FidelityFX da AMD está oficialmente em uso na Xbox. Mas não oficialmente também em uso na PS5.

5 4 votes
Avalie o nosso artigo

A AMD apresentou o seu Fidelity FX, e os Xbox Studios fazem parte dos parceiros oficiais. Do lado da Sony não há confirmação oficial do uso, mas no entanto já há jogos a usa-lo!

O Fidelity FX será algo que provavelmente vamos abordar com mais detalhe em outro artigo. No entanto, para o caso em questão, interessa apenas saber-se que se trata de um conjunto de ferramentas da AMD, destinadas a melhorar as performances dos GPUs RDNA e RDNA 2 em várias situações.

Trata-se de uma ferramenta altamente esperada, que foi agora anunciada pela AMD, e que conta com a oficialização de suporte da Microsoft e dos seus estúdios, confirmada tanto pela Microsoft, como pela AMD que referiu o seguinte.

Estamos muito felizes por anunciar que o AMD FidelityFX está agora disponível para a Xbox! Esta tecnologia torna ainda mais fácil do que antes a criação de jogos multiplataforma, com programadores capazes de aceder a efeitos selecionados AMD FidelityFX, com otimizações específicas para Windows e Xbox. Os programadores de jogos podem agora utilizar outras otimizações específicas da plataforma com o AMD FidelityFX, diretamente do Kit de Desenvolvimento da Series Xbox X|S.”

No entanto, por parte da Sony, nada foi oficializado, sendo que a PS5 nem é referida pela AMD, podendo dar-se a entender que a mesma não possui suporte à tecnologia!

No entanto tal não corresponde à realidade, e a Playstation já tem jogos a suporta-la! Mas vamos por partes para podermos perceber o que se passa.



O Fidelity FX é, como referido, um conjunto de ferramentas genéricas, destinadas a serem usadas para melhoria de performances dos GPUs AMD. Trata-se de um módulo, uma livraria, que será usada na criação de futuros jogos.

Ora se olharmos para a lista de parceiros da AMD com suporte ao Fidelity FX, encontramos uma série de equipas com algo em comum… Todas desenvolvem ou desenvolveram produtos para o PC. Nessa lista temos inclusive a Guerrilla, que disponibilizou recentemente o seu motor, o Décima, para uso no PC, quer no seu Horizon Zero Dawn, quer em Death Stranding.

O que tal leva a crer é que o Fidelity FX é uma livraria criada com suporte DirectX 12 e Vulkan. O que significa que isso invalida o uso interno pelas equipas da Sony que usam ferramentas próprias optimizadas para o API da PS5, o GNM. Dessa forma, o mais certo é nunca vermos os estúdios da Sony como parceiros naquela lista, uma vez que o que estas poderão usar será uma versão alterada, personalizada e adaptada do Fidelity FX, para o seu API proprietário, mas nunca a livraria genérica ali indicada. E isso explica a sua ausência quer da lista, quer das referências da AMD.

Mas o que nos leva a concluir isso?

Bem, há vários motivos. O primeiro é que a Capcom aparece indicada no website como sendo uma das parceiras que suportam a tecnologia. Ora a Capcom é uma equipa que desenvolve jogos para consolas no regime de Third Party, e que como tal, desenvolve jogos multi plataforma, normalmente desenvolvidos em ambiente PC, sendo que apenas posteriormente são convertidos e adaptados para as diversas plataformas.

Isto quer dizer que o seu último jogo, o Resident Evil 8, tambem conhecido como Resident Evil Village, terá sido criado num PC, usando o DirectX 12 ou o Vulkan, os dois APIs suportados pelo Fidelity FX, e apenas posteriormente convertido para a as consolas. E isso quer dizer que ele pôde contar com o Fidelity FX como ferramenta de desenvolvimento, o que facilmente transita para a Xbox por partilhar o mesmo API.



A questão que ficaria então é se este perante esta ausência da Sony como parceira, ele tambem transitaria para a PS5, o que se confirma olhando para os dados fornecidos no trailer da Playstation 5 do jogo, que se colocam de seguida:

Mas se dúvidas houvessem, uma vez que, mesmo sendo esta a versão PS5, este poderia ser um quadro genérico, elas são retiradas por intermédio deste Tweet:

Esta situação demonstra que o suporte à PS5 não está de forma alguma impedido, pelo que a justificação acima referida ganha toda a coerência. A Sony nunca deixará passar em branco os ganhos aportados pela ferramenta e que conseguem ser colocados na consola com o desenvolvimento em DirectX 12 e Vulkan, pelo que o não aparecerem como um parceiro oficial só pode passar pela justificação anteriormente dada. Não aparecem porque não usam a plataforma comum disponibilizada pela AMD, mas sendo a mesma open source, esta estará adaptada internamente, e numa versão diferente, às ferramentas da Sony.



 



5 4 votes
Avalie o nosso artigo
31 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Sparrow81
Sparrow81
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Belo artigo, Mario. Nessa eu fiz confusão e passei batido, por esse Dev falar que usava e pela demo de resident tb. Mas tens razão, deve ser mais específica e adaptada no PlayStation, pela API que utiliza.

Danilo Marciel
Danilo Marciel
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Microsoft mandou muito bem com o Xbox Series X|S né.

Dá pra ver todo dia que ele tá muito bem preparado pros jogos que vão vir.

Já viram sobre o video da Tech Demo da elocity Architecture e Sampler Feedback Streaming ?

https://www.youtube.com/watch?v=9QhBNy7lX_o

Livio
Livio
Responder a  Danilo Marciel
3 meses atrás
Marco Antonio Brasil
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

Estou muito curioso sobre o funcionamento do SFS e todas as dúvidas que já debatemos por aqui.
No aguardo pelo artigo!

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Danilo Marciel
3 meses atrás

Só falta a gente ver jogos, gameplay… Até o momento só vimos o The medium e é decepcionante tecnicamente.

Deto
Deto
Responder a  Danilo Marciel
3 meses atrás

eu reparo que fã de xbox sempre tenta falar de xbox ou tentar achar defeito no sucesso da Sony na internet nas noticias focadas em playstation

vcs acham que se vc mudar a discussão nos comentários para xbox, o xbox vai fazer o que?

vender mais?
ter AAA GOTY 90+?
ficar melhor?

ou vc so quer atenção?

Carlos Eduardo Santos
Carlos Eduardo Santos
Responder a  Deto
3 meses atrás

Nosssaaaa
🤣🤣🤣🤣

Sparrow81
Sparrow81
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

OFF – Cherno fez um vídeo ontem sobre o último trailer de Ratchet & Clank. Fantástico ele pegando os detalhes do game e analisando… Muitas vezes quadro a quadro. Ficou empolgado o rapaz.

Danilo Marciel
Danilo Marciel
Responder a  Sparrow81
3 meses atrás

Eu assisti e achei incrivel ! Pra mim o melhor grafico em um jogo desse estilo até hoje ! Tá muito próximo das animações.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Danilo Marciel
3 meses atrás

Arrisco a dizer que é o jogo mais bonito e o que mais tira do hardware do ps5 até o momento.

Danilo Marciel
Danilo Marciel
Responder a  Sparrow81
3 meses atrás

Eu concordo plenamente ! Espero que não tenha downgrade né se o jogo vier da forma que foi mostrado está lindo demais.O jogo ja é mega divertido se vier com esses graficos vai ser incrivel

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Danilo Marciel
3 meses atrás

Difícil downgrade. Nos últimos anos foi mostrado até análises técnicas com alguns games da PlayStation Studios (pois muitos falavam de downgrade sempre) e todos tiveram upgrade na versão final. Spider-Man, God of War e TLoU2 são exemplos de jogos que falavam em downgrade na versão final e teve na verdade upgrade.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

No fim das contas o que importa são os jogos. Uns pixels a mais aqui, uma textura melhor ali NUNCA vendeu e nunca vai vender consoles.

Fernando Molina
Fernando Molina
Responder a  Sparrow81
3 meses atrás

Acabei de ver o vídeo, maravilhoso, com certeza será mais um petardo da Sony

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Fernando Molina
3 meses atrás

Sim, amigo. Tá de cair o queixo. E amanhã tem mais15 minutos de gameplay. Vamos ver como está.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Sparrow81
3 meses atrás

Está lindo o jogo. É o único que me parece de nova geração até agora, isso em qualquer plataforma

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Carlos Zidane
3 meses atrás

Exato. Tanto é que o Cherno citou i/o do ps5 no vídeo. Esse temos certeza absoluta que não rodaria nem com downgrade no PS4.

Deto
Deto
3 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Um cara falou e eu fiquei pensando…. sabe que parece mesmo?

a MS pagou os direitos de marketing exclusivo da AMD.

achei engraçado isso, mas é bem cara da MS fazer isso… já que não tem JOGOS, vamos pegar o direito de marketing de sopa de letrinhas

e como sempre so serve para gritaria na internet e na realidade todo mundo fica de boca aberta com os gráficos do R&C, enquanto só fanboy do xbox fica hypando essas bobagens…

tá ai o problema do xbox ter os fanboys mais birutas da internet… a MS tá sempre preocupada em dar munição para eles.

Toda a gritaria que ela faz com sopa de letrinhas não serve para nada no mundo real, apenas para engajar fanatico de internet.

Hiago
Hiago
Responder a  Deto
3 meses atrás

Isso da MS ter pago os direitos de marketing foi o primeiro pensamento que tive desde aquele anuncio que o XSX/S seriam os unicos com suporte total a RDNA2 e engraçado que não vi ninguém comentando sobre isso até o presente momento.

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

não vejo como isso possa ser acusação.

do mesmo jeito que a Sony pagou para divulgar o Resident evil, a MS pode ter pago para divulgar o “full RDNA” e/ou para a AMD sempre que anunciar algo das GPUs dela botar junto “e o xbox também” e excluir o ps5.

isso explicaria como a AMD anunciou “full RDNA2” do xbox, sendo que não tem infinite cache, logo, não é “full RDNA2” mas pagando, a AMD pode definir que IC é “bonus e não conta como RDNA2” e anunciar

o FFX pode ser a mesma coisa.

a AMD não bloqueou o acesso da Sony a tecnologias, so controla a divulgação.

a Sony tem Demons Souls, Returnal e R&C para divulgar o PS5, a MS só tem sopa de letrinhas… pq Halo Infinite e The medium seriam divulgação para xbox 360 e talvez xbox one…

Pq a AMD não ia aceitar?

a Sony não se importa com sopa de letrinhas, já falou que “os jogos vão falar” e a MS precisa de alguma coisa para divulgar o xbox já que so tem jogo da geração passada ou retrasada e que parece geração passada ou retrasada para mostrar o poder do xbox SX.

inclusive isso parece bem o que a MS adora, manter os “fãs do internet” engajados com as sopas de letrinhas.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Deto
3 meses atrás

É uma tristeza imensa ver o SX com todo aquele poder de fogo e marketing sem 1 jogo sequer que chame atenção. Esse início de geração do Serie X faz o início do One parecer ótimo.
Não vejo a hora de um FH5 e outras coisas também né, não dá pra ficar só nisso, jogo fraco e retrô pra sempre

Marco Antonio Brasil
Responder a  Carlos Zidane
3 meses atrás

Eu também acho. Evidente que a SX é muito interessante! Mas chega a ser inacreditável que a MS, com todo seu poderio financeiro, não tenha se planejado para lançar ao menos UM jogo, mesmo crossgen, para fazer um “showoff” da consola. Só fala de retro e gamepass, tudo bem que tem seus atrativos, mas concordamos que está faltando um pouco de foco em jogos.

Isso que alguns fans da marca não entendem, muitas críticas não são sobre a consola em si, mas sim sobre a forma como procede a MS.

Carlos Zidane
Carlos Zidane
Responder a  Marco Antonio Brasil
3 meses atrás

Concordo. E um jogo show off acho realmente obrigatório no lançamento de uma nova gen

Deto
Deto
Responder a  Mário Armão Ferreira
3 meses atrás

“Exemplos de licença de software livre/licenças de código aberto incluem licença Apache, licença BSD, GNU General Public License, GNU Lesser General Public License, licença MIT, Eclipse Public License e Licença pública Mozilla.”

Nem sabia que tinha tantas… basicamente a AMD pode ter criado uma licença de código aberto só para o FFX ehehhehe

libera tudo, mas so pode divulgar que usa, quem a AMD quiser…

Tem muitas licenças de codigo aberto

Se pelo que eu sei, a AMD tivesse usado GLP a Sony teria que liberar para todos qualquer linha de código que ela alterasse para o PS5 por ex.

Ai a sony iria otimizar para um jogo especifico dela, lançava o jogo e tinha que liberar tudo que alteraram no FFX para a concorrência usar…

o que eu digo é que o contrato pode ser qualquer coisa, mesmo sendo aberto… pode até ser que a AMD queria divulgar e a sony: “nem quero, vou focar em marketing dos jogos”

Deto
Deto
Responder a  Deto
3 meses atrás

to tão desatualizado que no tempo que eu sabia essas coisa de licença de código aberto só tinha duas… hoje tem uma licença para cada codigo aberto uhauhauh

https://pt.wikipedia.org/wiki/Software_de_c%C3%B3digo_aberto#Licenciamento

error: Conteúdo protegido