APU da PS5 poderá estar prestes a ser finalizado

O Gonzalo, indicado como sendo o APU da PS5, sofreu alterações na sua string de identificação. E o que ali está indica que o APU está prestes a ser finalizado.

Apesar de esta notícia ter sido adiada pela publicação da sequência de artigos exclusivos anteriores, a sua colocação até acaba por calhar bem, uma vez que ela vem demonstrar que o suposto APU da PS5 (na realidade pode ser de qualquer uma das duas marcas de consolas, apesar de se estar a associar o mesmo à Sony), está quase pronto para poder entrar em produção.

Vamos então lá ver a notícia:

Faz algum tempo, apareceu uma string de um APU AMD com o nome de código Gonzalo, que foi teorizado como podendo ser o Ariel da PS5.

Esse APU tinha a seguinte String:



2G16002CE8JA2_32/10/10_13E9

Por aqui se tirava uma série de dados. De notar que a interpretação destas String não é feita com dados criados para APUs da série Gaming, mas sim para as restantes séries, motivo pelo qual muitas das siglas aqui usadas continuam um mistério. De notar ainda que estas análises tomam como certa a semelhança das designações destes APUs Gaming com os restantes produtos AMD, dando assim aos dígitos a mesma interpretação.

O primeiro 2 indicava que o APU estava na segunda etapa de desenvolvimento!

O G indicava que este era um produto dedicado ao mercado Gaming, e como tal o mesmo foi teorizado como sendo o APU da PS5.

o 1600 indicava a frequência base do CPU. Basicamente a sua velocidade mínima, e que neste caso corresponde à velocidade do GPU da PS4.

O 2 que se seguia indicava o número da revisão. Este APU teve já duas revisões antes de chegar ao estado atual.

O CE estava relacionado com o TDP do APU, mas pela especificidade da série Gaming, não era possível tirar-se mais dados da sigla.

O 8 indicava um CPU com 8 núcleos, e o 32 que a velocidade máxima alcançada pelo CPU em modo Boost, seria de 3.2 Ghz.

O J era uma referência ao pacote físico do APU. Neste caso, dado que as consolas usam um socket proprietário, ele não se enquadra nos valores conhecidos.

O A2 indica o Stepping do APU, com o A a indicar a revisão das layers base, e o 2 a revisão das layers de metal do APU. Basicamente o Stepping mais comum dos CPUs AMD.

O 10 que se encontrava a seguir à barra indica um GPU da geração 10, ou seja um Navi, e os dados seguintes não eram claros sobre o que representavam, sendo que se especulou que 10 seguinte seria a velocidade de relógio, ou 1 Ghz.  O 13E9 estava referenciado como uma Navi Lite.



Mas agora a string deste APU foi alterada… e há novos dados.

A nova String passou a ser:

ZG16702AE8JB2_32/10/18_13F8

O que vemos é que o APU passou da etapa 2 de desenvolvimento para a Z, a etapa final que indica que o APU está basicamente pronto, e pode entrar a qualquer momento em fabrico em massa. A seguir ao Z temos apenas o P que indica que o chip está em produção.

De resto a velocidade base do CPU passou de 1600 Mhz para 1670 Mhz. Não se percebe bem qual o eventual interesse de existirem 70 Mhz a mais

O APU continua na revisão 2. Isto seria espectável pois uma revisão seria indicadora de problemas que impediriam a passagem à etapa Z do desenvolvimento.

O TDP do APU alterou-se de CE para AE, mas infelizmente a falta de dados sobre estas siglas não permitem conclusões.

O stepping é que é uma curiosidade. Ele passou para B2, indicando que as layers base tiveram uma segunda revisão. O stepping B2 é uma situação pouco comum de se ver na AMD, e mais típica da Intel e que apenas é realizada em produtos que requerem extremo cuidado para se garantir que a qualidade de produção permite um aproveitamento mais elevado do silicone. É mais

A velocidade máxima de relógio mantêm-se nos 3.2 Ghz.

A Navi que equipa o APU é que teve grandes alterações. A sigla 10_13E9 mudou radicalmente para 18_13F8.

As especulações iniciais eram que o 10 de 10_13E9 eram referentes à velocidade de relógio do Navi (1 Ghz), algo que na altura em que demos a notícia sobre este Gonzalo, discordamos. Agora o número muda para 18, o que indicaria 1.8 Ghz. Um valor que parece elevado demais para um APU, o que dessa forma tambem parece tirar toda e qualquer credibilidade à indicação que este número era relativo à velocidade de relógio.

Já a mudança de 13E9 para 13F8 será mais significativa. Porque mudar a mesma se o GPU se mantêm igual? Esta mudança indica uma suposta alteração ao GPU, que deixaria de ser a versão Lite, pelo menos a referenciada. O que isto significa e o porquê da mudança desta sigla é a parte mais intrigante de tudo isto, e poderá indiciar que ou existia uma mistura de siglas que levava a confusões que teve se ser alterada, ou que o GPU levou alterações para esta última versão que não existiam antes.

Estranho, sem dúvida.

 



newest oldest
Notify of
Brunoab
Visitante
Brunoab

Eu não acho que essa seja a APU do PS5, acho que deve ser uma APU do tipo que foi feita para aquele consegui chinês. Talvez a APU do Xbox one2 low end.

Acho que agora não vale mais a pena APU monolítico, acho q agora voltaremos a CPU e GPU separadas e talvez usando infinit fabric da AMD.

Ainda tô com o Rumor de que a Sony vai lançar ps5 com CPU e GPU separados, HBCC com 32GB de ram DDR4 e 16gb HBM2 e talvez um cache com SSD NVMe e/ou HD convencional

MS vai lançar algo com GDDR6, e talvez 32 ou 48GB de RAM e DDR4 para sistema operacional com um SSD NVMe. Acho que vai compensar a perda do polo único com maior banda de memória e SSD NVMe pci-e 4.0, um pouco menos eficiente que o PS5 por não usar HBCC

Xbox One X JÁ tem slot para NVMe, falta soldar o encaixe e o suporte de software.