mais atractiva.

2 – Streaming de jogos PC para a Xbox

Se a XBox One possui desde sempre pensada a possibilidade de os seus jogos poderem ser capturados e enviados por stream para a internet ou um PC com o Windows 10, o caso contrário não acontece.

Ora futuramente poderão existir jogos PC que possuem características que pura e simplesmente nunca seriam possíveis de serem colocadas na Xbox One.

Mas caso estes jogos adiram à plataforma, poderia adoptar-se uma obrigatoriedade de eles possuírem a capacidade de transmitirem o ecrã para a Xbox One, permitindo nesta jogar-se remotamente os jogos PC.

3 – Mais ofertas no Live Gold.

Cativar os jogadores PC a pagar um Live Gold será algo um pouco complexo. Mas tudo dependerá dos atrativos propostos. Ora perante a perspectiva de mais uns largos milhões em receita, a Microsoft poderá expandir a oferta do seu Live Gold de formas nunca possíveis apenas com a Xbox One. E os utilizadores da consola poderão sair a ganhar!


Uma outra possibilidade (essa menos provável) seria que a Microsoft torna-se o Live bem mais barato mantendo as ofertas da consola no PC. Tal permitiria tornar o serviço mais acessível ao ponto de os novos clientes que seriam atraídos compensarem a quebra do preço.

Apesar de esta última possibilidade não trazer mais vantagens diretas para a Microsoft (a nível de lucro/despesa), tal colocaria a PS4 numa posição algo estranha, podendo mexer com as contabilidades da Sony.

4 – Mais e melhores jogos First Party

O aumento de receitas proporcionado pelas maiores vendas de jogos obtidas pelo acesso a milhares de novos utilizadores PC (quando antes estavam limitados aos utilizadores da consola) poderão permitir investir em mais jogos e melhorar as equipas. Tal poderá trazer mais e melhores jogos para a consola.

5 – Garantia futura de retrocompatibilidade e descida nos custos de produção e desenvolvimento das consolas.

Uma plataforma deste tipo alinha basicamente a consola pelos PCs. A consola será no fundo, tal como Satya Nadella referiu, “apenas mais um PC com o Windows 10”. Apesar de muitas perspectivas negativas que se possa ver nisto, há uma positiva que ressalta, a garantia que no futuro a Microsoft poderá criar uma nova consola apenas adoptando um novo hardware PC, e mantendo toda a retrocompatibilidade do sistema com tudo o que existia.

A nível de desenvolvimento tambem não haveria qualquer custo para a Microsoft pois bastaria pegar num PC já criado e adopta-lo colocando-lhe as devidas alterações no seu software.

Conclusão

É no pesar de todas as vantagens e desvantagens que se torna muito pouco claro se esta medida da Microsoft será boa ou má.
As desvantagens são claras… mas as vantagens tambem. E não é em desagrados particulares que se medirá a eficácia da medida, mas sim pela reacção média do mercado. Daí que quanto  a isso teremos de esperar para ver o que vai acontecer e as medidas que a Microsoft vai tomando para tornar a plataforma e a consola atrativas.

 

Publicidade

Posts Relacionados

Readers Comments (56)

  1. É já esta quinta feira que se vai descobrir o que a Microsoft pretende.

    A única forma que vejo o live resultar junto dos jogadores PC é se seguir ,para esses utilizadores, o mesmo modelo que seguiu com a ps3: jogos grátis todos os meses por uma anualidade.

    A única forma da Sony responder a isso, será reverter o multijogador para gráts, como já fazia antes, e aumentar e melhorar o catálogo em oferta no plus.

    Mas imagino que primeiro aguarde por uma mudança nas vendas e só depois é que reage.

    Relativamente ao que disseste sobre os jogos, espanta-me é que já não tivesse sido feito antes, com os jogos do Games with Windows. Há muito jogo bom nesse catálogo.

    • Eu já ouvi dizer que a xbone vai continuar a ter os seus exclusivos…
      Vai ser interessante, ver como vai correr.
      Se os jogos já anunciados, irão todos para o Pc, ou se será uma mudança mais calma, e se serão introduzidos mais lentamente…
      Mas concordo com tudo o que o Mario disse!
      E a sony, não pode dormir a sombra da bananeira…
      Porque agora, tanto o pc como a xbone estão unidos.

      • Ai eu já não gosto. Acho que a Microsoft tem que ir de vez ou não ir, mas ficar no meio termo não. Se eles querem uma plataforma unificada, não devem mitigar quais jogos vão ao PC. Tudo que ela lançar tem que estar no Windows 10 e no Xbox One, mesmo que isso doa no coração de alguns. Se não for assim, a estratégia não tem lógica nenhuma.
        O que eles não podem fazer, é negligenciar o desenvolvimento de jogos no console, pois por enquanto e durante um bom tempo, ele será a fonte de maior lucro. Então, as equipes tem que se esforçar para extrair o máximo do console e naturalmente o PC rodará a mesma coisa e ainda melhor conforme o hardware for mais potente.

    • O xbox one continuará tendo os jogos que o ps4 não tem.Quem tiver um ps4 e queira jogar um jogo de xbox(windows 10) com a mesma qualidade, terá que ter um pc com as configurações fornecidas pela microsoft(processador Intel Core i7 4790 de 4GHz ,ou equivalente da AMD, placa de vídeo NVIDIA GeForce 980 Ti ou AMD Radeon R9 Fury X de 6 GB e 16 GB de RAM), computador este orçado por mim, que fica entre R$13.500,00 a R$15.000,00, então para quem tem o ps4, sairia muito mais em conta comprar um xbox one do que comprar um pc para jogar seus jogos.

      • O que tu referes é um PC para jogar os jogos em modo de detalhe Ultra.
        Para os requisitos mínimos que deverão igualar a qualidade da Xbox One, o custo do PC é quase igual á consola. Mas esse PC é mais potente que a consola e poderá ainda jogar exclusivos PC!
        Tenho um artigo para quinta feira com a montagem de um PC que faz o mesmo que a consola. E o preço final poderá surpreender muitos!
        Seja como for o preço é importante mas não é tudo. Se assim fosse ninguem comprava um Mercedes ou BMW e todos compravam Dacias. É certo que esses Pcs são mais caros, mas também são melhores!
        A questão que importa reter é que antes podias ter o dinheiro que quisesses para um PC que tinhas de comprar a consola na mesma se quisesse jogar os exclusivos. E agora não!

  2. Vou falar duas coisas aqui uma off topic!!
    Bom primeiramente na minha concepção, o púbico de PC- Gamer é muito diferente de quem joga console!
    Para ter um PC precisa entender, porque toda hora vai ter que atualizar, alguma coisa, ou instalar alguma coisa!!
    Os exclusivos do Xbox vai continuar no Xbox se uma pessoa quiser jogar no console, não muda em nada.
    Claro que enfraquece um pouco a marca Xbox porque a pessoa que entende de PC não tem motivos para se ter um Xbox, quem não tem, isso não altera nada, vai escolher o console de sua preferencia!!
    Na verdade acho até um egoismo a pessoa se sentir mal porque as pessoas com PC vão poder jogar, ou aqueles que não admite de ter ido para PC sendo que no PC os gráficos vão ficar melhor, pra mim isso é inveja e egoismo !!
    Eu tive todos os Xbox lançados até hoje ainda tenho os 3, e tenho todos Playstation, ops, exceto o PS4, meu GTA é no PS3 como eu não comprei para nova geração ainda jogo no PS3 pois adoro GTA!!
    Porem entre Playstation e Xbox, eu prefiro o Xbox, eu prefiro muito mais o Xbox do que Playstation!
    Porem gosto dos Exclusivos do Playstation, e se aparece boas promoções compro multi como foi caso do GTA, PS4 em algum momento vou comprar, mas não troco o que Xbox One oferece pelo o que PS4 oferece!!
    O que eu tenho medo de acontecer, é colocar teclado e rato no Xone http://www.orangegamers.com.br/phil-spencer-confirma-suporte-para-mouse-e-teclado-ja-esta-a-caminho/ e liberar para jogar FPS, se fizer isso, eu compro um PS4, parcelo em 500 vezes mas compro, jogar um COD contra alguém com teclado e rato seria muito desleal!!
    Em relação ao artigo concordo com todos esses pontos positivos que você citou, principalmente, vendendo bem, são mais jogos!!

    Agora off topic:
    Eu sou contra a grande maioria de DLC, expansão, mas não todos tem umas que são boas mas a grande maioria é para ganhar dinheiro!!
    Call of duty BO3 que é meu multiplayer favorito eu não compro DLC para ganhar alguns mapas a mais, e muito menos coisas cosméticas!!
    Fallout e Dark Souls são minhas franquias favoritas, Fallout sempre ofereceu boas expansões mas mesmo assim fico com um pé atrás.
    Nunca comprei um Season Pass na vida, porque gosto de analisar se o conteúdo vale a pena!!
    A Bethesda já anunciou 3 dlc, com preços $ 9,99 o que daria (40 reais), $4,99 (20 reais) e a ultima $24,99 (100)
    Fora as outras que vão chegar e estranhamente e isso que acho muito estranho nunca tinha visto o season pass que custa $29.99 custa 91 reais na live Brasileira, vai aumentar para $49.99 o que vai dar (200 reais)
    Então por mais que eu tento bicotar esse tipo de coisa fico sem saída, Fallout é minha franquia favorita junto com Dark Souls, e somente as 3 primeiras Dlc, vai custar 160 reais fora as outras….
    E o Season Pass até dia um de março está por 91 reais, eu vou ter que me render e acabar comprando sem saber se o conteúdo vai ser bom ou não, porque depois se for comprar tudo separado vou gastar o triplo!!
    Eles meio que forçam os Brasileiros a comprar, não só os BR sendo que vai subir para as outras moedas também mas como aqui é real pior ainda!!
    È inaceitável essas coisas, mas o que vou fazer boicotar…
    Complicado e fico triste em saber que até Bethesda faz esses tipos de merda para o mercado aumentando o preço de algo para te força a comprar sem saber se vale a pena ou não!!
    http://pt.ign.com/fallout-4-ps4/25820/news/fallout-4-preco-de-season-pass-aumenta-primeiro-dl
    Gostaria da sua opinião o que você acha dessa atitude da Bethesda em aumentar algo que antes tinha um preço fixo!!
    obg

    • O público de console continuará em sua grande maioria sendo o mesmo. É natural que pessoas hábeis a montar um bom PC e com dinheiro para isso não tenham interesse no console mais. Mas isso não tem verdadeiros problemas, Se a pessoa deixar de lado essa cultura de venerar mais a plataforma do que os jogos, as vantagens compensam em muito quem tem um bom PC que poderá rodar os jogos com melhor qualidade visual e de gameplay.
      Quem quiser vender o console, certamente acha comprador e quem não quer gastar o dinheiro do PC e jogar pela segurança de ter um console que sempre será compatível com todos os jogos em qualidade satisfatória, terá o console.

    • Por partes!
      O PC atualizar o software é realmente uma diferença para uma consola. Mas o certo é que quem é hardcore gamer ao ponto de gostar de mexer nos ficheiros de configuração para melhorar o grafismo ao máximo, de instalar um mod com melhores texturas, e enfim, de obter o máximo de performance, não se preocupa muito com isso. Afinal com os atuais programas residentes da AMD e da Nvidia há um pop up de alerta de novas drivers e um clique no sitio certo faz todo o trabalho sozinho.
      Sinceramente não é por aí!

      Depois a questão não é se os jogadores PC vão ou não ter acesso aos jogos da consola. O que está aqui em causa não é a inveja (por amor de Deus… até deito as mãos aos céus quando imagino que tal coisa poderia existir), é a realidade das coisas.

      Vamos ver:
      Quando recentemente se colocou a hipótese de sair uma nova Xbox One com uma placa gráfica da nova arquitectura Polaris (e consequentemente melhorada), o que se viu foram milhares de pessoas a dizer que não se importavam de vender a sua consola para comprar a nova.
      Isso quer dizer que há quem esteja disposto a gastar dinheiro para ter os mesmos jogos em hardware superior, e isso quer igualmente dizer que os limites nas especificações que a consola lhes colocava só eram tolerados pelos jogos que só podiam ser jogados ali.
      Esse é quase o meu caso (apesar que eu ficaria revoltado com o lançamento de uma nova consola mais potente e não feliz como alguns ficaram). Mas não deixa de haver uma semelhança pois eu tenho um excelente PC e domino desde sempre os PCs. Não é que não goste das virtudes das consolas, pois gosto, e durante anos e anos fiz aqui valer as mesmas. Mas a questão é que independentemente das virtudes, 450 euros (foi quanto eu paguei pela consola + Kinect+ alguns jogos) custa-me a ganhar. E não pagaria esse valor apenas pelas virtudes se soubesse que puderia via a jogar esses jogos no PC com melhores grafismos e fotogramas (Por exemplo, mal o Ryse Son of Rome que adquiri com a consola saiu para PC, vendi a versão consola e comprei-o no PC para poder usufruir totalmente do grafismo e com um número decente de fotogramas).
      Se formos a ver o que definiu uma consola ao longo de mais de 40 anos, a Xbox One começou por se enquadrar nesse conceito. E como consola que era dento desse conceito, tinha exclusivos que só poderiam ser jogados no seu hardware e uma esperança de vida e de suporte a nível desses exclusivos por um mínimo de 5 a 6 anos.
      Infelizmente a Microsoft quebrou o conceito de consola tradicional no que toca aos exclusivos. Face à PS4 tudo se mantêm, mas na prática… não! No meu caso o que tenho agora é uma redundância. Sim, é mais versátil, sim é mais fácil de usar, e mantenho-a por isso. Mas nunca daria 450 euros por isso! Dei-os para poder jogar os exclusivos, e agora… não preciso dela pois posso jogar com melhores gráficos e fotogramas no PC.
      A questão é que eu considero-me um Gamer… e um gamer não anda atrás de marcas ou de consolas. Anda atrás dos jogos! Daí que compro o hardware para jogar os jogos seja ele consola ou não. E no caso da Xbox esse interesse perdeu-se.
      Daí que a questão que fica é se as vendas da consola não poderão ser afectadas por isso, uma vez que quem tem um PC e compraria a consola pelos exclusivos… já não precisa!
      E quem quer jogar esses jogos com a melhor qualidade possível, tambem não opta pela consola.
      E quem tem uma PS4 e quer os jogos da concorrência tambem tem como alternativa o PC.
      Curiosamente, apesar de toda esta situação não me deixar exatamente agradado estou a aguardar para ver o que aí vem! As coisas mudam e evoluem, e a mudança poderá não ser exactamente uma coisa má! Quem sabe até será boa e para melhor?
      Mas uma coisa é certa. Futuramente não me meterei mais de cabeça em produtos Microsoft! A empresa não pode andar a mudar as regras ao sabor do vento e como mais lhe convêm, e tem de clarificar o que pretende para o futuro dos seus produtos de forma clara pois a mim já me venderam o Kinect como essencial e tiraram-no, e agora tiram uma das principais características que define uma consola, o facto de ser um sistema com um hardware que é único para se jogar certos jogos.
      Se soubesse destas mudanças não só tinha adiado a compra da consola para evitar o Kinect obrigatório, como certamente nem a teria comprado sequer. E isto não quer dizer que não goste da consola ou não a ache boa. É apenas que não só acaba por ser uma redundância, como não gosto de comprar lebre e depois vir a saber que afinal, devido a mudanças de políticas, o que tenho é um gato! E mesmo que o gato se possa vir a revelar excelente e melhor até que a lebre, o facto é que não foi isso que foi comprado.

      Quanto ao DLC, penso que será preciso ter uma mente muito distorcida para se gostar do que se passa. Os exemplos que referes são flagrantes, mas só acontecem porque as pessoas compram na mesma. O boicote é, como referes, a melhor medida.

      • Eu concordo em partes!!
        Mas discordo em outras!
        Entendo sua frustração ao dizer que comprou o Xone pelos exclusivos, sendo que antes os jogos não tinha para o PC, sendo que seu PC é excelente!!
        Gastou dinheiro atoa, porque podia jogar os jogos no PC mas antes não era dessa forma, então todas as pessoas como você que possui um excelente PC e comprou o Xone pelos exclusivos agora se sente frustrado porque os jogos não é mais exclusivo apenas do Xone!!!
        Porem discordo que você comprou gato levou lebre, o console ainda é para jogos, e todos esses exclusivos vai continuar no console, nenhum jogo deixou de sair para Xone para ser exclusivo para PC!!
        Na verdade acho bem nada a vê seu argumento que o console perdeu sua essência, ele vai continuar tendo todos esses jogos, nenhum foi cancelado para ser exclusivo de PC!!
        Você comprou Xone para jogar os exclusivos, e vai poder continuar jogando porque em termos de console e exclusivo, PC não é console!!
        E tem mais uma coisa que concordo contigo, que todas as pessoas que tem um bom PC não vai comprar, um Xone, e quem está com PS4, pode querer comprar um PC no lugar do Xone!!
        E para finalizar a Microsoft não mudou as regras nenhuma, primeiro porque não tinha regra, essas regras está vindo da sua cabeça, segundo como eu já disse Xbox é para jogos, e nenhum jogo vai deixar de ser do Xone, apenas vai ter para PC também!!
        Se no PS4 os exclusivos são só para ele ok, não é porque a Sony prefere assim que a MS precisa fazer igual!!
        E por ultimo se uma pessoa quer jogar Quantum break e não quer ter PC, único lugar que vai poder jogar é no Xone!!
        Por isso que eu falo de egoismo porque está pensando somente em você, o que é melhor para você não no global!!
        Claro essa é minha forma de pensar não sou o dono da verdade!!

        Em relação ao DLC você tem razão, mas é difícil boicotar o jogo que eu mais gosto, mas infelizmente sei que vou estar colaborando pra cada vez mais ter esse tipo de pratica ridícula!!

        • Eu concordo com o que dizes. E é por isso que não me sinto revoltado, mas sim enganado (se fosse as duas coisas tinha-me desfeito da consola, algo que não pretendo pois aprecio-a muito – Até mantive a minha reserva de Quantum Break para ela). Mas compreendes que se tens um carro e te vendem uma mota pelo facto que só com ela podes chegar a certos sítios onde queres ir, e depois de teres a mota te vem dizer que agora o carro também chega lá terias de te sentir enganado. Compraste uma coisa baseada em uma premissa que depois foi alterada. E para mim isso é o mesmo que enganar, especialmente quando a decisão de onde chega a mota e onde chega o carro partem apenas de uma entidade.
          Repara acima de tudo que eu não pretendo fazer a cabeça a ninguém. Eu próprio não consigo dizer se o que se está a passar é bom ou mau, e apenas exponho o meu caso como exemplo de um comprador certo da consola da Microsoft que de futuro vai pensar duas vezes devido a isto.
          Ainda sobre o que dizes, eu nunca referi que a Microsoft quebrou regras, mas sim um conceito. Quando num café se pede uma tosta mista espera-se pão de forma aquecido com queijo e fiambre. Isto não está escrito em lado nenhum, é apenas o conceito associado. Se te servires um pão normal com o mesmo queijo e fiambre, isso é quebrar o conceito. Estamos na mesma perante pão com queijo e fiambre, mas não o conceito clássico de tosta mista que existe faz anos.
          Outro exemplo é o Romeu e Julieta que é uma fatia de queijo e outra de marmelada. E se pedindo um te trouxerem banana com queijo ninguém vai gostar.
          Numa consola é a mesma coisa. Há um tipo de produto e características associadas ao termo que sem os exclusivos deixam de fazer sentido. São os exclusivos que definem uma consola e são eles um dos principais factores de diferenciação das mesmas que acabam por ser decisivos na compra.
          Eu concordo que os jogos que comprei ainda estão cá… Mas e os futuros que eram esperados?
          Imagina que tinhas um PC e tinhas adorado a apresentação do Quantum Break indo comprar uma consola para o jogar. Afinal o jogo estava anunciado à anos como exclusivo Xbox. E no dia seguinte saia a notícia que o jogo ia para o PC. Gostavas?

  3. Desde que comecei a jogar, na maior parte do tempo fui um jogador de PC. O único motivo para jogar consoles eram os exclusivos, sendo que optei por migrar definitivamente para essa plataforma apenas no Xbox 360 que tinha especificações bem acima do meu PC e achei financeiramente mais vantajoso além dos bons exclusivos que a plataforma lançou, como Gears of War e Mass Effect.
    Eu não vejo verdadeiros problemas na jogada da Microsoft. Eu só vejo pessoas que parecem estar mais ligadas à plataformas do que aos jogos. Xbox 360 e Playstation 3 foram dois consoles fora da curva. As coisas voltaram a ser como nos anos 90, o PC é bem mais potente e só falta ser melhor aproveitado. Essa geração não pode durar 8 anos sem sucessor e nem as próximas poderão ser assim. Eu acredito que o futuro dos consoles como conhecemos hoje, é ser rebaixado para máquinas de jogadores casuais e a aposta em PCs prontos de tamanho compacto e poderosos como as Steam Machines serem o futuro. Eles podem substituir os consoles na sala de estar das pessoas, e eles não precisam vir de fábrica com o mesmo Sistema Operacional dos computadores comuns. A própria Microsoft pode equipar suas “Xbox Machines” com o mesmo sistema operacional do console que não passa de uma versão modificada do Windows 10.
    Essa é a única forma de continuar colocando no mercado consoles de 399 dólares mas também ter produtos de vanguarda da tecnologia, e as APIs de baixo nível e migração para arquitetura x86 à meu ver vieram para consolidar essa ideia.
    Resta a Sony e a seus fiéis seguidores que não podem nem pensar nessa ideia que já tem ataque de nervos, escolherem o que desejam: acompanhar a tendência, ou viver no mundo das soluções tecnológicas milagrosas que só serão dominadas daqui a alguns anos, como era o Cell e como é o molho do momento, o GPGPU.
    Nada impede a Sony de criar suas máquinas equipadas com um Sistema Operacional compatível com o Vulkan.

    • Como as coisas mudam Fernando, agora que os jogos todos da XO vão para o PC, já é o caminho lógico a seguir, aliás é tão lógico que tudo o resto não faz mais sentido, só faz sentido para os fieis seguidores da Sony, são os que restam mesmo, porque pelos vistos a Nintendo vai seguir as pisadas da Microsoft.

      E por falar em tecnologias milagrosas e molhos secretos, sempre foi e sempre será a realidade das consolas, e curiosamente a rainha das promessas até é a XO mais o poder da nuvem, mas pelos vistos nunca mais chove, mesmo que sobre a XO o céu esteja mais negro que nunca, porque por agora meu amigo, o ataque de nervos é um exclusivo Xbox One, o seu único exclusivo.

      • O que você não entende é que eu não ligo para isso. Quem é amarrado a plataformas e não a jogos é você e mais meia dúzia que aqui comentam. Eu vejo benefícios nos jogos e no mercado a longo prazo. Você fica de picuinha por que o jogo não é exclusivo do console x ou do y.
        Independente de lançar no PC, eu vou jogar Quantum Break, Gears of War 4, Fable Legends entre outros, sem problemas. Se o cara que tem um PS4 vai poder jogar no PC e não precisa comprar o Xbox One, o que isso me importa?
        Se você não precisa ter Xbox One, venda, existirá comprador certamente.
        Eu não comprei o PS4 por que eu não achei e ainda não acho que exista exclusivo que vale a compra desse console. Alguns de meu jogos favoritos são Halo e Gears of War e isso eu não jogo no PS4.
        Para muitas pessoas, os exclusivos da Sony não são uma unanimidade, e eu estou entre esses. Para outras pessoas, nenhum exclusivo é unanimidade, e muitos desses compraram o PS4 por que ele é mais barato.
        É assim que funciona o mercado, nem todos compactuam da sua opinião, e pior, onde você acha que as pessoas estão muito preocupadas com o futuro, talvez elas não estejam nem ligando.

      • @ José Galvão

        Disses-te tudo ! Se bem me lembro aqui a uns tempos, eu enganei-me a ler um post e ataquei-te a ti em vez de atacar o Fernando, troquei os nomes, distracção ou burreza minha, mas lembro-me que o Fernando defendia a xbox com unhas e dentes, que aquilo é que era bom, estava tudo bem, e atacou o Mário dizendo que ele era como o vento, dizia uma coisa depois dizia outra, eu desde comecei a ler a PCMANIAS, o Mario foi sempre o mesmo, o mais cordeal possível, e com uma grande forte! “Fontes Seguras” ! Quando fala sabe do que fala tem conhecimento proprio, não faz como muitos aqui que vem defendendo a xbox com post´s do site “XBOX m1l Grau”, site brasileiro de totais fanboys!
        O Fernando agora esta como alguns defensores da xbox, já não é nada com eles, eles agora são “MasterRace” com PC´s Imaginários, ao contrario de mim, Mario e outros tantos que possuem os 3 sistemas…

        • Eu acho engraçado que as pessoas que geralmente transformam um discussão em briga são sempre os mesmos, não discutem com idéias, mas atacam quem discorda da forma de pensar.
          Assim como José Galvão, o trol Mr. Gamer que vive cheio de deslikes na eurogamer por entrar em todas as notícias de Xbox One para alfinetar os jogos e mandar críticas, voce acha que defender alguma coisa com unhas e dentes é achar que o que é da sua preferencia não é o melhor.
          Ter os 3 sistemas não faz de você nem de ninguém alguma coisa a mais que os outros. Eu acho até que pelo tanto de baboseiras contra determinada empresa que o josé Galvão fala, ele ter um Xbox One e algum outro produto qualquer dessa empresa o torna um grande hipócrita.
          Mas talvez existam pessoas que gostam de rasgar dinheiro. Eu gosto de alguns jogos exclusivos que foram lançados no PS3 e até agora de um do PS4. Eu não sinto que tenho que comprar alguma coisa que não me é interessante apenas para vir na internet e falar eu posso criticar por que eu tenho as 3 plataformas.
          E vocês apenas endossam o que eu falo. Estão mais preocupados em defender uma bandeira do que em jogar os jogos. Nenhum de vocês dá a mínima para algum exclusivo da microsoft que vá sair no PC, mas estão ai criando caso para discussão. Eu gostaria mesmo é de saber se vocês são assim tão machões como parecem na vida real. Cão que muita late, não morde.

          • @ FERNANDO

            Tu não jogas nada a nada, nem sabes nada de nada, é só vento que sai da tua boca !
            Vou mencionar-te alguns que eu acabei desde Meados de 2015 a 2016:
            Witcher 3 (GOTY sem duvida) – PC 980Ti
            Batman Arkham Knight – Ps4
            Bloodborne – Ps4
            The Order 1886 – Ps4
            Metal Gear Solid Phantom Pain – Ps4
            Rise Of The Tomb Raider – PC 980Ti
            Forza 6 (Melhor Racing Game) – Xbox One
            Forza Horizon 2 – Xbox One
            Mad Max – PC 980Ti
            Life is Strange – PC 980Ti
            Alien Isolation PC 980Ti
            Ori Blind Forest – PC 980Ti
            Assassins Creed Syndicate – PC 980Ti
            E mais alguns que me poderei esquecer…

            E para a frente seguem-se o:
            -Far Cry Primal PC 980Ti
            -The Division PC 980Ti
            -Quantum Break PC 980Ti
            -Ratchet and Clank Ps4
            -Uncharted 4 Ps4

            E ate Maio chegam-me !

            Eu não defendo bandeiras, sou neutro !
            Jogo nos 3 lados, 2 neste momento porque já não tenho a Xbox One… Mas sei bem que tem “alguns” jogos exclusivos “bons” (Não Obras-Primas) … Mas as politicas Microsoft mudaram o meu ponto de vista da consola e o seu potencial.

          • @Fernando

            Que eu me lembre, nunca te faltei ao respeito, portanto cuidado com as ofensas pessoais, porque se existe aqui algum troll és tu, e hipocrita então nem se fala.

            Sim eu tenho todos os sistemas, mesmo todos, 22 consolas, logo conheço perfeitamente as virtudes e defeitos de cada um deles ao longo de mais de 33 anos, e embora seja mais duro com alguns, tipo a Xbox, nunca me vês ser injusto, nem sequer aldrabão, não vivo numa bolha como tu em que tudo acerca de uma marca (mesmo fora da esfera das consolas) é mau, já fiz inclusive artigos acerca da industria e mais farei, até da XO, e não será a dizer, bem, mas é a realidade, mesmo que pessoas como tu não a aceitem, e não aceitas devido à tua constante postura de negatividade perante uma tal de Sony, e uma constante postura de permissividade perante uma tal de Microsoft, qualquer pessoa com dois dedos de testa aqui já percebeu isso, portanto meu caro, não me venhas com o paleio de que os outros não estão abertos a ideias alheias, em outro tópico confrontei-te com as tuas inumeras contradições e renovadas convicções, e respondeste com o silêncio da verdade, agora respondes com ofensas pessoais e em tom de ameaça (que medo), nervoso?
            Não te preocupes, a XO está a caminho do futuro, no teu mundo claro, porque no meu mundo, e muito honestamente, pouco me importa se a marca Xbox desapareça, porque embora tenha trazido coisas boas, trouxe muitas más praticas e pouco ou nada fizeram para andar com o meio para a frente, pior foi a SEGA e estamos cá todos, cheios de jogos até ao pescoço meu amigo.

            Podes continuar com o paleio que volta e meia muda de rumo que até diverte, não penses é que nos comes por parvos, até porque nós cá em Portugal também temos um ditado canideo. Os cães ladram e a caravana passa…

          • @ José Galvão

            Ès rei ! Finalmente alguém que responda a esse troca tintas, eu não sou muito de comentar sou mais de ler, mas do inicio da PCMANIAS ate agora o Fernando nem é Carne nem é Peixe !
            José Adiciona-me na Psn se quiseres sempre vamos trocando umas ideias: yONi7rO-

          • Isto é para todos, e não para quem está a receber a resposta.
            Vou pedir alguma contenção sff.
            Respeitem as opiniões uns dos outros, mesmo que divergentes das vossas.
            Desde que fundamentadas, as opiniões tem todas o mesmo valor e só perante os factos resultantes do desenvolvimento das coisas podemos saber se elas eram válidas ou não.
            Até lá, aqui há que respeitar as opiniões todas mantendo uma conversa e evitando todo o tipo de termos que possam ser considerados pejurativos.
            Não gostaria de começar a banir pessoas… independentemente de quem seja!

            Obrigado!

          • Putz não sabia que o José Galvão é o Mr.Gamer, agora os comentários desse rapaz perdem qq validade pra mim…

    • O futuro não pára… e há que avançar. Mas o futuro não tem exactamente que estupidificar as pessoas que como carneirinhos batem palmas a tudo que se lhes é apresentado. Nem tudo o que é novidade é necessariamente melhor!
      Cada um é livre de seguir o caminho que quiser, e tentar inovar nunca foi mau.
      Mas se há algo que a atual geração parece estar a mostrar, mesmo indo contra tudo o que os analistas diziam, é que há mercado para uma máquina com hardware fechado e com exclusivos em quantidade. As chamadas consolas!
      Daí que a Sony vendendo a sua consola a ritmos históricos não tem motivos para deixar de vender o que vende e como vende para um mercado que existe, mostra interesse, e demonstra poder superar os 200 milhões de potenciais clientes.

      • Sim, consoles sempre venderão e terão sua cota de mercado, seja ele o da Sony ou o de quem for que parecer mais atrativo. Mas agora, existe a possibilidade de aumentar em muito esse mercado.

  4. tudo muito bom e interessante, mas ainda tem um fator muito importante, a justificativa de se manter no xbox, apesar de acreditar que um pessoal mais “casual” poder querer manter-se nos consoles, ainda terá aquela outra parte que vai escolher o pc e ate talvez o ps4, o que fara com que suas margens fiquem cada vez menos significantes. Alem disso temos um problema grave na Xlive a MS não permite jogadores de one e PC juntos online o que vai tornar as comunidades ainda serem interpretadas como duas. E por fim ainda temos o ps4 que cada tem rapidamente aumentado sua margem do mercado, e acho difícil mesmo com o juntando PC e xone, alguma empresa ignorar essa plataforma, e com isso esse tipo de atitude prejudicar mais o xbox do que ajuda-lo.

    • Nenhuma desenvolvedora vai ignorar o PS4, isso é certo, a base de clientes dele é a maior nesse momento. O que acontece é que a Microsoft lançará os jogos para Windows 10 e Xbox One. Mas em relação a multiplataforma, acho que nada muda do que é hoje e a Sony ainda tem conseguido alguns exclusivos de Thirds que sairão no PC, como Street Fighter e Paragon, algo que antigamente era incomum em uma plataforma sony.

  5. Eu vejo mais vantagens do que desvantagens esse suposto plano da Microsoft. Enquanto eu estiver bem jogando no Xbox One e curtindo os games que gosto, pra mim essa supervalorização das exclusividades passa batida por mim.

    O problema que vejo é que muitas pessoas tem certo apego ao hardware e suas teorias e não ao que ele oferece de tangível, de prático. Se fosse para eu jogar no PC já o teria feito a muito tempo com ou sem exclusivos xbox.

    Só acho que a Microsoft deve comunicar de forma mais clara aquilo que ela pretende fazer, para que as pessoas tenham mais confiança. A chave para o sucesso de qualquer marca e produto é a relação de CONFIANÇA que ele estabelece com seu público, e convenhamos, essa tem sido uma das falhas do xbox nessa geração, com indas e vindas nas suas propostas.

  6. Todo mundo fica nessa guerra boba, querendo que seu console seja o único, e que o outro console concorrente se exploda. Quem tem ps4, fica na torcida para que o Xbox one e o wiiu se afundem e o ps4 fique sozinho no mercado. Isso seria péssimo para todos os amantes de jogos. Por que os desenvolvedores gastariam milhões para desenvolver jogos cada vez melhores, se não tiver um concorrente? Eles precisariam lançar só o feijão com arroz. Quanto mais forte for o Xbox one e o ps4, melhor será pra todos nos, pois isso forçaria a Sony e a Microsoft a investir cada vez mais, e lançar jogos cada vez melhores, para provarem um ao outro que são os melhores, e ainda levariam os desenvolvedores multi plataformas a fazerem jogos cada vez melhores para que seus jogos não ficassem atrás.

    • Isso não seria mau… seria terrível! A história já mostrou que os monopólios não tem nada de bom!
      É por isso que eu só espero que isto acabe por ser bom para a One. Porque a concorrência é necessária!
      Vamos aguardar por dia 25… a Microsoft deve revelar planos por lá!
      Os casos do artigo são exemplos de coisas boas que podem acontecer na consola, mas podem haver mais.

      • @ Mario

        Dia 25 esta mais que certo, vao unficar a xbox one com o pc, lançando os mesmos exclusivos, podendo manter um ou outro exclusivos na One, anunciarem o Forza Horizon 3, ou mais algumas IP´s Novas, criar uma plataforma como foi o falhanço “Games for Windows Live”, alguns nos grupos xbox ja comentam que a MS quer combater a steam ! LOL
        Conclusão é uma maneira de “abafarem” a consola (XOne) e não darem parte fraca, vão fazer como fizeram com a xbox1 quando combatia a ps2, que por sinal era mais potente, mas o catalogo de jogos não interessou ao publico. Por outro lado querem apostar no Pc Gaming que hoje em dia esta mais acessível, dar mais suporte ao mesmo e tirarem partido disso…
        O define uma consola ou uma geração de consolas é o seu catalogo de exclusivos! (Não só no lançamento mas ao longo do seu ciclo de vida) Depois sobra a parte Multiplataforma que é para o pessoal que gosta de jogar nas melhores condições (Graficos-Framerate) e nesta geração foi e será a ps4 tal como x360, no seu tempo etc…
        Não há nada que enganar só não vê quem não quer…

  7. E o Steam, já não domina o PC. Como é que a microsoft vai enfrentar este forte concorrente que terá no PC?

    • Terá de apresentar um serviço melhor…
      Mas terá mesmo de ser melhor pois o Steam está muito bem aceite pelas pessoas com grandes promoções e mesmo ofertas.

      • O que também não seria má uma concorrencia forte para o Steam, voces não acham??

        • No fundo ela já existe. Eis algumas outras lojas:
          Itch.io
          Green Man Gaming
          Desura
          Humble
          Gamersgate
          Gamesplanet
          Kinguin
          Games Rocker
          Original
          Humble bundle
          Direct2Drive
          Amazon game downloads
          E depois os mais conhecidos pelos preços fantásticos
          CD Keys
          G2A

          O Steam é serviço o mais completo, mas os dois últimos websites são imbatíveis a nível de preços e a maior parte deles não prende a titularidade dos jogos a uma conta.

      • Então, é exatamente disso que estou falando Mario, do jeito que alguns estão a dizer parece que essa nova estratégia já vingou, o Steam e muito aceito no PC tanto que as lojas da ubi e ea não lhe oferecem resistência. Temos mesmo de aguardar o resultado de tudo isso, vamos ver.
        Ou da muito certo ou muito errado.

        • A tua última frase toca exactamente na ferida.
          Eu não estou contra nada disto. Eu pessoalmente estou-me a lixar para se há uma consola ou uma plataforma, seja ela PlayStation ou XBox. Estou-me a lixar para se os exclusivos saem só para a consola ou se saem para o PC. O que não quero é ver morrer, por uma jogada que pode dar muito certo ou muito errado, e sem qualquer garantias, um conceito que sempre funcionou muito bem e que agrada a milhões de pessoas. De resto, se os bons jogos continuarem e se isto até se revelar benéfico, óptimo!
          Agora tenho de referir pois essa é a parte que menos gosto no meio disto tudo é que acho que isso não deveria acontecer agora. Na próxima geração a Microsoft lançava esta plataforma, mas na atual a XBox One está a ser prejudicada. Começou como um sistema de entretenimento completo para a sala que usava o Kinect como centro de controlo, e acabou como uma consola standard com o Kinect arrumado. Agora perde o conceito de uma consola standard para entrar numa jogada que pode dar muito certo ou muito errado. E quem tem a consola sujeita-se a estas mudanças sucessivas de política.
          Independentemente de possíveis vantagens há aqui coisas que são factos:
          -A XBox One deixa de competir só com a PS4 a nível de vendas e passa a competir com o PC.
          -A XBox One deixa de ter exclusivos que só podem ser jogados no seu hardware.
          -A concorrência à XBox One deixa de ser 40% mais potente podendo ser até 1000% mais potente.
          -A XBox One deixa de ser o melhor sistema onde se jogar os seus exclusivos passando a ser o mais fraco.
          -A concorrência da Xbox One passa a incluir máquinas cujas descidas de preço e evolução são constantes.
          -Os exclusivos XBox One podem ser interessantes para os PCs atuais mas daqui a 4 anos face ao que pode ser obtido em máquinas que existirão a preços baixos parecerão ultrapassados.
          -Face à oferta de jogos preços e serviços num universo onde o online sempre foi gratuito fazer pagar os utilizadores PC por um Live Gold apenas por causa dos exclusivos XBox parece uma tarefa Dantesca. E ter uns a pagar e os outros não, não só é desigual, como acaba por tornar os preços do PC mais atractivos.

  8. Eu continuo a pensar que a estratégia da MS é fantástica! Sei que há muitas dúvidas hoje do consumidor, ainda mais quando quebra uma ” cultura consolista” de exclusivos como a MS está a fazer com esta unificação de sistema em prol do Windows 10. Pc é pc, console é console, sendo assim, o Xbox one continua com seus belos exclusivos, e quem sabe, podem aparecer os exclusivos pc para o One… Ah! Gente, sempre gostei do pcmanias por conta das boas discussões respeitosas e bem argumentativas, mas pelo que estou a perceber, Mário terá que colocar freios nesta ” famboyzada” aqui!!!

    • Pois… Eu também tenho uma opinião e creio que a estou a transmitir sem ofender ninguém. Eu respeito todos mas há que ter controlo nas palavras. A discussão sadia é importante pela troca de ideias e o fazer ver de perspectivas que possam estar a escapar. Mas quando começa a roçar a ofensa não pode ser.
      Quero ver esses utilizadores ativos, pois as suas ideias e opiniões são tão válidas e interessantes de serem discutidas como quaisquer outras, mas usando outras palavras que podem dizer o mesmo sem ofender.
      Eu sei que aqui há paixões e é por isso que não censuro as pessoas, e sei que por vezes é difícil dizer-se o que se pensa sem ser directo. Mas há que conseguir…

    • @Edson

      Como já referi aqui inúmeras vezes, todos nós, tu inclusive, temos uma preferência, há pessoas que preferem PC como o Mário, há pessoas que preferem a Xbox como tu, e há pessoas como eu que prefiro PS, e dentro dessas preferências é perfeitamente possível falar como pessoas normais, agora se te diriges a alguém e ainda por cima indirectamente, a catalogar de troll, epá é certinho direitinho que levas com a fruta, mas quando as pessoas não sabem ou não conseguem argumentar perante factos, partem para os insultos, e isso eu não tolero.

      Em relação à unificação da plataforma, já disse o que tinha a dizer, a XO vai sofrer, mais ou menos, mas vai sofrer, e para um consola que está a lutar com todos os trunfos que consegue arranjar para ser competitiva com a PS4, isto vem na pior altura, altura em que a geração começa começa realmente a ganhar força, em que começa a surgir a 2ª geração de jogos da mesma e se começa e vislumbrar o que estas consolas conseguem fazer, a agora nesta altura tão crucial, a Microsoft coloa a XO numa posição é que pode ser totalmente descartável, é que eu não percebo qual é a dificuldade de perceber isto, é um ”no brainer” de tão óbvio, tão claro que é, a não ser que não exista uma dificuldade em perceber isto mas sim uma resistência em aceitar isto.

      E não te esqueças que os exclusivos de PC também vão para a PS4, portanto a XO é beneficiada em ZERO!

      • Os exclusivos de PC vão para a PS4??? Como assim? Há muitos jogos que saem para PC e não saem para as consolas!

        • O que eu queria dizer só que já não fui a tempo de editar, é que se os exclusivos do PC como ele afirma também viriam para a XO, mais depressa viriam para a PS4 devido à user base instalada e porque a Microsoft não é dona da plataforma PC, logo a vantagem é zero.

          • Se houver uma unificação da plataforma a Microsoft pode simplesmente permitir correr alguns jogos na One. Isso seria directo e sem conversão pois o OS e o API é o mesmo (a one só teria de ter a potencia necessaria)

      • José, boa tarde! Vou te contar um segredo… Meu console predileto é o Playstation, sempre o tive desde 1997 quando adquiri meu primeiro. Tive todos os consoles Sony com exceção do Psp. Hoje, tenho o ps4, tenho o Vita, um 3ds e um wiiu, cheguei a ter o One por uns 2 meses e o vendi, curiosamente por não curtir tanto os ex exclusivos xbox, e tb por não ter gostado tanto da máquina como um todo! O fato de eu dar a minha opinião sobre o one aqui não faz pensar que seja a minha plataforma favorita, o fato de eu falar com Mário sobre haters, não quer dizer que seja vc! Não sei a sua idade, eu vivenciei uma era dourada dos games com o Super e o Mega, e por mais que na época a minha preferência fosse do Super, eu admirava os games do mega tb, não ficava a insultar este ou aquele não! Sei que games mexem com o âmago do jogador, mexe com a paixão, mas como diz um youtuber extremamente famoso no Brasil chamado Zangado,” Há poucas coisas que vale brigar nesta vida e Videogame não é uma delas.” Bem, quanto ao meu comentário de outrora, creio que a jogada da MS é fantástica, até pq, tem coisas para serem anunciadas ainda, fora o fato de a MS estar querendo uma vela fatia do bolo da Valve há um bom tempo, mas nao tenho a presunção de dizer que se darão bem ou mal, pois da minha parte, somente és uma opinião de um consumidor de 3 décadas de games, mas isso não me credencia a nada! Fique com Deus, José!!!

        • Vou fazer 39, já jogo à 33 anos seguidos, também vivi os anos dourados dos videojogos, e como as coisas mudaram, especialmente a comunidade, dantes tinha-mos este tipo de despiques, mas era pacifico, hoje em dia não, hoje em dia a visão pessoal tem que ser a realidade absoluta, e tudo o que foge disso choca com o ego, é esse o problema.

          O que é ironico é que apesar de recordarmos outros tempos como a era dourada, vivemos actualmente a melhor altura para se ser jogador, só que aliada à piores práticas.

          Em relação à Microsoft, sem dúvida que trouxe coisas boas, mas é uma empresa que ignora por completo o meu país, logo é-me indiferente para mim, de facto tenho as consolas todas deles porque gosto de alguns jogos que só lá é que posso jogar, mas tirando isso não é uma empresa com a qual simpatize, não só pela forma de estar na industria, como nada fez para andar com o meio para a frente no sentido artistico. o seu contributo para os videojogos como forma de arte é quase nulo.

  9. Li que o evento da Microsoft de amanhã será fechado pra imprensa, e seu conteúdo só será divulgado ao público no dia 01/03, se for verdade teremos que esperar mais um pouco pra conhecermos a real estratégia da Microsoft.

    • Nossa, eu nem comentei nada, só lendo as comentários esperando essa conferência, até consegui folga do trabalho. Só faltava essa. Esta tudo muito nebuloso para ter uma opinião, cada hora eu penso uma coisa diferente.

      • E queres saber a melhor… O pior argumento contra tudo isto só me ocorreu à pouco quando li uma notícia.
        É algo que penso que ainda não vi escrito em absolutamente lado nenhum… Algo que no entanto é uma realidade bem provável! Eu diria quase que é basicamente factual, estando apenas presa por uma questão temporal.
        De tarde num artigo falo nela!

        • No aguardo do artigo Mario.

        • Mário esta estranho essa jogada da Microsoft, eu fiquei pensando até nos exclusivos de console, como SOMA e Street Fighter V, se a X-Box passar a ser uma espécie de Steam Machine, então ele poderia receber estes exclusivos de console, pois sairia dessa denominação. Mas estou só especulando, um monte de coisas, mas é esperar.

          • Lê a notícia que vai sair daqui a nada… teremos certamente muito o que falar depois de lerem o que lá é referido!
            Ali a coisa é apenas mencionada, mas acredita, a situação só por si dava um artigo bem maior que a notícia!

            PS: Sem ter nada a ver, ainda bem que não me meti em despesas a criar o forum… a afluência tem sido de loucos.

  10. Eu escutei hoje um rumor, de que os jogos exclusivo do Xbox one que irão para PC, serão vinculados ao Xbox one, não se sabe ainda se para jogalos no PC seria necessário possuir um Xbox one, ou apenas uma conta Xbox live gold.

  11. vejo aqui em alguns comentarios em sua maior parte fans da marca PS e ate entendo que virem os olhos para a marca X porem acho ridiculo da parte de alguns falarem de coisas sem fundamentos so por que sao da geracao PS. Entendam game e game indiferente de plataforma,tenho a pS4 mais sou fan da MS e NT e sei que isso e ser game entao paremde briga bobas poisja deu.

Os comentarios estao fechados.