Sony precisa de lançar um patch para a PS4 devido a problemas com a pilha interna da consola.

5 3 votes
Avalie o nosso artigo

O problema é que a PS4 precisa do seu relógio interno para sincronizar os trofeus, permitir o uso de produtos digitais, e mesmo ler Blu-Rays… E se a pilha interna for abaixo, apenas uma reconexão à rede permite acertar o relógio.

O fim de vida da PS4 está a dar problemas a alguns utilizadores que estão a ver a bateria interna da PS4 a descarregar. E como consequência estes recebem um err, o CE 34878-0, que os impede de aceder a jogos digitais, e mesmo ler da drive Blu-Ray.

A solução para o problema passa por conectar à rede, o que acerta o relógio, mas tal coloca um problema que nunca existiu antes, e que todos os que gostam de manter as consolas para as futuras gerações, vão ter… O que irá acontecer um dia que a PSN deixe de suportar a consola.

Infelizmente isso coloca outro problema… A necessidade de internet. Por exemplo, dado possuir uma PS5, era minha intenção colocar a consola numa casa de campo que possuo, e onde não tenho internet. Dado que a PS5 possui grandes jogos Single Players, esta não ficaria minimamente prejudicada pela falta de internet, mas no entanto, dado que ali a consola iria ficar por longos períodos desligada, a mesma irá certamente descarregar a bateria interna, o que lhe irá causar este problema.

E nesse sentido, esta correção deveria surgir desde já, uma vez que está a limitar os utilizadores de usar a consola, e a criar uma espécie de DRM que impede o seu uso sem ligação à internet.



Sem este patch a solução que resta aos utilizadores pode ser recorrer ao jailbreak da consola, algo que certamente não interessa à Sony, de forma a poderem acertar manualmente o relógio.

 



5 3 votes
Avalie o nosso artigo
19 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Felipe Horvath
Felipe Horvath
6 meses atrás

A tecnologia é uma coisa incrível. As vezes parece vinda do futuro , mas ao mesmo tempo , certos aspectos parecem tão atrasados… O fato de ainda usar essas baterias é uma coisa bizarra , parece que nunca evolui muito essa parte de estocar energia.

By-mission
By-mission
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Pah todo dispositivo usa… Smartv, computador, notebook, celular, Nintendo SW tablets e etc…
Só para teres ideia o conceito é tão antigo que alguns jogos do SuperNintendo usavam baterias…
https://images.app.goo.gl/2gMQUiH37zmP55Dz6

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  By-mission
6 meses atrás

Exatamente , essa área não evolui nunca . haha

Livio
Livio
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Poderia evoluir para memórias eeprom, como as utilizadas em televisores já que não usam bateria, mas estas tem vida útil(limite de escritas e leituras), sendo que deve ser mais vantajoso e econômico o uso das baterias

nETTo
nETTo
Responder a  Felipe Horvath
6 meses atrás

Talvez não seja uma questão de evolução mas sim de custo.

Consoles são pensados para gerar o menor custo possível

Felipe Horvath
Felipe Horvath
6 meses atrás

[OFF] – Mário saiu hoje na eurogamer que o fortnite no Nintendo switch ganhou um boost significativo na resolução , sombras , draw distance e estabilidade geral. Acho que seria interessante você discorrer sobre isso num artigo. Com certeza seria um deleite ler.

Livio
Livio
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Mesmo indicado no texto creio que há ainda outro erro ao qual não lembro se o código é o mesmo ou diferente, que envolve a mídia física.

Teve um PS4 adquirido com defeito, consertei e coloquei para testar sem bateria(não lembro se fiz update de firmware, provavelmente sim), instalei Assetto Corsa e quando coloquei para executar o jogo o erro aparecia e voltava para a dash. Alterei manualmente o relógio e nada, só resolveu após conectar à internet.

E lembrando que meu PS2 fat, comprado usado em 2003, teve a bateria a descarregar somente em 2020. Um outro ponto legal era que as baterias do PS2 fat eram personalizadas e continham o logotipo PS nelas. Nem descartei a do meu PS2 fat, está guardada.

Deto
Deto
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

eu acho que isso não vai mudar, parece ter sito feito para evitar “acesso antecipado ilegal”

o sujeito vai lá e faz pré loading de um lançamento digital que já fez a pré compra, e antes da data de lançamento desliga o console e tira a pilha… desconecta da internet e liga novamente e acerta a hora e data para uma posterior ao do lançamento do jogo e tem o jogo liberado antes do lançamento.

Quem quiser arrumar isso, vai é ser um “mod de hardware”, o cara vai lá e substitui a bateria padrão por uma que dure muito mais.

Eu acho que se isso for um problema para quem coleciona, daqui 20 anos por ex, vai ser no hack.

Inclusive o futuro de consoles com tanto conteúdo digital vai ser o desbloqueio…

PS: se tivessem descoberto isso em 2013, os astroturfing do xbox teriam feito um circo dizendo que a Sony tinha sempre on line…

Livio
Livio
Responder a  Deto
6 meses atrás

Isso que você falou é um dos pontos que sempre apoio para quem recebe antecipadamente jogos em mídia física, travar, através de acesso a internet, que um game seja jogado antes do seu lançamento oficial.

Acredito que esta questão dos jogos seja solucionada quando o PS4 sair de linha pois não haverão jogos a serem lançados.

Gervas69
Gervas69
6 meses atrás

Não sei que pilha é, mas matherbords dos PC era a cr2032 ( já não tenho PC novo á muito tempo), não dá para abrir e trocar a pilha?
A vida útil desse gênero de pilhas anda a rondar os 4/5 anos, portanto se for das primeiras consolas a dar esse problema a pilha ainda aguentou bastante.
O erro acontece na mesma com a consola em stand by?

Livio
Livio
Responder a  Gervas69
6 meses atrás

São essas mesmo. No PS4 é mais complicado porque tens que desmontar o console(veja o tanto de passos para chegar na bateria: https://pt.ifixit.com/Teardown/PlayStation+4+Teardown/19493). Como relatei acima, a CR2032 que veio no meu PS2 fat descarregou somente em 2020. O PS2 foi fabricado em 2002 ou 2003

Finn
Finn
6 meses atrás

Já tinha lido algo de relance sobre isso há um tempo atrás. Imagino que o assunto tenha vindo à tona por causa da confirmação do fechamento da loja do PS3. Alguém saberia dizer se o PS3 usa o mesmo sistema de troféus e corre o mesmo risco? Pergunto porque ele é o que tem mais chances de ser “brickado”, uma vez que bastaria o fechamento do acesso a PSN (como ocorreu com o Wii), não só da loja, aliado a esse erro. Hipoteticamente, o PS4 também corre esse risco, mas ainda deve ter uns bons anos pela frente.
Se isso é passível de ser corrigido por patch, é uma correção obrigatória por parte da Sony.
De toda forma, essa situação somada ao fechamento da PS Store de PS3 criam um precedente perigoso para o legado e preservação dos jogos, especialmente para os jogos digitais (e até os físicos nesse caso). É triste ver que a Sony está indo para o mesmo caminho da Nintendo nesse sentido. Atualmente só existe certa segurança em comprar jogos digitais no Xbox.

nETTo
nETTo
Responder a  Finn
6 meses atrás

A loja será fechada, mas o conteúdo comprado ou “alugado” da Plus ainda estarão disponíveis.

Finn
Finn
Responder a  nETTo
6 meses atrás

Sim, eu não disse o contrário, o que fechará no PS3 será só a loja, não a PSN. A questão é que eventualmente podem fechar o servidor da PSN do PS3 também, o que somado a esse erro de bateria, faria o console ficar inutilizável de modo oficial. Se não existir esse erro, ainda sim paira no ar a possibilidade de deixarem baixar só no console onde o jogo foi comprado, como no Wii, ou de cessarem de vez o download dos jogos de PS3. É claro que nada dura para sempre, mas seria um duro golpe no legado da Sony (ao menos vários jogos estão no Now, mas também sabe se lá até quando). Eu mesmo tenho vários jogos digitais comprados no PS3 e mais os da plus.

Livio
Livio
6 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

É capaz de em breve sair um update para isso ou só sair quando o suporte ao console for encerrado pois hoje estou vendo muitos vídeos e alguns sites a falar disso, até apelido deram “cbomb” = cmos bomb

Livio
Livio
Responder a  Livio
6 meses atrás

E acho que ela irá corrigir senão creio que poderia cair em um caso de que várias fabricantes foram multadas na Europa, aquele em que foi descoberto que alguns aparelhos eletrônicos tinham data “para morrer”, acho que o nome disso é obsolescência programada.

Livio
Livio
Responder a  Mário Armão Ferreira
6 meses atrás

Não acho, se ela cortar os servidores os PS4 deixarão de funcionar, mesmo que seu hardware esteja sem problemas, fora que isso é causado por um componente que pode durar 1 ano ou 10 anos.

error: Conteúdo protegido