Torneio de Halo recorreu a devkits pois não há consolas disponíveis.

5 4 votes
Avalie o nosso artigo

A falta de componentes afeta todos, e quem não tem cão… caça com gato!

A falta de componentes é um real problema. Não se consegue suprimir todas as carências do mercado e dessa forma todos estão a sofrer com dificuldades de fabrico.

Mas quando falamos em todos não falamos apenas nos consumidores, pois nem sequer a Microsoft conseguiu obter consolas em número suficiente para realizar um torneio de Halo Infinite, sendo que se viu obrigada a usar dev kits Xbox.

Não sendo isto consolo nenhum a quem não consegue arranjar uma consola, a realidade é que tal mostra que o problema não afeta apenas os utilizadores. Quando o criador da consola não consegue ter consolas para si mesmo, não surpreende que o consumidor não consiga.

Neste aspeto, deem-se por felizes todos aqueles que já possuem uma consola em casa…





5 4 votes
Avalie o nosso artigo
13 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
netto
netto
26 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Tô como meu XSX aqui desde Julho, satisfeito com a aquisição.

Um OffTopic maroto o qual eu apenas citarei na forma de informação.

Existe pela internet um compilado de informações sobre os comparativos de jogos para a nova geração entre PS5 x XSX no primeiro ano de existência. E para surpresa daqueles que em 2020 gritavam que o XsX iria esmagar o PS5 os resultados deste primeiro ano são surpreendentes, uma leve vantagem pro Console da Sony no geral.

Enfim, se for do interesse do Mario discutir isso num artigo, acredito que não seja difícil achar tal compilado.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Mário Armão Ferreira
26 dias atrás

O que eu vi até agora foi esse: https://twitter.com/BirkinWill/status/1464275512096919605?s=20

https://twitter.com/BirkinWill/status/1464275825524723719?s=20

Não posso falar por todos os jogos, mas as informações que ele mostra estão coerentes com as análises que vi da Digital Foundry.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  Mário Armão Ferreira
26 dias atrás

Na verdade a performance do PS5 estava melhor na demo lançada antes.

Na versão final resolveram a performance no Xbox Series X

https://www.youtube.com/watch?v=NFlY0n91LUY

https://docs.google.com/spreadsheets/d/14jihkUdzmwsxv2OHiBmVlZj6TM-scszLNgMqNecVIuo/edit#gid=0

netto
netto
Responder a  Carlos Eduardo
26 dias atrás

Eu acompanho num tópico de um Fórum BR no site Outerspace. Lá eles coletam não apenas as análises da DF, mas também de VGTech, NXGamer, IGN e em alguns casos até do Elanalistadebits.

Tópico: https://forum.outerspace.com.br/index.php?threads/console-wars-ratchet-and-clank-rift-apart-best-graphics-2021.566999/

Planilha com os comparativos:
https://docs.google.com/spreadsheets/d/1Ks9Kjt9pX9uSFgsIFw2zRvI6-YLGLNmAt1AXoj-FQ84/edit?usp=sharing

Já adianto que o tópico não é livre de atuação fanboy de ambos os lados. Mas o compilado é válido pois se baseia nas análises dos canais acima citados.

Carlos Eduardo
Carlos Eduardo
Responder a  netto
26 dias atrás

No geral as diferenças estão bastante pontuais entre PS5 e Xbox Series X. É uma situação bem diferente das gerações anteriores, onde um console entregava versões significativamente superiores do que o seu respectivo concorrente.

Por um lado o Xbox Series X tem mostrado no geral uma resolução nativa superior. Mas agora estamos na geração do upscalling e reconstrução, logo a diferença de resolução nativa em ambos fica quase imperceptível quando ambos são reconstruídos para um output em 4k.

Um bom exemplo disso são os prints extraídos pelo vgtech em Metro Exodus: (https://drive.google.com/drive/folders/1R5aAa-X9iYWU2prGun-YDLnLRaUenMkY). Ps5 e Xbox Series X possuem output em 4k reconstruídos via TAA. A contagem nativa de pixels no geral é um pouco maior no Xbox Series X, mas é difícil de perceber diferenças. Já no Xbox Series S com output em 1080p e contagem nativa inferior, as diferenças são bem mais notórias. É só comparar as imagens.

Por outro lado, o PS5 tem mostrado vantagens de FPS e Loading nos jogos nativos, embora o Xbox Series X tenha vantagens em FPS e Loadings nos jogos retro. Apesar das diferenças pontuais, acho interessante destacar que a vantagem em FPS e loading do PS5 são importantes se pensarmos na longevidade de um jogo.

Dias atrás assisti um vídeo da Digital Foundry sobre o excelente FPS Boost no Xbox Series, e o John Linneman destacando como muitos jogos da geração PS3 e Xbox 360 sofriam com framerate instável, consequentemente envelheceram mal nesses consoles. FPS instável atrapalha o gameplay, ainda mais em jogos como Sonic Generations, Skyrim e Farcry 3 caindo para até 15fps no PS3 e X360. E o John ainda destacou como que o Sega Saturn possui tantos jogos que envelheceram bem nos seus 60fps estáveis, apesar dos loadings nos CDs, e claro, dos gráficos defasados.

Então é uma vantagem interessante o PS5 estar com fps mais estáveis nos jogos nativos, apesar de que não são diferenças tão “significativas”. Claro que o Xbox Series tem VRR, que é útil, mas não ajuda em todos os casos (principalmente stutterings mais agressivos), e também demanda uma TV com bom suporte para tal. Mas não deixa de ser um compensador.

Loadings também são importantes. Quando estivermos habituados com jogos que possuem loadings de até 5 segundos, os carregamentos de 1 minuto das gerações anteriores parecerão uma eternidade, logo esses jogos tendem a envelhecer mal. Não é frescura, é questão que estaremos habituados com algo melhor. Esse raciocínio também vale para o Quick Resume, eliminando tempo perdido em inicializações. Embora as diferenças de loading até agora tem sido pontuais entre jogos nativos de PS5 e XSX, já apareceram alguns outliers como Resident Evil Village apresentando diferenças bem significativas. Resta aguardar para ver como será no futuro.

O equilíbrio na tech-demo do Matrix é outra evidência clara de como essa geração será a mais equilibrada em performance de todos os tempos, com ambos os consoles já rodando em uma engine gráfica next-gen.

Danilo Marciel
Danilo Marciel
26 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Eu to muito realizado meu Series X foi comprado em Abril e meu PS5 em Agosto.

Aqui na minha cidade é impossível conseguir é nem no meu estado Mato Grosso.

Hoje se eu anunciar vendo os dois pelo dobro do preço que paguei kkkk mas não faço isso nemmmm.

netto
netto
Responder a  Danilo Marciel
26 dias atrás

Eu acho curioso a forma que eu consegui meu XSX. Sou Paraense.

A época em que comprei (junho) sempre se via disponivel nas lojas o XSS, mas o XSX era coisa muito rara de ver. Eu não aguentei esperar e optei por comprar um XSS na OLX onde a oferta estava grande e a preços realmente vantajosos (paguei 2.300 nele). Usei por +- 30 dias o bichinho. Uma bela noite, próximo da meia noite, eu denovo na OLX me deparo com um anúncio de XSX, o carinha tinha acabado de adicionar o anúncio tinha 15 minutos, eu entrei em contato com ele, disse que tava novo, que tem PC com bom setup e que a intenção era vender o mesmo pra comprar um PS5. Eu fiz a oferta, meu XSS+Diferença, ele aceitou e assim eu consegui meu XSX. Ele colocou meu XSS na OLX e em menos de 3 dias já havia vendido.

Hj em dia eu fico de cara com a dificuldade que tá pra comprar o XSX e até mesmo o XSS. Fui muito sortudo

Juca
Juca
26 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

A atitude da Microsoft é correta, pois seria uma afronte a clientes que desejam o console dela verem marketear um console num torneio e não poder encontrá-los nas lojas. Mais justo é ter estes à venda, ou já na mão de algum cliente, que em um torneio de games só pra fazer uma propaganda de algo que não se consegue encontrar.

Eraser
Eraser
26 dias atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Isto da falta de componentes está para durar. Li uma noticia de que a nvidia adiantou milhões de dollars á TSMC para reservar waffles 5nm.

Se a AMD pensa em saltar os 6nm e passar para 5nm….lá vamos nós outravez.

error: Conteúdo protegido