Afinal Xbox série X poderá só não ter exclusivos por alguns meses.

0 0 votes
Avalie o nosso artigo

Apesar de as palavras de Matt Booty serem claras a referir um período de falta de exclusividade de dois anos, o timming do lançamento da notícia original não é bem localizado, e passa uma imagem errada. Na realidade a consola pode estar apenas sem exclusivos por uns meses.

As palavras de Matt Booty foram claras:

Durante o próximo ano, dois anos, todos os nossos jogos, ao estilo PC, serão jogáveis na nossa família de produtos. Queres garantir que quem investiu numa XBox no período que medeia entre agora e o lançamento da Série X, sente que fez um bom investimento, e que estamos comprometidos com eles a nível de conteúdo.

Estas palavras foram publicadas pelo Website MCVUK, que entrevistou Matt, tendo a entrevista ido online no dia 13 de Janeiro de 2020.

Naturalmente, perante esta publicação e a sua data, quando Matt fala no período de um ano, dois anos, a começar no próximo ano, sendo a entrevista de 2020, será de se presumir que estamos a falar de 2021, e 2022. Ora com a consola a ser lançada no final de 2020. estariamos a falar efectivamente de um período que pode mediar até 2 anos sem exclusivos.

A grande questão é que o Timming da publicação está errado. E a mesma deveria ter sido bem explicita nesse assunto. Apesar da publicação do artigo em 13 de Janeiro de 2020, as palavras foram recolhidas durante a X019 que decorreu em Londres de 14 a 16 de Novembro de 2019.



E isto quer dizer que a publicação com a entrevista sai basicamente dois meses depois!

Ora como se dois meses já não fosse um hiato temporal grande, a mudança de ano que ocorreu pelo meio só serviu para ajudar a se espalhar uma mensagem errada. Basicamente quando Matt Booty fala do próximo ano, dois anos, ele refere-se a 2020 e 2021.

Ora com a Xbox série X a ser previsto ser lançada em Novembro de 2020, o que Matt diz é apenas que a consola não terá exclusivos durante o seu primeiro ano. E mesmo aí temos de fazer a ressalva que Matt não garante isso. A sua frase é bastante segura sobre o primeiro ano, ou seja os jogos lançados em 2020, mas o segundo ano é dito como um acréscimo, o que quer dizer que não há a mesma garantia, ou pelo menos que o ano poderá não ser completo.

Por outras palavras, temos de reconhecer que a nossa anterior notícia se deixou levar por um lapso temporal. Na realidade a Xbox série X poderá apenas estar privada de exclusivos por alguns meses!

Nesse sentido a correcção à notícia impõem-se!



error: Conteúdo protegido