Rumor:PS4 Neo será mudança radical no hardware, e imposta pela AMD

Os últimos rumores apontam no sentido de que a Sony nunca quis lançar uma PlayStation Neo , mas que as mudanças internas na AMD forçaram a empresa a optar por um novo hardware para manter os custos de produção

Uma série de notícias e rumores tem vindo a dar a conhecer aquilo que será a Playstation 4 Neo, e os motivos pelos quais a mesma existe.
Como é do conhecimento geral a AMD prepara-se para mudar toda a sua produção para uma tecnologia de 14 nanômetros, abandonando a atual tecnologia e 28 nanômetros usada nas consolas, entre as quais a Playstation 4.
Numa situação normal a Sony apenas se limitaria a usar uma técnica de redução para passar os seus chips para esta tecnologia, mas a AMD não parece alinhar nessa situação. Assim a AMD não só vai implementar esta tecnologia, como pretende livrar-se de todas as tecnologias anteriores obsoletas.
Ora sendo o Jaguar um processador obsoleto e já substituído pelos Puma e Puma+, que no entanto não suportam HSA, a AMD pretende abandonar o mesmo, colocando a Sony entre a espada e a parede.
Assim a alternativa dada à Sony era o suportar uma linha de produção para a sua consola, algo que a empresa já fez anteriormente com a Nvidia para manter a placa gráfica da sua PS3, com custos financeiros que se revelaram incomportáveis e que só tornaram a consola rentável em 2011 com a descida para uma tecnologia de produção de 40 nm.
Basicamente eis as opções da Sony:
  1. Instalar linhas de produção personalizadas, produzindo uma combinação mista do GPU a 14 nm, mas tendo de fabricar o Jaguar a 28 nm. A empresa teria de suportar todos os custos de manter a instalação pois seria só ela a usar a linha de produção (aqui questiona-se o caso da Microsoft)!
  2. Usar os novos standards associados à arquitetura Polaris associada aos novos núcleos Zen. Dado que esta linha de produção será genérica e utilizada por todos os clientes AMD, os custos seriam normais.

Ora este rumor, verdadeiro ou não, levanta é aqui um questão. Dado que a arquitectura Jagura não passa para os 14nm, e a arquitectura Puma e Puma+ mais não suportma HSA (pelo menos a documentação da AMD dos Puma+ não é clara nesse aspecto, não havendo referências específicas ao suporte, sendo que a arquitetura Puma, garantidamente, não a suportava), o que resta como alternativa para o CPU?



Ao que tudo indica a Neo terá igualmente melhorias no CPU que passará a contar com núcleos Zen!

Assim a Sony tinha 3 alternativas para a nova Neo:

  1. Bloquear o hardware para garantir que as performances seriam idênticas. Tal seria pouco lógico dadas as melhorias e muitos clientes não aceitariam estar a pagar os 400 euros por uma consola que poderia estar a custar 200 para ter um hardware melhor, mas bloqueado.
  2. Utilizar as melhorias do hardware forma livre, permitindo a criação de jogos específicos que não correriam no hardware original, criando conflitos com os utilizadores originais.
  3. O meio termo. Implica o uso parcial do harware, permitindo melhorias de performance e gráficas, as impedindo o  desenvolvimento de aplicações específicas para a consola, tornando obrigatório que todos os jogos corram am ambas as consolas, com a PS4 original a ser a base de desenvolvimento e a Neo a poder, quando muito, contar com melhorias.

Falta agora saber o que se passa com a situação da Microsoft, pois a situação, a ser verdadeira, afeta a Microsoft da mesma forma. Os rumores apontam no sentido que ambas as empresas irão apresentar novos kits de desenvolvimento (hardware) ainda este ano, o que leva a crer que uma nova Xbox One tambem será uma realidade.



Naturalmente não sabemos ainda os reais motivos desta atualização, mas torna-se coerente acreditar que, face ao descontamento geral já demonstrado por muitos, haja efetivamente motivos que estejam a forçar a tomada de posição da Sony, uma vez que se há algo que não é credível é que a empresa, face às dificuldades financeiras que atravessou e das quais ainda não saiu a 100%, queira antagonizar os seus clientes. Se estes, se outros já aqui referidos e relacionados com o futuro da consola como plataforma, é o que falta saber



Posts Relacionados