Windows 10 S está morto. Agora teremos o Modo S do Windows – Que vantagens?

A Microsoft queria lançar o Windows 10 S, mas as criticas foram tantas que matou-o antes do seu lançamento. Agora teremos o Modo S para o Windows.

Para que percebam… o que era o Windows 10 S?

Basicamente o Windows 10 S era aquilo que se pode chamar de uma valente treta. Lembram-se do Windows RT? Pois bem, o Windows 10 S era uma re-edição do RT, mas desta vez destinado aos processadores x86 e não aos ARM.

O Windows RT era uma versão do Windows 10 que corria nos processadores ARM de dispositivos móveis. Como diferenças face ao Windows 10 normal estavam os seguintes factores:

  1. A maior parte das aplicações x86 não podiam ser executadas ali, e as que corriam eram extremamente lentas
  2. O windows era completamente fechado, e apenas podia correr aplicações retiradas da Windows Store (um pouco à semelhança do iOS e Android, o que para tablets e smartphones se aceita).

Como seria de esperar, com limitações deste género, o Windows 10 RT morreu pouco depois do seu lançamento.



E uns anos depois… Olá Windows 10 S.

Desta vez o sistema operativo não era criado para os processadores ARM dos tablets e Smartphones, mas sim para os x86 dos PCs de secretária. Isso queria dizer que o ponto 1 das limitações anteriores desaparecia.

Em compensação… o ponto 2 mantinha-se completamente!

O Windows 10 S era um sistema operativo fechado. Se pensavas em correr lá o Chrome, o Firefox, o Steam, o Origin, alguns freewares ou Sharewares, aplicações criadas por ti, programas mais antigos, ou mesmo alguns software original que possuias, como drivers de impressora de scanner ou outro periférico, ou mesmo softwares proprietários e oferecidos juntamente com esses periféricos… terias de esquecer!

O windows 10 S não corria absolutamente nada que não fosse descarregado da Windows Store, uma loja que, como sabemos, deixa tremendamente, mas de uma forma realmente grande, a desejar a nível de conteúdos.

Mais ainda, o Windows 10 S obrigava ao uso do Browser EDGE, que a Microsoft publicita como o mais rápido e seguro para o Windows (o que inúmeros testes como este, mostram não ser), forçando ainda a usar-se o BING como motor de pesquisa.

Basicamente o Windows 10 S era isso… um sistema operativo que, com o argumento de ser mais seguro ao ser completamente fechado, forçava as pessoas a usar os softwares Microsoft, limitando os acessos a outros softwares àqueles que decidissem acordar com a Microsoft a decência ou venda pela Windows Store.



Bela ferramenta para se promover uma loja que nenhum utilizador PC que se preze usa!

O mais caricato do Windows 10 S é que tudo o que ele se propunha fazer a nível de bloqueios pode ser realizado pelo Windows 10 normal, usando as ferramentas de administração. Claro que aí o processo é mais complexo e obriga a configurações, algo que aqui não é preciso, mas o certo é que é possível.

Mais ainda, a questão da segurança pelo facto de o sistema ser fechado é uma valente treta. Não só a Microsoft, tal como a Apple e Google não podem nunca garantir que o que é retirado das suas lojas não está infectado ou possui código malicioso, como muitos dos vírus são instalados devido a falhas de segurança nos browsers, sendo que nesse aspecto o Edge é dos piores de todos.

Ainda no que toca à segurança das Lojas, a realidade é que a única coisa que os detentores da plataforma podem garantir é que esses softwares passaram já por um detector de virus com sucesso. Mas isso não garante que eles não estejam lá ou que não haja código malicioso. Ninguem examina as linhas de código, e apenas se verifica os binários por sequências conhecidas pertença de virus igualmente conhecidos.

Este Windows 10 S podia no entanto eliminar todas as restrições… só era preciso pagar 50 euros, e a Microsoft mudava para desligado o parâmetro que impedia as instalações fora da loja.

E a Microsoft adorava tanto o conceito de uma OS onde dominava tudo que até começou a distribui-lo com os seus Surface, o que foi a gota de água nas reclamações dos clientes.

Mas agora que já sabem o que era o Windows 10 S, fiquem igualmente a saber que ele durou tanto ou  menos que o RT…  De forma oficial a Microsoft deu a conhecer que o Windows 10 S estava morto e que em sua substituição iria aparece o Modo S para o Windows 10.

Basicamente a diferença entre o Windows 10 S e o Windows 10 com o Modo S é se no primeiro caso o computador vinha de origem bloqueado a tudo que não viesse da Windows Store, e precisava de 50 euros para desligar isso, no Modo S temos um sistema operativo totalmente funcional, onde podemos livremente ligar ou desligar o bloqueio. Mais ainda, a Microsoft refere que irá autorizar o uso de aplicações de segurança e anti-virus de terceiros no modo S, mas de resto fica-se por aí… (questiono porque motivo o Chrome não pode ser considerado uma alteração de segurança).

Naturalmente o interesse no bloqueio é pouco ou nenhum. as limitações colocadas à máquina quase matam o conceito de PC. Mas ok, ao menos agora é uma opção, e quem entender usar, que use!

Mas vantagens… Para quem sabe usar o Windows… são zero… absolutamente zero! Já as desvantagens… Existem e são muitas!

 



Posts Relacionados

  Subscribe  
newest oldest
Notify of
By-mission
Visitante
By-mission

Como se diz há muito tempo, o Explorer/Edge só é bom mesmo em uma coisa.. instalar o Chrome.

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

Sem dúvida.

bruno
Visitante
bruno

Antes de mais nada:

– Adorei o Windows Phone (em termos de design, somente, achei superior a tudo o resto, do suporte e compatibilidade é claro é muito inferior) e gostaria de adquirir um smartphone com o rumorizado windows 10 mobile (ou lá como se chama). Estou em Android há dois smartphones e já me cançei.

– Uso o Edge e prefiro-o ao Chrome (mais uma vez, só pelo design e porque o acho mais rápido, não conhecendo a fundo os seus defeitos). Só instalei o chrome por motivos profissionais. É um grande salto em performance face ao IE, sem dúvida, mas ainda é um bébé.

– Adoro o design que a MS implementou no Bing, mas é uma porcaria face ao google para efeitos de pesquisa.

Dito isto…

Mas que raio se passa na cabeça da MS? É este tipo de iniciativas que cada vez mais me leva a tentar perceber o estado mental de quem lá trabalha!

Isto é o mais claro exemplo da decisão corporativa, completamente alheada da realidade do mercado, e reflexo do que uma posição de domínio pode fazer: prepotência. Pura e simplesmente isto.

O Windows, enquanto SO, tem decisões de design completamente ultrapassadas, mas que se percebem tendo em conta o quão dependente toda a gente está do “velho formato” do XP.

Alguns exemplos: a área de ambiente de trabalho. Nos sistemas operativos dos smartphones podemos listar lá todas as nossas aplicações, no windows temos que manter tudo ao mínimo com prejuízo de performance, nos smartphones é extensível, no windows resume-se apenas àquela parte.

Em vez de andar com tretas destas, porque não fazer uma versão completamente nova do Windows, alternativa, sem restrições, mas com design melhorado para permitir a atualização de tudo?

Carlos Zidane
Visitante
Carlos Zidane

O Windows é ultrapassado no meu ponto de vista.
O que eu mais desejo é que o Google lance um SO pro desktop, poderia ser o próprio Android versão PC, não pensaria duas vezes. A realidade é que detesto o Windows e só o uso por falta de opção, tentei o Linux (recentemente testei o Deepin inclusive por conta da interface parecer bastante agradável) mas, não consegui me adaptar. Hoje em dia passo a maior parte do tempo no Smartphone ou tablet, e gostaria muito de continuar no mesmo ambiente quando fosse pro PC.

Windows Phone eu testei na época um Lumia 520, muito bacaninha, num mundo onde não houvesse Android ou IOs ele seria rei lol… Durou 1 semana na minha mão já não suportei mais por conta inclusive da falta de alguns apps como Clash of clans e aquela interface não me agradou, parecia um Windows 8 no celular. Horrível.

Única forma de salvação que vejo pro Windows (pra me agradar como consumidor obviamente pois não uso pirata) seria contratar outras mentes criativas, e começarem do zero um sistema totalmente novo, moderno e limpo.
Isso não vai acontecer então, paciência.

Brunoab
Visitante
Brunoab

Nos consoles ela quer liberdade na base de usuários da Sony, nos PCs ela tenta emplacar sistema fechado.

Sempre a mesma coisa, igual seus fanboys, apanha e se faz de coitadinha. Acho que os fanboys de cada empresa combinam com a empresa.

Gustavo Hipollito
Visitante
Gustavo Hipollito

(Off Topic)
Mario tudo bem?
Será que você poderia comentar sobre um jogo que apareceu na PSX 2017, e que de forma quase inacreditável não foi muito comentado por aqui. O jogo em questão é esse aqui https://www.youtube.com/watch?v=eFwfl95gv8I . Eu fiquei maravilhado como apenas uma pessoa conseguiu fazer algo tão fluido e intenso. O gameplay desse jogo esta incrível mesmo sabendo que esta sendo feito no Unreal Engine 4, é impressionante como a arte do jogo, os gráficos e o combate esta bem feito!!!
Fim Do Off Topic.

Sobre o Windows em questão, sinto dizer mais a microsoft dificilmente conseguiria ganhar mercado com algo tão bobo como esse windows S. Me pergunto como pode uma empresa com tanto dinheiro, com tanta gente qualificada e com o mercado PC na suas mãos não conseguir criar um OS para dispositivo mobile capaz de conquistar clientes. É de ficar admirado.

bruno
Visitante
bruno

Eu nem sabia disto… Enquanto o próximo DMC não funciona, é muito bem vindo. Boa para a Sony por ter conseguido exclusividade (se é que isso se confirma).

bruno
Visitante
bruno

OFF-TOPIC:

Gameplay inédita de God of War 4 – aproveitem!

https://www.youtube.com/watch?v=MuWSi6qJ9QI