Poderão as recentes políticas da Sony estar relacionadas com as receitas da divisão Xbox?

4 4 votes
Avalie o nosso artigo

Se sim… a Sony está a cometer um erro ao avançar baseando-se em números de receita… mas sem se saber o que realmente ali entra, bem como não se conhecendo lucros.

Analisando o mercado das consolas, o que vemos é que a Sony domina. As estimativas apontam para cerca de 50 milhões de consolas Xbox One, a que acrescentem cerca de 7 milhões de consolas Xbox series. Ja a Sony conta com 116 milhões de PS4s e cerca de 13 milhões de consolas PS5.

Basicamente a proporção de mercado é 1:2, mas no entanto, quando analisamos os relatórios e contas de ambas as empresas, as receitas da Microsoft estão longe de serem metade das da Sony.

Vamos analisar a situação:

Sony e Microsoft usam períodos diferentes para definir os seus anos fiscais.



O ano fiscal da Microsoft começa a 1 de Julho, e termina a 1 de Junho do ano seguinte. Para alem disso, a designação do ano fiscal iniciado em Julho é a do ano seguinte. Ou seja em 1 de Julho de 2021 inicia-se o ano fiscal de 2022.

Já o ano fiscal da Sony é diferente. Inicia-se a 1 de Abril, e termina a 31 de Março. O ano fiscal que se inicia a 1 de Abril tem a designação do presente ano. Ou seja. a 1 de Abril de 2021, inicia-se o ano fiscal de 2021.

Desta forma a relação entre anos fiscais e quartos é a seguinte

Janeiro, Fevereiro e Março ano X – 1º trimestre

Microsoft – Q3 ano X
Sony – Q4 anos X-1

Abril, Maio e Junho ano X – 2º trimestre



Microsoft – Q4 ano X
Sony –  Q1 ano X

Julho, Agosto, Setembro ano X – 3º trimestre

Microsoft – Q1 ano X+1
Sony – Q2 ano X

Outubro, Novembro e Dezembro ano X – 4º trimestre

Microsoft – Q2 ano X+1
Sony – Q3 ano X



Desta forma, dado ser confuso comparar anos fiscais, por simplificação vamos apenas referir-nos aos trimestres dos diversos anos, e ver as receitas:

2º trimestre 2020

Microsoft – 3,357 Biliões de dólares
Sony – 5,345 Biliões de dólares

Proporção Microsoft/Sony = 1/1,59

3º Trimestre de 2020



Microsoft – 3,092 Biliões de dólares
Sony – 4,467 Biliões de dólares

Proporção Microsoft/Sony = 1/1,44

4º Trimestre de 2020

Microsoft – 5,031 Biliões de dólares
Sony – 7,789 Biliões de dólares

Proporção Microsoft/Sony = 1/1,55



1º Trimestre de 2021

Microsoft – 3,533 Biliões de dólares
Sony – 5,824 Biliões de dólares

Proporção Microsoft/Sony = 1/1,64

2º Trimestre de 2021

Microsoft – 3,714 Biliões de dólares
Sony – 5,431 Biliões de dólares



Proporção Microsoft/Sony = 1/1,46

3º Trimestre de 2021

Microsoft – 3,6 Biliões de dólares
Sony – 5,69 Biliões de dólares

Proporção Microsoft/Sony = 1/1,58

Como se pode ver, as proporções das receitas estão longe do 1:2, tal como o mercado de consolas existente poderia apontar. E nesse sentido, acreditamos que a Sony quer ver o que consegue explorar mais para subir as suas receitas, tentando seguir a formula da Microsoft, e tentando vender jogos tambem no PC.



Ora aqui há dois pontos que nos deixam dúvidas sobre se esta política é correta.

  • Para começar ninguém nunca soube o que são as receitas da divisão Xbox, e se realmente o que ali entra só diz respeito à consola e seus derivados. Mas e porque motivo levantamos esta dúvida?
    Bem, em 2013 foi conhecido que a Microsoft recebia 2 biliões por ano em Royalties de patentes suas que estavam aplicadas nos smartphones Android. E que essa receita estava inserida diretamente na sua secção de entretenimento, o que levantava mesmo dúvidas sobre a viabilidade real da Xbox, sem estas receitas. E essa notícia está aqui!
    Ora acontece que, em 2017, um relatório da Microsoft em que falava da sua secção “More Personal Computing” deu claramente a entender que essas Royalties ainda estavam a cair na Microsoft, e que estavam inseridas nessa secção. A coisa foi analisada por nós neste artigo, cuja leitura recomendamos.
    Ora se historicamente estas royalties sempre estiveram associadas à secção onde estava a Xbox, e se em 2017 elas ainda existiam e estavam a ser creditadas na secção, há que se questionar, onde elas estão agora. E apesar de não sabermos responder a isso, não podemos pura e simplesmente rejeitar a possibilidade de elas ainda estarem a cair na atual divisão Xbox.
    E nesse sentido, estes números podem ser altamente enganadores!
  • A Microsoft possui atualmente um serviço que a Sony não possui, o Gamepass, que injeta mensalmente uma boa quantidade de receita. No entanto, este serviço acarreta igualmente uma enorme despesa, e por esse motivo, os valores das receitas não nos dizem verdadeiramente nada. Tornar-se-ia necessário ver os lucros para se perceber a realidade das coisas. Mas dado o ponto de cima, e o desconhecimento de que receitas caem exatamente na divisão XBox, mesmo isso não seria uma representação correta.

No entanto quer-nos parecer que a Sony está a experimentar parte da formula da Microsoft, a ver se cresce tambem as suas receitas, mudando-a um bocado para tentar garantir que tal não se reflete nos lucros. Mas no entanto isso é uma situação que é um pau de dois bicos, pois pode subitamente e sem grande aviso virar a mesa para uma situação altamente desagradável para a Sony, que de um momento para o outro pode ver a sua consola a revelar-se o produto menos interessante do mercado dado o grande suporte PC, e a possibilidade de serviços de Streaming colocarem os jogos PC, incluindo os da Sony, usando Hack ou outros que não identifiquem a Xbox como consola, a correrem nas consolas XBox.

Basicamente, por ser nova neste mercado, a Sony não tem grande experiência sobre o que é o Windows, e a forma simplista como este sistema operativo é “burlado” para todo o tipo de esquemas e piratarias ligadas ao Gaming.

Daí que, se a Sony se baseia nas receitas da Microsoft para lhes copiar parcialmente a formula, e tentar aumentar as suas receitas, se calhar poderá estar a cometer um erro fatal.



4 4 votes
Avalie o nosso artigo
126 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Carlos Zidane
Carlos Zidane
1 mês atrás

Mário, olha eu duvido muito a Sony seja tão displicente assim. Qualquer analista meia boca percebe que a divisão Xbox é um buraco negro.
Por um tempo suspeitei que esse investimento todo era pra ampliar o capital, afinal investidor às vezes é meio iludido. Mas me parece mais um real esforço pra largar na frente quando a crise financeira se aprofundar e seus serviços parecerem a única saída.
Veja a China com sua Evergrande e outras várias empresas em crise total, há crise energética… Se a China entrar numa recessão e ou dar calote, vão arrastar economias mundo afora, e pra quem estiver na fila da sopa, os serviços da Microsoft a preços de caridade e jogos de qualidade duvidosa finalmente se justifiquem.
Ok, isso é uma hipótese meio maluca, eu admito.

By-mission
By-mission
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Ontem mesmo assistindo ao vídeo do PlayStation mil grau a Sony está a meter o pé na poça! E com força…
A quem quiser assistir não sou eu a tomar as coisas do canal, mas o resumo da ópera é que, a Sony está a a ser desonesto com seus clientes em ambas as plataformas… No PlayStation por lançar seus exclusivos no PC e no PC por lançar seus exclusivos sem uma definição de data ou condição de que sim este terá essa versão ou se não este será console exclusivo!

Só pensem que se do lado do usuário que comprou o PS5 tem que conviver com o crossgen com a PS4, e até os maiores fanboys sabem ser um péssimo negócio para os donos da nova geração agora se vem preso ao crossgen a geração inteira, por que a massa do PC está defasada face ao que tem a PS5 e Xbox Séries X… E pior para quem vê um exclusivo de PS5 e comprar um console sendo que passado o período o mesmo pvai sair no PC ao invés de um upgrade na máquina acaba enganado pela política da Sony.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  By-mission
1 mês atrás

Playstation mil grau?! Afasta de mim satanás!
Eu acredito que a Sony não precisa disso, é uma marca muito forte e lucrativa, mas não sei o que se passa por lá, é um verdadeiro mistério pra mim, QUE DIABOS se passa na cabeça desse povo?!
Tem o aparelho mais valorizado do mundo gamer e de repente, querem detonar essa imagem!

Alguém me explica isso por favor

Juca
Juca
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

A resposta é simples, quebrou o conceito de um todo para deixar as partes fazerem o que sempre tiveram vontade. Dirigentes de estúdios preferem vender mais seus títulos em qualquer lugar para engordar suas comissões, que venderem menos apenas para atrair mais lucro ao console Playstation do qual não ganham comissão por isso. Ora, pensam eles, mais dinheiro pra PS não é mais dinheiro pra mim, meu produto é o jogo, não um console que ganha muito mais dinheiro com comissões de venda sem grande esforço e sempre me financiou para produção, mas me dá menos comissão depois que o jogo vende.
Falta pensamento corporativo com o Playstation e sobra com o próprio umbigo. Mas essas coisas tem um preço, o resultado pode demorar um pouco, mas vem.
A materialização dessas ideias, eu atribuo ao Hulst.
Chefe de estúdio como chefe de divisão é um erro, ele pensará nos estúdios e não na corporação. Mas toda a leva ocidental aí tem esse tipo de pensamento, até o Layden quis dividir a culpa e levar um pouco do descrédito, isso me lembra até o presidente vampiro que tivemos aqui no Brasil! Rsrsrs

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

Agora que vi seu comentário Juca. Sabe, isso faz muito sentido. Você está mais afiado que uma hattori hanzo
Obrigado pelo comentário.

Juca
Juca
Responder a  By-mission
1 mês atrás

Penso que obrigação a Sony deveria ter com seus clientes que compram console e sempre apostaram nela.
Quem não se dá ao trabalho de comprar um console que muitas vezes costuma ser mais barato que uma peça de computador deve se contentar é com o que sobra mesmo, e dizer amém.
Mas sabe como é, tem amante que pensa ter mais direitos que a esposa, e cabe as duas verem que o salafrário maior é o marido.

AlterX
AlterX
Responder a  Juca
1 mês atrás

Mas os PC Gamers agora também são clientes da Sony
Ela agora os deve obrigação também

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mário aqui você me perdoe, mas acho que você esta sendo um pouco teimoso e não quer ver a nova realidade da Sony.

A Sony nunca vai falar isso oficialmente, pois esta gestão é uma gestão pilantra e “safada” onde ninguém sabe o que ela esta fazendo até que seja “tarde demais”.

Agora é só ver as declarações e atitudes dela para ver que ela suporta sim oficialmente o Pc.

1- Se ela não suportasse o Pc oficialmente, ela não lançaria de cara os maiores jogos do Ps.
2- Comprou a Nixxes uma empresa conhecida por fazer ports de jogos para o PC
3- Todos os seus jogos no Pc incluem melhorias, não só de FPS, mas efeitos também
4- Declarações que parecem ter sido copiadas do Phill Spencer
5- Uma vez lançando seus maior Hits no Pc eu duvido que ela vá parar os lançamentos, mesmo com o sucesso da Ps em jogo.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Daniel Torres
1 mês atrás

Concordo , é um caminho sem volta. A Sony só está indo devagar de início , pra não revoltar muito os fãs , mas os lançamentos vão cada vez mais cedo pro PC.

Juca
Juca
Responder a  AlterX
1 mês atrás

No PC, ela tem obrigação com o que entrega, quando entregar algo, um produto seu, entregar um jogo esmerado e tecnicamente bom.
Com o console dela é diferente, ela tem obrigação com a plataforma. Ela precisa e tem que entregar jogos lá porque o produto dela, console, é alimentado por jogos e sem jogos não faz sentido existir.

nETTo
nETTo
Responder a  By-mission
1 mês atrás

Boa fonte

E digo mais, ótima fonte kkk

Juca
Juca
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Não acho sua teoria meio maluca, mas não é por aí que vi a ideia que texto do Mário traz.

Todo exposto pelo Mário, entendi como no sentido de que a Sony pode estar sendo levada a embasar suas decisões tendo em conta as receitas da divisão xbox que são proporcionalmente maiores que as suas se levarmos em conta o marketing share.

O Mario considera ainda que os próprios investidores, olhando balanços de cada ano das empresas podem ser levados a crer que situações passadas da Sony podem ser erroneamente comparadas com situações mais atuais da Microsoft, pois método para determinação do ano fiscal de cada uma é distinto.
Ele considera ainda que as receitas proporcionalmente maiores da MS não deixam claro como elas são realizadas e podem ser interpretadas como decorrentes do Gamepass e/ou da penetração da MS no mercado de PCs.

Minha opinião é de que existem dois tipos de tomadas de decisões:
as tomadas por vontade, e as tomadas por necessidade.

As decisões da Sony parecem estar no primeiro tipo. Tendo ambição como motivo, a justificativa para tal é qualquer uma que os acionistas possam ver como justificável. E a ideia de que as receitas do xbox são proporcionalmente maiores que a Sony pode embasar a Sony na trilhagem pelo caminho dos serviços e games para PC, essa decisão aos olhos de quem só vêem números de receita, quando na verdade receita não representa lucro e nem toda receita decorre das presumidas ações comerciais da MS (gamepass e games para PC), podem levar a Sony a perder market share ao invés de ganhar receitas.

A ideia de diversificar produtos e alcançar um público fora no comum para seu mercado, permeia sempre o pensamento dos ambiciosos, mas devemos lembrar que sempre há mais casos de insucesso que sucesso nessas tentativas.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

Eles deverão estar sentindo realmente um crescimento lento, comparado a outras gigantes capitãs da indústria, a Sony parece mesmo pálida com seus resultados em vista do seu prestígio. Eu tenho essa percepção.
Mas os números da MS são obscuros, será que o Jim Ryan está enchendo de sonhos, cocaína e strippers os acionistas? Porquê estes não estão fazendo o dever de casa! (É o que parece)

Será que a Sony tem bala na agulha pra cobrir essa aposta? Eu duvido um bastante pra caralh@
Onde já ouvi algo parecido? … Há, os dois bilhões de usuários em potencial da MS, sei
Desculpe mas eu sou muito cético quando não há qualquer índice econômico pra milagres
Esses caras devem estar esperando surfar um tsunami épico

Juca
Juca
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Concordo com tudo que falaste.
Às vezes penso se sou tão limitado que não vejo a “brilhante ideia por trás de tudo” deles, mas quando lembro que pessoas estúpidas podem chegar a lugares inimagináveis pelos mais diferentes motivos, só acho que não há lugar pra mim como consumidor deles num futuro não tão distante.

Daniel Cardoso
Daniel Cardoso
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Só digo isto “a Sony atualmente está a seguir tudo o que a Microsoft fez, parece copy past” e digo mais a longo médio prazo a Sony é que tem tudo a perder, e muito me vou rir, esta atual chefia é uma de ps3 só que ainda pior. Hoje sinto raiva da mesma assim como sinto da microsoft em relação a Xbox, hoje sinto-me um palhaço por ter comprado a bosta de um ps5, a biblioteca que tenho de ps4 mesmo que jogue na ps5 está desatualizado, e se quiser melhoras gráficas tenho que comprar o mesmo jogo vezes e vezes sem conta, hoje eles vão para o PC, a ideia que passa é que hoje quem joga nas consolas é um otario, e o PC os premium.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Daniel Cardoso
1 mês atrás

Mais ou menos concordo. E estou aguardando pra poder rolar no chão de rir se certos acontecimentos se precipitarem.
Não que tenha prazer nisso, mas quando vejo burrice acontecendo, eu quero mais é que se exploda

Eu já me divirto quando leio comentários dizendo que vão esperar os jogos saírem no PC, bom trabalho Jim Spencer!

Felipe Horvath
Felipe Horvath
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

A divisão Playstation nunca deveria ter se ocidentalizado… Tinha que voltar pras mãos dos japoneses.

Juca
Juca
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Penso da mesma forma. O pensamento ocidental não valoriza conceitos e tradição, apenas lucro (ou pior agora, receita). Veja, a Sony foi praticamente pioneira no streaming de jogos, mas nunca pois isso a frente da ideia que é a de perturbar sua base consumidora.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

Devem estar incomodados com a grama tão verde dos vizinhos, aka Tesla, MS, Apple, Amazon

AlterX
AlterX
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Eu prefiro ela atualmente
Me dando a opção de não precisar comprar um console

Juca
Juca
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Compreendo seu lado, mas o que preocupa Sonystas a longo prazo é os jogos da Sony deixarem de ter o investimento e a que a qualidade que têm, por adesão de base potencial que pode não se concretizar e estragar o próprio negócio.
Jogos como The Last of Us não existem só por darem lucro, mas sim porque por trás têm ecossistema que precisa atrair clientes e que o lucro deste financia os vôos dos estúdios. Lógico, há know-how, mas o dinheiro pra esses jogos caros não vem do sucesso do jogo anterior o mesmo estúdio mas sim do investimento da plataforma neles.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

Agora você foi cirúrgico Juca, é exatamente isso que me incomoda, exceto pelo fato de eu não ser sonysta, mas querer que continuem o que estão fazendo

Juca
Juca
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

O termo Sonysta, e me incluo nele, não foi o de fanboy incodicionado, mas daquele cliente da plataforma que entende porque ela existe e porque exclusivos importam e por isso ele gosta delas.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Juca
1 mês atrás

Cara você definiu com uma precisão extrema como eu me sinto.

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Concordo 100% e acredito que mesmo que a gestão japonesa quisesse lançar no Pc seria algo mais ponderado.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
1 mês atrás

[OFF] – Gente , eu tô ficando idoso , pois não consigo mais ver diferença nos jogos… Comecei a jogar Horizon no PC e mesmo no ultra , pra mim , tá igual no Playstation 🤷. Eu vejo o canal do Analista de bits e pra mim é sempre tudo igual. Tô parecendo minha mãe…

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

E eu também já ando meio esclerosado quando vejo 1440p contra 2160p e parece tudo igual
Desde quando 3.6 milhões de pixels batem de frente com 8.2 milhões?

Parece até o Expanded and Enhanced do GTA ou os Teraflops que do papel pra fora parecem não fazer diferença…

Deve ser como a história da roupa do rei que só os inteligentes podem ver

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Pois é kkkkkkk. Eu assisto os vídeos da digital foundry e analista de bits e fico pensando : quem é que vai conseguir notar essas diferenças minúsculas ?

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Resposta curta? Ninguém

Juca
Juca
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Estou meio sem entender, vocês estão ironizando quem assiste as coisas pelos vídeos de youtube e tira essas conclusões, ou falam sério? Rsrs

Juca
Juca
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Perguntei mesmo porque apesar da idade me presentear com um AA natural (miopia) essa diferença de resolução em alguns jogos ainda me incomoda, mas obviamente quando vou comparar alternando os modos e jogo.
Em jogos como Jedi Fallen Order e Avengers acho uma decisão de difícil escolha tendo em vista que prefiro o gameplay a 60, mas a nitidez e qualidade dos 4k. E costumo optar pelo visual em detrimento da fluidez, normalmente.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Juca
1 mês atrás

Eu TB prefiro jogar em 4k do que 60fps , a não ser que a opção 60fps ofereça resolução de 1440p pra cima. Mas fora resolução e framerate , os visuais são muito parecidos entre as plataformas.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Comigo aconteceu o seguinte, joguei Kena no modo de qualidade, porque queria a melhor experiência visual possível.

Só que gostei tanto do jogo que resolvi platinar, e para isso precisava terminar o jogo novamente, mas no nível master que é bem mais difícil. Então resolvi jogar esse nível em modo performance 60fps, que além de mais fluído, possui uma resposta mais rápida nos comandos, logo ajuda na perícia do jogador. A perda visual do jogo é discreta demais perto do ótimo ganho em fluidez.

Mas claro que isso varia. Tem jogos em que a diferença é quase imperceptível, já em outros, cair de 4k para 1080p é visualmente perceptivel, não tem como não reparar.

E claro, jogos como Flight Simulator ou Detroit Become Human, eu jogo em 30fps tranquilo haha.

QueridoAsno
QueridoAsno
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Eu prefiro jogar 4k a 120 FPS. Por isso o PC é uma escolha natural. Eu li vários comentários, e com bastante atenção, e o que posso perceber, é que para vcs os jogos da Sony são melhores, somente pelo fato de vcs gostarem deles. Pois saibam, tem milhões de pessoas q não gostam dos jogos da Sony, porque são muito limitados em jogabilidade, mecânicas simplistas demais para usuários de longa data dos PCs,

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  QueridoAsno
1 mês atrás

Só por curiosidade mesmo, sem querer criar situações, poderia listar os jogos que jogas a 4K 120 frames (ou mais, né, quem sabe) e qual o seu hardware?
@Asno?

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Somos 2 quando eu vejo Zoom de 800x eu fico pensando: Certo nem se eu ficar de cara na Tv vou ver isso, então quem se importa. kkkkk

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

São bem próximos mesmo, pois na realidade o que muda mesmo é a resolução e o checkerboard já se mostra com qualidade acima de 3k, ou seja, você vai ver diferença pro 4k nativo sendo bem minucioso.

Aproveitando e pegando Forza Horizon 5, já vemos algumas diferenças na versão de PC para consoles e temos a noção do que é a plataforma Xbox hoje: mais um PC, onde se escala menos no Xbox one e mais no SX e onde num PC mais capaz se coloca tudo no ultra. Por sinal, a playground fez um excelente trabalho nos consoles de geração passada e isso mostra que esse game é mais lá do que um nova geração. Única coisa realmente depcionante ficou por conta dos tempos de carregamento do jogo em consoles com SSD. Pelo que vi no el analista de Bits, são quase 20 segundos de loading no SX. Bem decepcionante.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Assisti um vídeo agora da IGN americana comparando o Forza na versão Xbox one e séries X , não tem diferença nenhuma , tirando os 60 fps. Kkkkkk

AlterX
AlterX
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

depois falavam que 60fps não era nada de mais
Até 20 segundos de loadings incomoda agora

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  AlterX
1 mês atrás

60Fps melhora a experiência de um jogo, não a muda. A experiência continua a mesma no geral.

Você não ter tempos de carregamento muda experiência. Um SSD veloz é uma virada de chave em streaming de dados. O que não está acontecendo no Xbox até o momento, mas o PlayStation já nos deu amostras bem atraentes.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Discordo. O Xbox manda muito bem no SSD, e com o Quick Resume então…
20 segundos é um bom tempo!
Costumávamos esperar 1:30/2:00 min em certos títulos, você já está é com flame war

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Flame war? Eu hein.. 20 segundos num jogo exclusivo Xbox. 2/3 segundos em exclusivos Playstation e alguns instantâneos. Isso não é flame war, é fato.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Eu disse alí no outro comentário, o SSD e todo o sistema do PS5 é incomparável! O Xbox está totalmente dentro da realidade. É um crossgen de mundo aberto da melhor qualidade, 20 segundos eu mal pisco 2x

Juca
Juca
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Acredito que nessa seara a questão nunca foi que 60fps não faz diferença no gameplay, pois faz, a questão é que a 30 fps os jogos são perfeitamente jogáveis e não quebram a imersão em um jogo.

Juca
Juca
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Estranho tanto tempo pra loading num jogo atual. Tens ideia de quanto tempo leva no One X que também deve ter texturas 4k e ainda é em hdd? Presumo que chegue a mais de minuto…

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Juca
1 mês atrás

1:06 no One X

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

20 segundos gente! Desse jeito o pessoal vai ter que tomar Rivotril se não consegue aguardar 20 segundos por um game que nem a Sony consegue igualar, é bastante razoável.
Vamos comparar com os tempos absurdos do Ratchet carregando cenários? Não nos esqueçamos que o SSD do PS5 é muito mais rápido e otimizado, é uma comparação injusta, de onde o Xbox vai fazer milagre também?!

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Eu concordo , não custa nada esperar alguns segundos de loading… O ssd do séries X não é lento , 2.4GB por segundo é bastante coisa , a diferença é que o da Sony é absurdo kkkkk. Pessoal tá chato demais , com expectativas irrealistas.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Não é irrealista e a questão é não perceber que tentei expor da parte técnica mesmo.

2.4GB/s devem saturar 16GB de memória do SX em menos de 8 segundos. Isso que nem tô levando em consideração a super solução velocity architeture, que diz chegar a picos de 4.8GB/s
Forza 5 tá muito aquém disso aqui.

Comparando com o Ps5, vemos que no console da Sony está se usando aí a média de 5.5GB/s sem ir muito além. Pois tá saturando a RAM em 3 segundos na média.
Agora, imagina quando usarem as capacidades de jogar na RAM 17GB/s, a capacidade vai até 22GB/s na Ps5, mas hoje, devido ao software, só seria possível jogar na RAM 17GB/s. Isso saturaria a memória em menos de 1 segundo. Ou seja, nesse aspecto, até agora, o que vejo é a diferença aumentar entre Ps5 e SX.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Acho que as velocidades que a gente espera desses consoles vão aparecer somente após encerrar o suporte aos consoles da geração passada.

Juca
Juca
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Nem é disso que se falo, mas espero em jogos novos menos de 10 segundos pra serem carregados, inda mais por quem conhece perfeitamente a plataforma de desenvolvimento.
O que estou pedindo é que os loadings não fiquem apenas a cargo das velocidades de SSDs, mas sim de software melhor projetado.
Manter o modelo de projeto pensando em plataformas anteriores, é opção da Microsoft, o que espero dela é que se dedique a fazer o melhor pra sua nova plataforma.
Minha crítica será é a mesma se a Sony lançar o GT7 ou o Horizon com loadings de 20 segundos no PS5 só porque resolveu também ter a versão no PS4.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

Ah sim, mas a MS pode esquecer, alí agora é tudo mais genérico que nunca. Quem quer otimização e velocidade tem que ir pro PlayStation. O que não torna o Xbox um cavalo manco também, não podemos esquecer das suas 52 CUS

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

52 CUs que deram vantagem em resolução apenas. E essa vantagem, na esmagadora maioria dos jogos, é patética. E são 52CUs com menos largura de banda, com gargalos de processamento idênticos ao que se tem no Pc. Isso que estamos falando de Crossgen. Na hora que esse console tiver que dar tudo no nextgen, vai ser mais um PC e vai levar ainda mais sufoco de um console clássico, projetado pra se tirar leite de pedra.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

O Serie X já foi melhor que o PS5 em algum jogo?

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

Foi em Hitman 3. Ali ele foi bem superior. Mas no resto, resumidamente, é resolução um pouco melhor. Isso quando nao é o caso de ganhar em resolução aqui e isso não fazer diferença alguma pra ele, pois Ps5 tem uma geometria e filtragem superiores. O que é mais pesado e dá um aspecto melhor a imagem.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Então eu devo estar certo quando digo que não é mal e os 52 CUs ajudam. Caso contrário não teria mais resolução mesmo sendo genérico em comparação ao PS5.
Se os dois são tão próximos, não há como diminuir um ou outro no fim das contas.

Deto
Deto
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

a questão é que o hitman é melhor no xbox com um grande asterisco.

o PS5 sempre a 60fps e o xbox tem quedas acho que para uns 50fps, toda vez que usa o scoop e no mapa que tem matinho.

obviamente a DF não se importou com isso e arrotou “vantagem xbox”, pq estavam bem loucos para o xbox começar a ganhar nos multis e pipocar novamente os videos patrocinados da MS…

repare que o xbox one X e o xbox SX foram anunciados pela DF, repare que só depois do xbox one X que a DF fez videos patrocinados pela MS… então era o interessa da DF que o xbox SX “começasse” a vencer nos multis a partir do Hitman para eles receberem de volta os patrocinios da MS igual com o xoneX… não adiantou.

o tempo é o senhor da razão…

aconteceu o que a DF merecia, passou o 2020 inteiro repetindo e hypando tudo que a PR da MS falava, louca para ganhar um monte de patrocinio em 2021 falando do poder incrível dos 12TF.

não acontece e eles se queimaram com a Sony… então acabou que eles ficaram sem a grana da MS, pq o SX não é mais poderoso na prática, apenas em uma métrica, e a Sony não vai patrocinar eles pq percebeu a má vontade e viu eles alimentando o FUD contra o PS5 com papo de clock fake.

agora todo mundo do playstation que podia ser audiência da DF se queimou com eles, depois deles espalharem FUD de “não sei não, aumentar o clock não serve para nada” “clock fake, não fica no máximo ao mesmo tempo” “RT por software”.

Bastava que a DF questionasse o xbox do mesmo jeito que questionou o PS5; ou aceitasse tudo que a Sony falou igual aceitou tudo que a MS falou e eles continuariam com a audiência deles intacta.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Deto
1 mês atrás

Quanto a DF eu estou de acordo claro, mas, basta eles começarem a puxar saco da Sony de novo e talvez sejam usados por ela como ferramenta.
Na arte da Guerra você aprende que deve usar os recursos dos que caíram a seu favor.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Zidane
1 mês atrás

52CUs fazem diferença em modo foto e em Crossgen só em resolução até o momento. Porque de resto, mesmo sem otimizar, o console clássico leva vantagem. Aí que tá o problema, pois nem em força bruta ele tá levando com sobras, imagina quando os motores forem atualizados. O SX é um excelente produto, porém, seu concorrente foi muito além do que apenas meter lá CUs a mais, pois acelerou tudo de forma muito inteligente. No meio de desenvolvimento, velocidade também é poder e nisso o SX tá levando surra de lavada.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Sparrow, eu lamento muito que o SX seja tão desperdiçado, essa que é a grande realidade.

Vitor hugo Reale Pereira
Vitor hugo Reale Pereira
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

A controvérsias em hitman 3, não sabemos o porquê dele apresentar 1800 p no ps5 e 4k no xbox series x, possivelmente por que é crosgen. O ps5 é completamente capaz de rodar igual O xbox series x. Pelo menos o ps5 em hitman 3 roda liso a 60 fps, enquanto o xbox series rodam com quedas e engagos em alguns momentos.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Perdoe Mário, mas, ao que conta da minha parte, o que eu disse ou estou promovendo que está contribuindo para que cogite fechar os comentários?
Não quero atrapalhar, se for o caso, bloqueie minha participação e de outros que tumultuam, mas peço respeitosamente que permita que os bons comentaristas continuem trocando idéias contigo, pois isto é de imensa riqueza pra mim.

Agradeço se levar em conta o que estou a pedir.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Está mesmo. Alguns comentários vão além da crítica (que quando sensata é interessante) e entram no puro hate, isso chateia, parecem crianças.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

É só as pessoas aceitarem a verdade. O Xbox leva vantagem em resolução e perde em todo o resto. Simples. Não precisa encerrar os comentários, só precisa parar de se desgastar com pessoas que não sabem nada do que falam.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mario, a SX não está se distanciando da PS5 nem em Crossgen e jogos exclusivos até o momento. Acreditar que terá uma super otimização no futuro é esperança. Mas veremos. E o que disse não tem nada de errado, pois até agora a SX só se sobressai em resolução em mais de 90% dos jogos e perde no resto. Então ter esperança é uma coisa, agora ser realista e analisar o cenário atual projetando o futuro é, ao meu ver, sensatez.

No mais, se você discorda e não quer que eu comente mais aqui, pode fechar meus comentários sem problemas. Daí só vou ler artigo e não verei mais opinião de ninguém por aqui.

Deto
Deto
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

eu ia dizer que era o youtube, mas vc está jogando.

bom, com a idade a visão perde…. na pandemia a gente fica com a vista sempre cansada.

eu recomendaria, sério, vc ir em um oftalmologista.

Marco Antonio Brasil
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Eu não sou de ficar “caçando pixels” não. As técnicas atuais de reconstrução no modo qualidade entregam resultados que não deixam nada a dever à resolução nativa, principalmente durante a jogatina
Mas… estava zerando GOW no ps4 base em uma tv 4k. Passei para o ps5 e a diferença é bem perceptível. Até minha esposa falou “wow, está bem mais bonito” rsrrs.

AlterX
AlterX
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Dou meu total apoio a Sony em seus investimentos no PC

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Claro que dá apoio total , vc quer ver a Sony na lama. kkkkk

AlterX
AlterX
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Muito pelo contrário

Deto
Deto
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

cedo ou tarde o sujeito entrega que é puro recalque com a Sony.

AlterX
AlterX
Responder a  Deto
1 mês atrás

Bloodborne é o melhor jogo de Playstation disparado
E nem foi feito pela Sony

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Concordo com a última parte.

Deto
Deto
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Bloodbonr é o melhor jogo, mas não foi feito pela Sony.

Sempre nesses comentários passivo agressivos.

Nasci ontem para não sacar o tipo.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Deto
1 mês atrás

Ele tem milhares de comentários na gamevicio fazendo battle royale diário de fanboy.

Aliás, é engraçado ver que lá é o único lugar onde o cara se auto-intitula pcmr, mas passa o dia hateando o console da sony e defendendo o da microsoft.

“pcmr” que ataca uma plataforma fechada mas passa pano para a plataforma fechada concorrente lol.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Eduardo
1 mês atrás

Ele é o juvenil do BartPCMR?

Felipe Horvath
Felipe Horvath
1 mês atrás
Felipe Horvath
Felipe Horvath
1 mês atrás

Assiste aí , Mario , e fala pra gente o que achou.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mas a SX é uma evolução natural da Xone. O problema aí é que o concorrente não é apenas uma evolução do ps4, ele vai muito além.

Paulo Kaufmann
1 mês atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Isso não é um erro! É a Sony correndo atrás de quem dita as regras do mercado que é o Xbox! Colocar os jogos no PC é algo necessário para estratégia da Microsoft que é de expandir a plataforma! Hoje o Xbox não é mais só um console, é um ecossistema integrado que abrange várias plataformas como PC, console, streaming etc… alguns podem dizer “então pra que comprar um Xbox?” E eu digo que a Microsoft não se importa se vc joga seus jogos no PC, no celular ou no console! Desde que os jogue e assine o Game Pass! Ela não quer obrigar o jogador a jogar os jogos em uma única plataforma mas sim levar os jogos a onde os jogadores estiverem! O que é uma estratégia muito mais inteligente pois existem cerca de 2 bilhões de pessoas no mundo que jogam video game de alguma forma! A grande maioria está nos mobile jogando jogos casuais como clash royale e cundy crush! Imagina o potencial do alcance que o Xbox terá com essa estratégia?! A Sony que não é burra já percebeu isso e está investindo para expandir a plataforma! Mas como não tem tantos recursos como a Microsoft está indo bem mais devagar! E outra coisa, eu não entendo essa revolta toda pelos jogos irem pro PC! Isso não muda nada pro consumidor! Você vai continuar jogando seus jogos no Play sem problema nenhum e isso vai ser melhor pra Sony pois ela vai vender mais jogos e ao contrário do que os famboys pensam as pessoas não vão mudar de plataforma por causa disso! Pois são públicos diferentes! Pra mim isso é infantilidade!

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Paulo Kaufmann
1 mês atrás

Cara , você não pode ver uma vergonha que já quer passar , hein ! Hahahahaha. Você devia procurar ajuda psicológica.

AlterX
AlterX
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Chorar por causa do caminho que a Sony tá seguindo também é caso de procurar ajuda psicóloga

Mas enfim, ainda bem que não choramos por joguinho não é?

hehehe

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Mario, me permitea adicionar no seu texto; nunca se vendeu tantos exclusivos como na época PS4. Aí achar que a Sony tá abandonando esse negócio pra vender na plataforma que menos vende no mercado (PC) é ser um completo idiota.

Paulo Kaufmann
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Cara cai na real a Sony como eu já disse está seguindo os passos do Xbox! Eu não dou 2 anos pra Sony começar a lançar seus jogos Day One pro PC! Isso é a transição para um modelo de mercado mais adaptado a realidade atual! A Microsoft está muito mais a frente da Sony no sentido de se adaptar ao futuro do mercado! E a Sony se não se apressar vai comer poeira!

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Paulo Kaufmann
1 mês atrás

Esqueceu de dizer que todos os jogos da Sony são cópias de Ryse son of Rome e que na verdade o PS5 tem 9 teraflops.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Não tô chorando , só não gosto desse caminho… Agora , falar que quem dita as regras é o Xbox já é viver fora da realidade. É uma palhaçada sem sentido nenhum , sem qualquer evidência e fora de qualquer contato com a realidade.Voces deviam frequentar o windows club , la que os lunáticos se reúnem pra falar todo tipo de merda e delirarem em grupo.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  AlterX
1 mês atrás

Não existe ajuda “psicóloga” esse ajuda psicológica, assim como ajuda psiquiátrica. Diz muito sobre as pessoas a maneira que escrevem. Como um cara lá atrás diz: quanto mais ignorante, mais equivocado está, mais bosta vai comer e ainda vai dizer que tá gostoso.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Foi pra mim ? Kkkkk

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Felipe Horvath
1 mês atrás

Foi por maluco aí. Que joga a 13 anos no Pc, tá começando e achando que console não vale nada. Me injurio com isso porque tenho 40 anos e desses montei PCs durante 17/18 e larguei exatamente porque eu faço ideia do que é o Pc. Sabe porque? Porque em PCs, pra companhar a geração vc se fode. É muito mais caro. Se paga mais, por menos.

Juca
Juca
Responder a  Paulo Kaufmann
1 mês atrás

Na boa, expandir para o PC é a estratégia da MS? MS fugiu para o PC, mercado do qual poderia ter sido dona quase que sozinha, mas resolveu praticamente abandonar por estava incomodada com o crescimento da Sony no entretenimento doméstico nas salas de estar e facilitou para alguém de visão como a Valve. Quem tem um pouco mais de idade sabe o que foi o “Games for Windows”.
O único motivo de preocupação da Sony com a MS é o potencial de destruição dela, porque já está mais do que provado, que tudo que ela não pode ter ela mina na tentativa de destruir.
Espero que ela não compre mais estúdios de games como os icônicos que têm comprado, porque o potencial para deixarem de existir cresce exponencialmente na mão da MS.
Dita as regras do mercado?!?! Rsrs Até onde sei não é ninguém da Sony que andou dizendo por aí que precisa de jogos como os da concorrência e que os estúdios da concorrência estão noutro patamar. Rsrs

http://www.pcmanias.com/matt-booty-reconhece-que-os-exclusivos-xbox-nao-possuem-a-qualidade-dos-sony/

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Juca
1 mês atrás

Exatamente isso, principalmente o primeiro parágrafo. Perfeito.

Apenas comentei porque não tem o botão de like rs.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Juca
1 mês atrás

Perfeito !

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Juca
1 mês atrás

Assim como o Carlos Eduardo, estou comentando porquê não há botões de like ou deslike, o Juca falou muito bem.

*** A propósito, seria mais que bem vinda a participação dos dois no Direct, caso seja possível, fica o pedido ao Juca, Carlos Eduardo e Mário ***

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Paulo Kaufmann
1 mês atrás

Parei em “quem dita as regras do mercado que é o Xbox…” Uma das maiores pérolas de 2021, sem dúvidas.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
1 mês atrás

Sparrow realmente, uma frase dessa bota em check qualquer vontade de querer entender o lado da pessoa.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
1 mês atrás

OFF

Mário, não tenho 100% de certeza da procedência, mas é uma informação interessante caso se confirme.

Vendas no PC

Horizon Zero Dawn: 1.357m
Days gone: 1.581m
Death Stranding: 1.645m

https://twitter.com/mrpyo1/status/1456317228865949705?s=20

Se for verdade, estamos falando de adicionar cerca de 75 milhões de euros em receita em cada jogo (1.5 milhões de média x 50 euros). Tira-se o custo de portar (que não deve ser alto, ainda mais em Days Gone que usa a UE4) somados com os 30% da Steam, então vamos estimar que cada jogo gera cerca de 50 milhões em lucro para a Sony.

É um valor a se considerar, mas se lembrarmos que existem informações de que jogos como Uncharted, Last of Us geraram 1 bilhão de receita cada, e tirando os custos de desenvolvimento, a margem de lucro deve ser altíssima já que os 100% são da Sony. Então 50 milhões perto de cerca de 900 milhões é um valor baixo. Ou seja, existe uma ganância de lucrar mais com o PC, mas nem de longe podem arranhar esse potencial de venda da consola.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Eduardo
1 mês atrás

A Sony vai lançar no Pc com essas vendas. Vamos estipular que Horizon vendeu 10 mi no PlayStation? 10 mi foi em um ano, a última vez que divulgaram. Se o cara achar que a Sony lançaria algum dia day one no Pc ele tá falando que todos executivos ali são idiotas. Burro mesmo!

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Carlos Eduardo
1 mês atrás

Se isso for real, reforça minha convicção de que não vale a pena arriscar a identidade da plataforma ou qualquer aspecto dela, por uns bons milhões, que no fim, pode ter consequências graves.
Em outras palavras, matar a galinha dos ovos de ouro.

Peço pequena paciência para os raciocínios 1 e 2, para crianças entre 5 a 105 anos

1 – Relembrando essa história simples mas interessante, onde um casal de camponeses possuíam uma galinha mágica que botava um ovo de ouro por dia, eles tinham muito mais que alguém podia sonhar, mas motivados por ganância, estavam impaciente por receber “apenas” um ovo por dia e na esperança de ficarem mais ricos resolvem abrir a ave, na esperança de ter logo um montante grande de ouro de uma vez! Resultado, o bicho morreu e acabou o ouro.

Essa é a Sony hoje pra mim.
Mas como toda analogia não é perfeita, não estou falando de matar o PlayStation ou o que gostamos nele pra já, mas o enfraquecer irremediavelmente na insistência dessa política, e as consequências disso são incalculáveis, devido ao fator humano, que aguarda, busca incansavelmente encontar brechas para lhe tomar tudo o que tens. Mercado é a lei da selva.

2 – O Gamepass igualmente, é uma semeadura, a colheita pode no fim não agradar ao aldeão, maravilhado a princípio pela miragem, mas pode sim agradar muito ao fazendeiro, que ja premeditou tudo abusando do imediatismo do aldeão. Felizmente, temos muitos aldeões filhos de caçadores, que foram ensinados a calcular riscos, pois sua sobrevivência dependia disso e sempre dependerá nesse mundo.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Eu acredito que as pessoas possam ser estúpidas. Coletivamente inclusive.
Como um banco funciona e como uma cooperativa funciona? As pessoas preferem bancos… Quem souber vai perceber que sim, as pessoas são.

Até esse momento, não vi 1 único argumento da parte de ninguém que me fizesse ter uma dúvida mínima de que estou errado em achar que a Sony está a enfiar a pata na poça.

Posso obviamente estar errado, não tenho acesso aos dados que eles tem, mas esta é uma área de comentários de opiniões de gamers, então, esta é a minha, humilde diga-se. Não querendo saber ou ser mais que ninguém, só compartilhar.

Daniel Cardoso
Daniel Cardoso
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

Concordo consigo em quase tudo, o problema sr Mário, é que você olha mais para o lado cooperativa da Sony e não para os Usuários que ela vai perder com isso, por isso me enquadro muito no cometário do Carlos Zidane, eu ainda continuo a jogar no ps5, más na primeira oportunidade que tiver vou dar o salto para o PC, a sony com esta nova estratégia me fez sentir enganado e que fiz um péssimo investimento para o futuro, más ainda pior é o tratamento que ela esta a transmitir para quem realmente é fã, ela alem de dar um tratamento mais premuim com os seus jogos no PC, transmiti uma mensagem de quem comprou o ps5 foi um trouxa. Eu comprei todos os jogos que saíram até ao momento no Pc em day one no ps4 por 70 euros, e esses jogos agora chegaram ao PC muito mais bonitos, fora quem nem um upgrade ela realmente deu para o jogo no Ps5, e isso para mim é gozar com a cara de quem lhe deu de comer.

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
1 mês atrás

acho que nesse geração ainda é muito cedo para dizer “vou de PC”

essa geração vai ser a decisória para mim, que já estou no PS5… Se terminar a geração e não tiver saído nada de PS5 no PC praticamente, continuarei no PS6.

Agora se virar padrão 2 anos depois sair tudo do playstation no PC, eu vou largar de mão o playstation.

Inclusive talvez eu até pare de jogar, já tô meio desanimado de video game mesmo.

vou mudar de hardcore que compra vários jogos e console no lançamento, para quem compra console no meio da geração e joga de 5 a 10 jogos por geração.

não gosto dessa insegurança que a Sony passa, não sabemos se teremos jogos de PS5 no PC, não sabemos qual o prazo aproximado, se vai sair tudo ou sair só alguns jogos.

então melhor esperar, e nada melhor para esperar que virar jogador “casual”

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Deto
1 mês atrás

Eu gosto da idéia de comprar videogame no lançamento, porque apesar de caro, a pessoa tem uma boa longevidade com o produto.

Por exemplo, eu comprei meu PS4 cerca de 3 meses após o lançamento. Fiquei 7 anos com ele, joguei praticamente tudo o que queria, e mesmo com ps4 pro disponível no mercado, eu não deixava de ter acesso aos jogos do meu interesse, mesmo que com qualidade um pouco inferior.

O mesmo vale agora para o PS5, sei que pelo menos durante os próximos 6 ou 7 anos, terei acesso a qualquer lançamento da Playstation Studios e a maioria dos third-parties, mesmo que a Sony venha a colocar uma consola premium no mercado.

Mas claro, quando estamos falando de casuais, é complicado um casual no Brasil pagar 4 mil reais por um videogame. É muito caro para nós. E para o casual não faz tanta diferença jogar God of War em 2018 ou 2022, ele pode esperar. Só quer ter acesso a conteúdos legais de coisas que geralmente não ocupam a cabeça dele no dia-a-dia.

Eu passei a maior parte da geração PS4 como um consumidor meio-termo, ou seja, nem tanto entusiasta, nem tanto casual. Eu assistia as E3 anuais para ter uma noção do que iria ser lançado, escolhia os jogos que eu queria consumir em época de lançamento, e fim de papo. Não acompanhava diariamente notícias de games ou flamewar.

Talvez seja bom vivenciar esse “meio-termo” de vez em quando. Decisões da Sony, Microsoft, o que acontece nessa indústria, etc.. individualmente falando nós não podemos interferir. Seria o mesmo que eu sofrer pelo rebaixamento de um time que torço, mas eu não entrei em campo para jogar. É ruim claro, mas talvez seja mais interessante estar com atenções voltadas para o nosso redor, ou seja, onde podemos fazer alguma diferença.

Vitor hugo Reale Pereira
Vitor hugo Reale Pereira
1 mês atrás

Mario vc acredita nesse ideia de um console de meia geração? Acredita que será necessário um ps5 pro, para melhorar os jogos? Na minha opinião não precisa e seria melhor utilizado esses consoles sem meia geração. Me pergunto sobre os jogos crosgen prejudicaram o poder dos consoles topo de linha.

Vitor hugo Reale Pereira
Vitor hugo Reale Pereira
1 mês atrás

Mario, joguei o guardiões na galáxia no ps5 e achei muito bom, porém acredito que utilizaram bem mal o poder do ps5. No modo performance precisou descer para 1080 p ou seja 4x a resolução 4k só para alcançar 60 fps instável. O que vc acha sobre isso na sua visão e experiência técnica?

error: Conteúdo protegido