Racismo faz novas vítimas… desta vez foi o canal Xbox mil grau

5 3 votes
Avalie o nosso artigo

Num total e completo desrespeito pelo respeito, diversidade, e igualdade da dignidade humana, o Canal Xbox Mil Grau foi banido das redes sociais e Youtube… E pela própria Microsoft.

O canal Xbox Mil Grau era um canal muito popular no Brasil. Infelizmente era-o pelos piores motivos, dado que era um canal Xbox visitado pelos fans mais fanáticos da Xbox.

Ao longo dos anos este canal acumulou um historial enorme de situações em que milhares de pessoas, empresas e outros eram internamente enxovalhadas. Numa política de criação de realidades alternativas criadas por interpretações muito pessoais e por vezes deturpadas, este canal regularmente ao longo dos tempos e de forma regular, atacou a credibilidade pessoas, websites e outros canais que explicavam qualquer coisa que fosse diferente da ideologia ali passada. E o resultado era uma constante criação de informações deturpadas, baseadas num diálogo demagogo destinado a catequizar uma base de seguidores.

Daí resultaram várias situações pouco dignas, destinadas não a promover a marca a que estavam associados, mas a tentar retirar mérito a situações associadas à concorrência, como foi o caso das actividades recentemente promovidas pelo canal e destinadas a arruinar o prazer de se jogar os jogos da concorrência, como aconteceu com a divulgação  maciça de spoilers relativos ao jogo The Last of us 2 que alguns dos seguidores deste canal ajudaram a colocar em diversas redes sociais e de forma a que qualquer um, sem esperar, e sem aviso os lesse, mesmo sem querer.

Mas apesar de, já há vários anos, as práticas deste canal serem publicamente conhecidas e criticadas por diversos outros canais e medias, de forma incompreensível a Microsoft, tal como faz com outros fanboys fanáticos pelo mundo, que actuam da mesma forma, apoiou-os oficialmente, nomeadamente com viagens a feiras e mesmo ofertas de hardware.



Mas desta vez a Xbox Mil Grau cruzou a linha de uma forma que não podia passar em claro. Porque aquilo que fez não afectou apenas terceiros, mas igualmente a imagem global da Microsoft, e isto numa altura em que todas as empresas de software se unem para lutar contra o Racismo.
Resumidamente, os responsáveis por este canal publicaram uma imagem com conteúdo e texto racista, que foi acompanhada de diversos comentários igualmente racistas vindos dos “fieis seguidores”. Eis a imagem, sendo que chamamos a atenção para o número de curtidas:

Este tipo de atitudes não tem qualquer desculpa… Isto é racismo dê lá por que perspectiva se veja! Não há aqui sequer desculpa de não intenção, de humor, de seja o que for. Nem mesmo a pura e simples estupidez desculpa uma atitude como esta numa altura em que, mais que nunca, é conhecido que o mundo está unido contra estas atitudes.

E perante isto a consequência foi uma tomada de postura da Microsoft, com ordens vindas do próprio Phil Spencer que resolveu actuar quando lhe foi dado a conhecer a situação. E nesse sentido a Xbox Brasil mandou encerrar o canal proibindo-os de se associarem à marca Xbox, dando a conhecer a situação publicando a seguinte mensagem:

Respeito, diversidade e inclusão são parte dos nossos valores fundamentais e nós não toleramos comportamentos que violem esses princípios em nossos serviços. Não temos uma relação formal com esse grupo e não apoiamos suas visões

O curioso é que o racismo é algo efectivamente condenável, mas é algo que se insere em algo muito mais global, a discriminação. Algo que passa por muito mais do que o mero respeito ou questões de cores de pele. Passa igualmente pela questão da dignidade humana, e isso passa não só pela raças, pela cor de pele, mas igualmente pelos diferentes credos, pelas diferentes etnias, pelas diferentes religiões. Basicamente pela não distinção das diferenças, pela não segregação, pelo respeito. Algo que deveria passar pelo bom senso, pelo respeito e pelo bom diálogo com todos com a respectiva educação.

Aliás a definição de racismo pelo dicionário Priberam inclui a seguinte definição:



Atitude hostil ou discriminatória em relação a um grupo de pessoas com características diferentes, nomeadamente etniareligiãoculturaetc.

Basicamente, pela definição, racismo é o que este canal promovia desde que apareceu, ao discriminar os utilizadores pela consola de preferência. Termos como Caixista, Sonysta, e outros, sugiram no Brasil e derivados de canais como este. E sendo assim é intrigante como no passado a Microsoft Brasil não via como respeito, diversidade e inclusão não eram algo que este canal alguma vez promovesse. Aliás as suas atitudes perante pessoas com ideologias e crenças diferentes era hostil, insultuosa, vexatória e discriminatória, numa tentativa clara de humilhar, rebaixar e desacreditar tudo que fosse contra o seu credo.
Daí que a imagem de topo deste artigo, com aquelas palavras, venha a calhar, uma vez que elas são a base das regras de participação aqui na PCManias, e que deveriam ser igualmente a base de qualquer canal ou website digno desse nome. Com elas, independentemente de preferências, ideologias, e diferenças, sejam elas quais forem, tudo o resto surge por acréscimo na igualdade do tratamento das pessoas, e isto é o total oposto do que estes senhores alguma vez promoveram.



5 3 votes
Avalie o nosso artigo
51 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Reinaldo
Reinaldo
3 meses atrás

Lá diz o ditado. Fazes a cama… deitas-te nela

Rui
Rui
3 meses atrás

Eu sou um fã de consolas e principalmente da xbox, ja ouvi falar muito do mil grau mas nunca vi ou tive vontade de ver fantochada, a mim chega me ler os comentários na eurogamer sempre contra a xbox, sempre com piadas, ataques sistemáticos e os moderadores nada.

Portanto se o mil grau acabou eu pessoalmente nao perco nada pois nunca vi e acho muito bem que acabe.

Rui
Rui
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Eu compreendo, mas a malta mais radical por vezes foi radicalizada pela concorrência.

Em portugal a ps tem 90% do mercado logo o assédio constante, os ataques, as bocas, as piadas é comum.
Eu ja gostava mais da xbox e com o tempo fiquei mais leal à mesma por escolha própria e por a situação que descrevi.

Aqui também ha mais malta da ps mas existe bom senso e o sr Mário nao vacila, na eurogamer é o circo a cada noticia menos positiva para a xbox e o deboche total pornográfico a cada notícia da ps positiva.

Nao nos enganemos isto é como no futebol, política, marcas de carros etc.

O meu coração é azul e branco mas em consolas os meus olhos veem quase sempre verde admito.

Marcoshaft
Marcoshaft
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Mário já ví varios videos do canal deles e muitos são verdades que ele fala e dá voz a muitos que não podiam falar.
O que rolou foi que eles pegaram um meme que estava sendo feito lá fora (não foram eles) e ironizaram o mesmo!
zoaram o meme e a fala do capim (ai no video) foi para ironizar a coisa… EU SOU NEGRO e aqui no Brasil, foram idiotizados durante 16 anos em um governo que fez o Pobre virar vítima até da chuva. Tudo aqui e choro.
Voltando. Fizeram uma edição com pontos do video e mandaram para a microsoft chamando os caras de racista.
Editaram o vídeo original.
Infelizmente os caras pagaram.
Mas aqui temos canais que zombam do xbox 24h como PSN só os top, Playstation Mil Grau, Drake Sincero etc…
A diferença é que a galera do xbox leva na boa e a galera do PS não.
Eu sempre tive os 3 consoles e já perdi as contas de quantas vezes fui chamado de macaco e preto sujo na PSN.
A última até postei para amigos pois ganhei um cara no fifa de 7×1 e ele não aceitou.
Sou negro e repito: racismo nunca vai acabar. O que vc tem que fazer é viver sua vida e deixar pessoas não evoluídas para trás.

Edson
Edson
Responder a  Marcoshaft
3 meses atrás

Marcos, sério que vitimizaram os negros no Brasil? Realmente, escravidão de 330 anos é vitimismo, desigualdade social, principalmente com os negros é vitimismo, assassinatos em grande escala em negros, jovens da periferia é vitimismo, além da maior concentração de escolaridade baixa estar entre negros tbm é vitimismo. Vai defender a pseudo meritocracia tbm que não há no Brasil? Pq se tem a indecência intelectual de querer passar pano para o fascismo da mil grau aqui, com conversa mole, espera- se tudo. Vc deve viver em um mundo paralelo, talvez na fanaticolândia da guerra de consoles pra dizer que canais xbox levam de boa. Além do mais, a dona MS é hipócrita! Fernando falou que eles ( Os mil grau) ficavam mendigando atenção na BGS, mas não sei se ele sabia que Aaron Grenberg ( chefe de marketing do xbox) já entrou na live deles e que eles chegaram a ser patrocinados pelo Mixer, onde foram bancados em uma das E3, com estadia e tudo do melhor. Lógico que muitos não querem falar com os caras, pq não sabem a reação deles, além deles serem reacionários e com isso, poderem manchar suas reputações, caso sejam flagrados com essa corja, Mas isso nunca impediu da MS usar frases deles, usadas pelo xbox BR com o
Bordão: “É é com isso?” Quanto à turma do PlayStation, são do flame e ninguém é obrigado a gostar, porém, nunca vi esses caras dizendo que Hitler é o alemão preferido deles ou algo do tipo. Há suspeitas que os queridinhos do xbox mil grau e a sua trupe possuem grupos que organizam ataques contra pessoas. Vc deve ter visto isso no Brasil do nosso ilustre presidente… O gabinete do ódio! Então, a turminha, ” vítima da imprensa” tem um grupo parecido. O Brasil está nessa merda por conta de pessoas como vc que quer defender nazi fascista, amenizando, relativizando os crimes de caras assim. Ah! É negro e não vê preconceito aqui? Nunca sofreu preconceito? Então meu amigo, me desculpe, mas a sua alma é míope, pois ser negro e não sofrer nada aqui no Brasil é impossível! Por isso que temos uns 45 por cento de negros aqui, mas declarados são 9, 3 por cento, pois o negro no Brasil tem vergonha de si msm… Infelizmente!

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Edson
3 meses atrás

Vendo o testemunho do colega Edson, me lembrei dos vídeos que estão circulando pela rede e tenho visto muitos deles (sempre me fascina a dinâmica humana) e vi algo alí que me deixou levemente perplexo (o que é cada dia mais raro) que se tratava de pessoas negras abordando indivíduos brancos e os fazendo se ajoelhar e se desculpar por seu “privilégio branco”, e as pessoas estão com suas máscaras de bots obedientes a programação nessa situação ininteligível, enfim, mas eu me imaginei nessa situação e me lembrei que eu só me ajoelharia diante de Deus, então me peguei rindo pois, o ser humano realmente já não mais usa a razão, a lógica. Essa raça segue as emoções que o sistema impõe como parte da programação.
Daqui a pouco vem ums nova onda de vírus com a desculpa da aglomeração e a economia vai mais um pouco pro ralo e talvez uma pequena revolução aqui e alí e outros eventos curiosos.

Há um tempo deixei de me irritar com tudo isso e não consigo deixar de rir como o Coringa faz, pois a loucura da sociedade chegou a um nível de involução do ser.

Existe preconceito se você é pobre, se você é feio, se você não é importante, se você não tem “family tree” relevante… E ninguém se importa a mínima até que seu corpo esteja iniciando a putrefação na sarjeta, até cair no esquecimento no instante seguinte
O que pode durar um pouco mais se você servir de estopim pra algum movimento de intenções obscuras

Interessante

Não me preocupo, o final dessa história é a mesma pra todo mundo, vamos aproveitar a viagem, uns como robôs seguindo os algoritmos dos revolucionários e outros puxando as cordas

Não se esqueçam; a vitória já é sua, tome a

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Sim, concordo. Tem pessoas se ajoelhando e se desculpando voluntariamente.. e o incrível caso de mulheres brancas que dizem que não terão filhos e até abortarão caso aconteça, pois não querem colocar mais um branco opressor no mundo..

Loucura pouca é bobagem

PS: Gostei do novo sistema de comentários

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Sem querer tirar o mérito de nada, mas não estou entendendo mais nada, é pra ficar em casa ou não, pode ir trabalhar ou estudar ou não, uns protestos podem, outros não, se voce reunir 3 pessoas pra uma confraternização é chamado de genocida, mas uma puta aglomeração e quebra quebra em alguns protestos pode e a maioria aprova, eu to bugado, acabou o covid-19??

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Fernando Molina
3 meses atrás

Ninguém esqueceu amigo, podes ver muita gente de máscara, apesar de naquelas aglomerações, mas aquele polícia não era preso sem aqueles protestos, visto que ele só foi demitido pela divulgação do vídeo e em seguida preso por todos as pessoas que reclamaram na rua, eu pergunto qnd é que a gente discutiria este assunto em 2021?? E já falei eram algumas as pessoas a aproveitar-se da situação, é impressionante qnd o ser humano se junta para reclamar por evolução e justiça e tu só te focares na parte má, se estás a referir-te aos confrontos com a polícia, eles estão a reclamar a morte de um ser humano às mãos de um polícia, pq aí poderiam ser sempre civilizados?? Fora que se tu te desses ao trabalho de ver as notícias que existem diversas manifestações pacíficas sem qualquer incidente e algumas pq só no final descambam ou parte dos manifestantes ou por parte de intervenção da polícia, não sei se vistes os protestos aqui em Lisboa sem incidentes, não sei se vistes os protestos da Grécia em que raramente vias um negro e tentaram atear fogo à embaixada norte-americana, não são só os negros a partir tudo, como leio em alguns sítios. No final como nota eu sou totalmente a favor da paz mas eu não me chamo Gandhi e não sei se viste a imagem do senhor de idade branco que foi mandado para o hospital por um empurrão de um policial completamente sem noção, o homem caiu desamparado e abriu a cabeça na hora, ridículo não é?? Pois é contra isso que se grita a pelos pulmões, para de acabar com o racismo institucional, para acabar com o racismo em geral, para se acabar com a brutalidade policial

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Aqui vou ter que discordar com Mário em um ponto, eu realmente não acho que seja necessário esse exagero de se ajoelhar a um negro, pq não é assim que resolve o racismo, a opressão, a desigualdade, muito menos abortando, visto que ao longo dos anos vemos exemplos de cada vez mais gente consciente dos problemas do mundo, temos de educar, retirar essa ignorância da cabeça das pessoas, eu prefiro mil vezes sentir no mesmo patamar que qualquer outro ser humano de qualquer raça em vez de ter alguns a desculpar-se por serem privilegiados, não têm culpa de uma coisa que está tão enraizada na sociedade, mas certamente beneficiaram disso, nisto concordamos. Agora onde discordo é nesse discurso que todos são racistas na mesma medida, o Mário disse que a história ficou lá atrás mas é ela que nos indica que esse argumento é uma falácia, vou ser sincero, esse argumento de não vivermos no passado ouvi de todos os caucasianos com quem falei sobre racismo nos dias de hoje, porque querem tanto esquecer essa história, porque não é nem um pouco favorável para quem é branco, existem certas situações que ainda estão frescas em algumas memórias de mentes negras, são elas Apartheid e segregação racial na décadas de 60 ainda existe muita gente dessa época viva, no meu caso eu falo do boom de imigração por parte dos palops para Portugal e aí sentiu-se muito segregação para com os mesmos, eu vivi isto, ninguém me contou, nos dias de hoje toda a gente é politicamente correto e não diz muitas vezes o que pensa na cara das pessoas, por isso que concordo que o racismo em Portugal é mais social, pois se achares que estou ao teu nível ou acima sou bem tratado, se não, não o sou, para finalizar onde o Mário viu racismo nesta magnitude do que aconteceu com George Floyd, retiro os exemplos do apartheid e tal pq já não são atuais, de um negro para com um branco ou outro se humano de outra raça, na sua generalidade são brancos a fazer isto, eu já disse que isto não é um ato isolado e para mim já é normal ouvir que um negro foi morto pela polícia. Os tempos mudaram sim, mas ainda os negros são ser humanos de segunda classe dentro na nossa sociedade o que é triste

Helmer Silva
Helmer Silva
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Em que parte do meu discurso disse que, alguém seria automaticamente racista se a história ou um antepassado o foi, peço que não metas palavras na minha boca se faz favor, citei história pq muita gente tende a dizer que como ela é passado devemos esquecer, só estava a ressaltar que o que estavas a afirmar que todos são racistas da mesma forma, não tens realmente nada que o comprove, eu só digo que por vezes, eu falo por experiência própria conversando com várias pessoas sobre o assunto que por muitas das vezes os brancos acabam diminuindo ou relativizando o problema, pq muitos nunca sofreram racismo e na sua maioria enquanto negro o racismo é visto no dia-a-dia, não nego que um branco possa sofrer racismo na mesma medida que o negro ou outra raça, agora que é algo que não vemos na mesma proporção que os negros ainda sofrem, não sei como te dizer isto, porque Mário eu não digo que sejas racista, longe de mim nunca vim o comentário aqui nesse sentido, usei o teu comentário para de certa forma passa a realidade eu posso aqui enomerar-te só situações que aconteceram comigo em Portugal e em outros países onde já estive, sendo q por vezes até podia ser xenofobia, eu posso até dizer que algo parte o era, mas quando eu era o único a ser tratado de forma diferente, acho para isso existe outra palavra. Discriminação é o termo que usamos para qualquer tipo de ação, fala para denigrir o outro, racismo é o tipo de discriminação relacionado à raça ou etnia da pessoa, é usado muitas das vezes erradamente para simbolizar todo o tipo de discriminação. Não nego que possam existir aqueles que se vitimizam e agora quero que entendas que de maneira nenhuma te estava a atacar ou a individualizar, usei o teu comentário como base para formar o meu argumento só, mas para finalizar a minha intenção nisso é dizer que muita gente fecha os olhos ao racismo por a sociedade ser evoluída, os meus próprios amigos são escravos da suas ignorância por não estarem presos a pele, porque não quero ser presunçoso, talvez se muitos experimentassem o que é ser negro neste mundo que vivemos entenderiam, abraço

Jefferson
Jefferson
Responder a  Helmer Silva
3 meses atrás

Meu professor de historia costuma dizer que estudamos o passado para entender o presente, só muito depois fui compreender isso.

Jefferson
Jefferson
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Quem falou em reescrever historia? mudanças nunca são suaves para quem não quer mudanças, e nunca são rápidas o suficiente para quem há tempos está sendo colocado a margem da sociedade.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Mas creio que nem fanáticos eles eram, só sabiam que com aquele tipo de conteúdo manteriam seus lucros, o problema é que muitos ficaram fanáticos devido a eles, e não é só criança, há marmanjão com ensino superior que se deixava levar por eles.
 
Eu mesmo conheci o canal de um advogado, isso mesmo um advogado, que na época dos processos ele defendia a xmg e não visualizava a gravidade das acusações, eu e outras pessoas chegamos a alerta-lo sobre a situação e defesa dele. Infelizmente a gravidade que ele não enxergava acabou chegando para ele, não sei o que fizeram mas vi o vídeo em um canal sonysta em que a página de um fórum judicial estava aberta e o que estava aparecendo? Um processo do advogado contra a xmg. Desde então este advogado excluiu todos os vídeos em que defendia a xmg.

Deto
Deto
Responder a  Rui
3 meses atrás

ainda bem que vc nunca viu.
 
com o que vc escreveu ai, vc parece ser o público alvo do xbox mil grau para recrutamento como membro da Seita dele.

Marco Antonio Brasil
3 meses atrás

Eu estou atônito! Nunca tinha me interessado pelo conteúdo deste canal, apesar de saber da existência. Vi essa postagem e o vídeo compilado, que exemplo da podridão humana. E os caras são ridículos, fiquei com vergonha só de ouvi-los. O pior é pensar que uns babacas desses tinham uma audiência grande, é lamentável reconhecer que esse tipo de mentalidade encontra solo fértil para crescer em nossa sociedade.
Já estava mais do que na hora de as pessoas de bem deixarem as diferenças de lado e lutarem contra essa onda crescente de valores “nazifascistas” (especialmente no Brasil). Parece que está acontecendo!

Daniel Cardoso
Daniel Cardoso
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Só digo uma coisa, já foram tarde.

Vitor PG
Vitor PG
3 meses atrás

Não era só racismo q a xbox mil processos fazia( coloquei processos porque atacaram vários jornalistas e tiveram q pagar diversos processos, alguns a quase R$40.000) eles faziam piadas com síndrome de down, com cegueira, com tetraplégico etc, daí quando o pessoal vinha reclamar eles vinham com vitimismo “ ah todo mundo faz piada, só reclamam quando EU que faço “ esses vagabundos não são homens para assumir os próprios erros, agora que passaram do limite não tem choro, a justiça tarda mas não falha

Rui Teixeira
Rui Teixeira
3 meses atrás

Pelo que estou a ver foi “apenas” mau timing! Pelos vistos já fizeram coisas destas no passado e se o fizessem no próximo mês se calhar também passava e a MS iria continuar a apoiá-los e o youtube a ignorá-los, se calhar abrem outro canal quando tudo isto acalmar e voltam a receber o mesmo apoio e o youtube nem os vais bloquear.
Agora é que parece que ficaria mal não atuarem, porque pelos vistos estes temas só têm importância quando há muita gente atenta.
Enfim, que mais se pode dizer…

Fernando Molina
Fernando Molina
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Finalmente fizeram algo contra esse lixo nojento, nao sei como a Microsoft deixou ele usar o nome Xbox por tanto tempo, mas antes tarde do que nunca, os verdadeiros fas do Xbox sabiam que esse escroto só fazia mal a marca

Deto
Deto
Responder a  Fernando Molina
3 meses atrás

Pq o Xbox mil grau fazia trabalho por eles.

Xbox mil grau foi CONDENADO por assediar jornalistas, pq depois disso o Xbox não exigiu a retirada do nome?

Faz uns três anos que ocorreu essa condenação.

Que empresa no mundo quer o seu produto sendo usado por CONDENADO?

Fácil, ter uma milícia digital para defender o Xbox.

José Galvão
José Galvão
3 meses atrás

Algo me diz que a PCMANIAS vai ter uma redução significativa de ataques.

Em relação ao que se anda a passar nos states, sem nunca perder de vista a atitude criminosa do policia, acho tudo isto uma enorme fantochada, é mais uma desculpa não só para pilhagens e comportamentos mas para se ignorar verdadeiramente o que se passa no que toca ao suposto racismo.

Deto
Deto
3 meses atrás

Xbox BR era CONIVENTE com o xbox mil grau, anos que jornalistas reclamavam do xbox mil grau, por os assediar, e NADA da Xbox BR tomar alguma atitude.
 
Começou a repercussão e o xbox BR REQUENTOU uma notinha de repúdio do ano retrasado…
 
Xbox BR só fez alguma coisa DEPOIS que jornalista BR entrou em contato DIRETO com o Phill Spencer, que foi exigir que o mil grau parasse de usar o nome “Xbox”
 
 
Xbox BR chegou ao cumulo de usar um bordão do xbox mil grau “É com isso?”
 comment image
 
EU vi esse twitte na epoca que a xbox BR escreveu.
 
EU tirei esse print.
 
Xbox BR apagou esse twitte dia 5 ou 6, agora, depois da repercussão negativa.
 
Talvez isso de uma grande queimada de filme no xbox no mundo todo
 
Jason Schreier está em contato com jornalistas BR, já deve ter material como:
 

  • fotos do Phill com o xbox milgrau, em defesa disso digo que o Phill “não deu papo” além de deixar o xbox mil grau tirar foto do lado dele.

 

  • fotos do xbox mil grau com o Major Nelson

 

  • Deve ter a Live do xbox mil grau que o Mike Ybarra participou.

 
Espero que o Jason jogue no ventilador essa matéria que a MS pare de interagir e empoderar fanboys lunáticos do xbox no BR e EUA.
 
Mas tenho dúvidas quanto ao Phill Spencer, depois do incidente sobre “Control” no gamepass… acho que o Phill é realmente falso e o fato de até hoje o Greeberg continuar no xbox indica isso.

Rui
Rui
Responder a  Deto
3 meses atrás

Estavas bom para trabalhar para a cmtv deto.

Deto
Deto
Responder a  Rui
3 meses atrás

Tô de boa, não acho q tem uma conspiração na internet para falar mal do “meu vídeo game”

Tem uma seita lunática aí que vai ser condenada no segundo processo.

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Ta bom para a nova geração ahhahaha
 
com essa velocidade ai começa a precisa de um roteador robusto.

Fernando Medeiros
Fernando Medeiros
Responder a  Deto
3 meses atrás

Continua juntando as provas, quem sabe você não consegue erradicar a marca xbox do mundo?

Eles tem fotos com essas pessoas porque foram nos eventos e ficaram mendigando atenção da Microsoft. Eu estive em uma BGS onde esses caras foram. Não lembro exatamente o ano, mas como foi lançamento do Forza 7, chuto 2017. Fiquei em uma fila de praticamente uma hora para jogar FM7 no One X, acho que tbm era lançamento do console. Esses caras do Mil Grau ficaram o tempo inteiro no estande, de canto, igual cachorro abandonado procurando novo dono. Eles não tinham atenção de ninguém do Xbox, não tinham acesso aos bastidores, e nem tinham atenção das pessoas visitando o estande. Raramente alguém parava pra falar com eles. Eles eram frequentadores comuns da feira parados em um estande, só isso.

Muito provavelmente a MS os achava um canal irrelevante, e na verdade, eles tinham pouquissimos inscritos e baixas visualizações em âmbito mundial. Qual a relevância de um canal com 100 mil inscritos e videos que não dão nem 100 mil visualizações? Mesmo somente no Brasil, um país de 200 milhões de habitantes, quem eram esses caras?

A atenção que eles tiveram na internet foi com as polêmicas, os processos e agora com as piadas racistas. Por acaso alguém acha que Phil Spencer era espectador do Xbox Mil Grau, um canal onde as pessoas que apresentam alem de não postarem qualquer conteúdo que agregue, também mal sabem falar e se comunicar em um vídeo? O tal do xcapim, o mais racista de todos, parece alguém que abandonou a escola no ensino fundamental.

Toda a repercussão em cima deles aconteceu por que eles mexeram e irritaram pessoas muito maiores que eles. A maioria das pessoas, inclusive eu, nem sabia que eles tinham feito essas piadas, por que não perdemos tempo nesses locais.
Agora se fosse para retirar algo que eles fizeram e de forma indireta acabou por ser positivo, eu citaria o caso do YouTuber zangado, quando eles ficaram famosos. A verdade, é que nos primeiros anos da atual geração, os influenciadores digitais brasileiros ganhavam muitos views falando mal de Xbox e enaltecendo jogo de Playstation. De certa forma, a atitude deles mudou um pouco isso quando mostraram pessoas que falavam sem nem jogar ou que faziam review jogando games no easy. Mas com o passar do tempo montaram em cima disso e ai desandaram.

Deto
Deto
Responder a  Fernando Medeiros
3 meses atrás

Desmentiu que o Xbox BR foi conivente durante anos com o XBOX mil grau assediando jornalistas?

Não né 🙂

Faz dois anos que o XBOX Milgrau foi condenado por assediar e caluniar jornalistas.

Pq a Xbox deixou um CONDENADO usar o nome da marca?

Essa pergunta vc não vai responder

Deto
Deto
Responder a  Fernando Medeiros
3 meses atrás

Oi amigo 🙂
 
https://www.vice.com/en_us/article/k7qw4w/microsoft-finally-severs-ties-with-racist-brazilian-youtubers?utm_content=1591726166&utm_medium=social&utm_source=waypoint_twitter
 
 
After years of inaction, Microsoft has finally severed ties with Xbox Mil Grau, a YouTube channel that has been spewing racism, sexism, and transphobia within the Brazilian Xbox fandom since the early 2010s
 
“At the [Brazilian Game Show], which is like the Brazilian E3, he and his followers came to our booth with posters accusing us of several false things,” Penilhas said over Twitter direct messages. “When I recorded a video at the Xbox booth, they tried to sabotage and appear in the background. At the same event, he had the opportunity to take the stage of an Xbox Brazil presentation and talk to Phil Spencer. In 2017, Mixer took them to E3. It was always very frustrating for me and my colleagues, because nothing was done.”
 
 
Eita que novamente estou do lado certo da história.
 
na politica nacional faz uns 20 anos que estou sempre do lado certo da história.
 
parece que nos video games tb.
 
 
PS: Vice malvadora, tentando destruir o pobrezinho do xbox.
 

Sparrow81
Sparrow81
3 meses atrás

Demorou demais na impunidade esses caras. O que espanta é o fato das plataformas continuarem coniventes com esse tipo de comportamento por anos… Twitch e principalmente o youtube. Precisou de um jornalista respeitado, dos EUA, entrar na briga contra esses criminosos, para que se fosse feito algo. Incrível!
 

Livio
Livio
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

2 ditados certeiros:

  1. Você colhe o que planta;
  2. A justiça tarda mas não falha.

 
O primeiro ditado citado é o que mais está sendo aplicado a canais extremo (seja direita, esquerda, cima, baixo , B ,A…), muitos desses canais que antes estavam atraindo massas estão entrando na insignificância.
 
Só creio que as demais mídias, exceto este artigo que abordou, deveriam ter aprofundado na relação Xbox e mil grau. A Xbox BR vivia passando a mão na cabeça deles e quando a mil grau começou a receber os processos por difamação, a divisão BR só tirou um pouco os quartos de banda mas continuou a apoiar. Phil Spencer não é todo santo e o mesmo recebeu essa galera em um evento de games no Brasil e ainda riu quando os mesmos apresentaram camisas que faziam menções a ele e contra a Sony.
 
Neste caso de racismo a Xbox BR passou o pano, como nas outras vezes, e se não fossem as manifestações nos EUA, creio que Phil Spencer não movia um dedo, mas como a situação está complicada por lá e não ter uma posição mais severa iria manchar a marca Xbox.
 
Mas esse fim não foi somente devido o post e os videos com teor racista, foi tudo que eles plantaram nesses últimos anos. Esse negócio de mil grau surgiu no Brasil e pelo que vi foi com torcidas de times de futebol e lá, segundo dizem, eles tiram brincadeiras com os times adversários sem denegrir a imagem, rumo totalmente diferente desses que “apoiavam” o Xbox.
 
Um ponto que chegaram a denunciar era o fato da xmg vender camisas e outros objetos utilizando a marca Xbox sem pagar um centavo à MS, o que pode caracterizar pirataria, algo que a MS nunca combateu, provavelmente para preservar o público.
 
Também aqui coloco a culpa na Sony, não é a primeira vez que fizeram spoiler de jogos da marca, sendo que a promessa de ir atrás dos canais que spoilaram TLoU2 parece que não conseguiu pegar o avião e chegar aqui. Fora diversas posts denegrindo a empresa e até pessoas que ali trabalhavam como pegar o rosto do Kaz Hirai e colocar no corpo de uma prostituta( não sei se em Portugal o significado da palavra é diferente).
 
Há mais empresas com parcela de culpa como Youtube, Twitter. Eu se fosse administrador de uma rede social e caso recebesse ofícios de comparecimento a alguma audiência jurídica devida a algum usuário eu logo colocaria aquele usuário em uma lista de observação, mas nem isso o YT fez quando foi convocado nos processos movidos contra a xmg.

Cucapalooza
Cucapalooza
Responder a  Livio
3 meses atrás

Um dos comentários mais sensatos daqui, Lívio. Quem é brasileiro e gamer sabe e muito bem a toxidade do XB mil grau, esses caras são péssimo e há ANOS espalham preconceito pela rede. Foi uma tarefa homérica e que levou MUITO TEMPO pra se concretizar, esses caras eram praticamente inatingíveis com uma legião de fãs que os protegia.

Realmente, o movimento das manifestações foram fundamentais para a conclusão dessa exaustiva caça as bruxas, tal qual tiveram de se envolver Phill Spencer e Jason Schreier para que algo fosse mudado.

A comunidade gamer é extremamente tóxica e disso a gente sabe, que a situação do Mil grau sirva como exemplo para os que não respeitam as diferenças no ambiente digital.

Deto
Deto
Responder a  Cucapalooza
3 meses atrás

eu tenho um twitter fake, pq é comum os fãs do xbox pegarem fotos pessoais suas e fazerem montagens, mandarem MSG ameaçando etc, como vc pode ver no processos que eles tomam, inclusive com esse lunático ameçado a filha do jornalista que denunciou o XBOX milgrau para o Phill Spencer.
 
tenho notado que agora o que sobrou de seguidor da Seita do xbox estão bem alvoroçados atacando os outros para terem atenção.
 
mais um mês e eles desaparecem na irrelevância.
 
 
Foi a melhor coisa que aconteceu com o mercado de jogos BR, a extinção desse sujeito ai.

bruno
bruno
Responder a  Deto
3 meses atrás

Ha toda uma coisa que eu nao compreendo em alguem viver para isso e viver disso.
 
Que existencia.

Fernando Molina
Fernando Molina
3 meses atrás

Off: uma ajuda de quem tem e usa bastante o Playstation VR, é normal ele descascar aquela parte acolchoada de dentro?

Livio
Livio
Responder a  Fernando Molina
3 meses atrás

Sim, igual aos headset da marca PS. O que eu fiz, quando começou a descascar peguei um pano velho e removi o restante, aquilo fica sujando o cabelo toda vez que vais usar, já que um dia tudo vai sair então remove logo
 

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Livio
3 meses atrás

Obrigado Mario e Livio

error: Conteúdo protegido