O que se passa com o tamanho em disco do jogo Control

0 0 votes
Avalie o nosso artigo

Control tem vindo a mostrar alguma disparidade no espaço ocupado em disco, na Xbox e Playstation.

Control foi lançado em Outubro de 2019, ocupando 34,77 GB nas consolas Xbox One. Mas curiosamente a versão PS4 ocupava apenas 26.88 GB.

Uma diferença de 7.89 GB entre duas versões equivalentes do jogo, basicamente a dimensão de alguns jogos menores (Super Mario Odissey é 5.7 GB), e sem que haja uma explicação percetível para tal.

O lançamento das expansões, The Foundation e Awe, poderão ter aumentado ainda mais esta diferença. Basicamente The Foundation está referenciada como tendo entre 4 a 6 GB:

Q: What size is the expansion?
A: Depending on platform, The Foundation expansion is between 4 and 6 GB.



E Awe como tendo entre 4 a 7 GB:

Q: What size is the expansion?
A: Depending on platform, AWE is between 4 and 7 GB in size.

Aqui neste caso não conseguimos apurar se as versões PS4 e Xbox possuem dimensões diferentes, mas pelo facto de o jogo a ter, tal é expectável.

Isso quer dizer que, com tudo junto, a versão Playstation com as expansões teria um tamanho que poderia variar entre 34,88 GB e 39.88 GB, sendo que a versão Xbox ocuparia entre os 42,77 GB e os 47,77 GB.

Ora com a versão Ultimate, ea Playstation 5 usando a compressão Oddle Textures conjugada com o Kraken, a dimensão do jogo desceu para algo na ordem dos 25 GB. Já a versão Xbox, que à partida estará a usar o BCPack para fazer algo semelhante, fica equivalente à versão PC, na ordem dos 42 GB.

Basicamente a Playstation 5 ocupa menos 68% de espaço que a versão Xbox, o que é algo de bastante significativo, especialmente se pensarmos que estamos perante a mesmíssima coisa.



O que poderá estar a causar esta situação? Será que o BCPack está efetivamente a uso? E se sim, porque ele não consegue ser tão eficiente como o Oodle textures? E o que explica a diferença inicial?

O BCPack está a uso?

Na realidade não é fácil dizer se o BCPack está a uso, apesar que não se vê razão para que tal não aconteça, uma vez que este utilitário, por pertencer à Microsoft, está incluído no pacote de ferramentas do GDK da Xbox.

Eventualmente, o que se poderá passar é que o nível de compressão usado pelo BCpack, que não tem custos na Xbox por usar descompressores por hardware, pode pesar no PC que não os possui. E havendo uma partilha de código entre as versões Xbox e PC graças ao GDK que universaliza o API, a Xbox pode ter sofrido com isso. E dizemos isto pelo facto de a versão Xbox ter a mesma dimensão da versão PC.

Será que o BCPack não é tão eficiente como o Oodle textures?



Aqui temos de eespecular, mas caso o BCPack esteja a uso então a conclusão seria que ele não é tão efectivo como o Oodle textures. Mesmo perante valores iniciais maiores, o BCPack teria de comprimir mais do que o que se vê.

A realidade é que apesar das diferenças enormes, o BCPack pode estar a uso. Convêm esclarecer que o BCPack, apesar de somente agora as pessoas terem começado a ouvir o termo, não é mais do que, como o nome indica, um pack… um pack de compressores de texturas. BC quer dizer Block Compression, e engloba a compressão de texturas de diversos tipos conforme o número de canais de cor, a presença ou não de canais alpha e de HDR.

E podemos ver esses formatos e o suporte deste tipo de compressão pela Microsoft já na altura do DirectX 11, neste documento.

Daí que a questão que fica é o que é foi feito exactamente na recente adaptação para a Xbox séries que deu origem à referência ao BCPack. Terá, para além de se compilar um conjunto de compressores e descompressores nestes formatos que já existiam, havido um conjunto de melhorias ou apenas uma adaptação para uso do hardware específico de compressão/descompressão da Xbox. Porque caso o BCPack seja apenas um apanhado do previamente existente, com suporte de compressão/descompressão ao hardware, então estaremos perante algo que não é verdadeiramente revolucionário face ao que já existia, e que não se compara com o que pode ser feito pela conjugação Oddle Textures+Kraken, explicando o aumento do fosso previamente existente.

Mas recorde-se que estamos apenas a colocar hipóteses, até porque ainda há a questão no ar sobre o motivo da diferença inicial. Agora o que sabemos é que 68% de diferença é muito, e que a compressão apresentada pela PS5 é altamente bem vinda e que esta deveria ser minimamente acompanhada pela Xbox.



Recorde-se apenas que a Xbox pode usar Oodle textures, mas para tal teria de usar a compressão/descompressão do Zlib que é 297% mais lenta que o Kraken, provavelmente o motivo pelo qual a opção ficou de parte.

Fica então apenas uma questão por abordar:

A que se deve a diferença original na dimensão do jogo?

Esta é uma questão para a qual não temos resposta, até porque as análises feitas ao jogo mostram que o conteúdo é igual tanto na PlayStation como na Xbox, motivo pelo qual a dimensão deveria ser a mesma pois na geração passada não existia nenhum factor que pudesse justificar a diferença.

Agora a realidade é que a versão PS5 diminuiu a dimensão do jogo face ao jogo original em algo entre 10 a 15 GB, ao passo que não é claro se alguma compressão adicional existiu na Xbox, sendo que se tal aconteceu terá sido entre 0 e 5 GB (baseado nos valores de instalação acima calculados).



Conclusões

Perante todos os dados que aqui colocamos torna-se difícil explicar a 100% o que se passa com este jogo.

Que é claro que a versão PS5 optimizou e bastante o espaço ocupado. E que a óptimização foi ao ponto de a versão Xbox ficar a 68% maior é outra realidade.

Daí que não hajam dúvidas que o Kraken+Oodle Textures terão sido metidos ao barulho, sendo no entanto que ficam dúvidas sobre o que se passa com a versão Xbox e que compressão está a ser usada.

Não só não é claro se o BCPack está a uso, como caso esteja, ficam no ar questões sobre a sua performance. Mas o certo é que nada sabemos pelo que estas situações ficam apenas descritas como considerações e nada mais.





0 0 votes
Avalie o nosso artigo
61 Comentários
Antigos
Recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Relvas
Relvas
8 meses atrás

Teoricamente o sistema de compressão da ps5 é muito eficaz, e ao contrário dos encaminhamentos tradicionais de localização de fiheiros a ps5 usa um sistema de ID que é directo e mais rápido.
No PC que ainda não usa o direct storage o jogo ocupa o mesmo espaço que na XBSX.
Isto poderá evitar a utilização de duplicação de ficheiros para acesso mais rápido, mas sem confirmação é apenas uma teoria.

OFF-TOPIC:
Mário, sendo este um site de virado para tecnologia gaming, porque não fazes mais artigos com GPUs de PC? Seria interessante e ajudaria quem quer comprar um PC.
Estive a dar uma vista de olhos e de facto vejo poucos artigos relacionados com o tema.

Sparrow81
Sparrow81
8 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Segundo alguns devs, as ferramentas do Xbox estão muito maduras, até mais que na época do One. Já estou achando que BCpack é mais do mesmo e mais uma daquelas propagandas enganosas da Microsoft. Quando o Cerny apresentou o Kraken, eles foram correndo dizer que tinham algo mto bom tb, o BCpack. Assim como quando viram as velocidades de transmissão do Ps5, logo foram correndo apresentar a “revolucionária” velocity architeture. Ou seja, me parece escolhas mais feitas em cima da hora do que algo programado desde a concepção do console.

Relvas
Relvas
Responder a  Sparrow81
8 meses atrás

Não se sabe ao certo a causa.
Por teorías também podemos dizer que a velocidade do SSD da ps5 é treta uma vez que ainda não mostrou nada de superioridade em relação á xbox.

O espaço ocupado na xbox e pc é o mesmo, o que leva a querer que estão a usar a mesma funcionalidade de armazenamento, ou seja, sem BCpack.

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

A XBSX também tem lá o hardware com maior poder de processamento e largura de banda e até agora também não mostrou nada.

A SX pode estar a levar com conversões quase “directas” das versões de PC.

Ainda é cedo para retirar conclusões, os jogos que existem ainda têm de “correr” em muito hardware diferente.

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Como em tudo falta o mais importante, resultados.
Neste ponto ainda em sabemos que features estão ou não a ser usadas.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Relvas
8 meses atrás

Não mostrou porque as engines nem sequer estão adaptadas… Tem jogo no SX carregando em 1 segundo? No Ps5 ja tem alguns, amigo. Miles, Demon’s Souls, Nioh collection.

Relvas
Relvas
Responder a  Sparrow81
8 meses atrás

Tens exclusivos Xbox?

Não estarás a exagerar com o 1 segundo? Vê lá bem se é mesmo um segundo 🙂

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Relvas
8 meses atrás

Não, não estou exagerando, tem jogos com 2 segundos ou 1 segundo de carregamento. Sim, the medium não era um “exclusivo” SX, que não pode sair no one para não limitar? Qual o tempo de carregamento desse jogo na tão incrível velocity architeture?

Relvas
Relvas
Responder a  Sparrow81
8 meses atrás

A Xbox sem exclusivos tem loadings de 5 segundos em alguns jogos que até são de garação passada.

O medium não é exclusivo SX, saiu na SS e PC. Não sabemos de usa as features.

1 segundo ou 5 para mim pouca ou nehuma diferença faz, prefiro de longe o quick resume a tal deferença de time loadings.

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Pois, mas que realisticamente pouco impacto fazem.
Poupa-se mais tempo com o quick resume por exemplo.

E ainda não consegui ver nada de 1s!

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Para que serve carregar 5x mais dados se não há capacidade de os processar em tempo real?

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Já estou vacinado á muito com esse tipo de “demos”.
Cá estarei para ver.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Relvas
8 meses atrás

Pouco impacto? Isso é velocidade de transferência e para um desenvolvedor construir um mundo com um streaming 3x superior, faz total diferença! Inclusive faz uma diferença enorme entre ter ou não pop in nos jogos.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
8 meses atrás
Avalie o nosso artigo :
     

Off Topic:

Mario desculpa voltar a este assunto, como sabes ando a procura de nova tv e já varias pessoas me aconselharam este modelo, que apesar de ser OLED dizem não haver problema com o Burn in dado que ela quando está em stand by faz ciclos de “regeneração” e tem tecnologia passiva para esse efeito não ocorrer (tal como outras OLED recentes creio)
Dei uma olhada em varias reviews e todos parecem tecer elogios á TV até para uso como monitor de PC.
Vi testes em que estão a usar a TV 20 horas por dia durante 6 meses e não tem degradação nenhuma.

https://www.worten.pt/tv-video-e-som/tvs/tv-media-polegada/tv-lg-oled48cx5-oled-48-122-cm-4k-ultra-hd-smart-tv-7151226

Sei que não é fácil mas se tivesses um tempinho agradecia a tua opinião mesmo que seja por alto.

Obrigado.

Relvas
Relvas
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

Pelo que se sabe o burn in nas novas oled tem uma incidência muito menor. Desde que não de desliguem da corrente não deverá haver problemas de maior.

Essa TV para mim é má escolha, existem muitas promos com as versões 55 bem mais baratas.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Relvas
8 meses atrás

Sim na Fnac a versão de 55 está em promo.

Relvas
Relvas
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

Costumas ter a 55BX muitas vezes a rondar os 1000 euros ou pouco mais.
Ém qualidade de imagem é igual á CX.

Sparrow81
Sparrow81
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

Olha, entre OLED e QLED eu fui de QLED. Na loja vi vários modelos lado a lado, inclusive a cx 55 que é considerada a melhor pra games, salvo engano. Sou entusiasta em fotografia e a CX satura demais a imagem. Comparando com a minha escolha Q80R, as cores são muito saturadas e a Q80R me parece algo mais próximo ao natural, ao real e TB vejo uma definição de imagem superior nela. Então sempre vou escolher algo que transmite as cores do jeito que elas são, não distorcendo através de saturação de cores.
No mais, já tive problemas com LG e nunca com Samsung.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Sparrow81
8 meses atrás

Sparrow Obrigado pelo feedback, também já tive problemas com a LG mas não era OLED…

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Mas a fava do backlight também pode acontecer.
O maior problema do burn in é não ser abrangido pela garantia.

Outra coisa que muitos não mencionam é que os nits nas OLED vão diminuindo com uso, principalmente para quem vê muito conteúdo HDR.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Pois percebo-te…

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

Em Promo neste momento tens QLED 8k ao mesmo preço da CX OLED 🙂 mas não suporta Dolby Vision..

https://www.worten.pt/tv-video-e-som/tvs/tv-media-polegada/tv-samsung-qe55q700t-qled-55-140-cm-8k-ultra-hd-smart-tv-7211205

Relvas
Relvas
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

Essa TV é mediocre, sendo vaporizada por qualquer OLED.
Painel 60hz, fraco hdr, fraco contraste. Se essa tv fosse 4k era tv para uns 500 paus ou menos.
A parte dos 8k é simplesmente inútil para 90% dos conteúdos, ficando a inutilidade a 100% quando se trara de um painel 55.

Essa tv talvez seja o pior negócio dos últimos tempos.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Estou a ver se a Samsung e a Sony me respondem para quando os modelos deste ano vão estar disponiveis em Portugal, mas como não posso esperar muito a minha LG está nas ultimas esta é uma forte possibilidade

https://www.worten.pt/tv-video-e-som/tvs/tv-media-polegada/tv-samsung-qe55q90t-qled-55-140-cm-4k-ultra-hd-smart-tv-7295791?gclid=Cj0KCQiAgomBBhDXARIsAFNyUqOAkDQh4_JgTTPdIsI5k2E3MfBnwmXg-XS5jqq5kxSkMs9O_xntFGgaAtY8EALw_wcB

José Galvão
José Galvão
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

Atenção que essa tv não tem 10 bits de cor puros, por esse preço consegues arranjar melhor, nem sei se os 120htz são igualmente nativos.

Tens um site que é o Display Specifications que mostra tudo o que não vez na descrição da tv num site como a Worten e afins.

Eu sei que comprar uma tv é complicado mas tem calma, não te percepites, apesar de alguma urgência, será a tua companhia nos próximos 7 a 10 anos.

Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Obrigado pela dica Mario, mas como esse é um modelo mais antigo tenho medo que o suporte acabe primeiro que em modelos de 2020, depois de tantas reviews e de ler as vossas dicas estou preso entre estes dois modelos:

https://www.worten.pt/tv-video-e-som/tvs/tv-media-polegada/tv-sony-kd-55xh9096-led-55-140-cm-4k-ultra-hd-smart-tv-7169852

(José Galvão esta já tem os 10 bit de cor..embora depois perca para outras coisas )

https://www.worten.pt/tv-video-e-som/tvs/tv-media-polegada/tv-samsung-qe55q90t-qled-55-140-cm-4k-ultra-hd-smart-tv-7295791

De facto não é facil escolher uma TV até porque todas têm pontes fortes diferentes…acho que é um pouco como a XSX e a PS5 uma é melhor nas retas a outra é melhor nas curvas…

Em todo o caso obrigado a todos pelas dicas decididamente saio daqui sempre com mais conhecimento.

José Galvão
José Galvão
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

O modelo que o Mário indicou está no ponto, não te preocupes com o suporte, e ainda por cima com um ano de diferença, quando sai updates de firmware é praticamente para todas uma vez que o SO é o mesmo, o que é importante é o que está lá dentro e essa tem tudo, full array, 10 bits puros e 120htz nativos bem como um excelente peak brigthness, e a um excelente preço.

Relvas
Relvas
Responder a  Alexandre Oliveira
8 meses atrás

A Q90 é superior, mas também é mais cara.
Eu pessoalmente, passando a barreira dos 1000 ou 1100 euros não equaciono nada além de OLED.
Em ambiente escuro a OLED mostra todo o seu explendor, não havendo comparação com LED em tal ambiente.

São 8.294.400 zonas de dimming e ainda um tempo de resposta quase perfeito, diminuindo o blur.

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Esta a referir-me aos dois exemplos dados pelo alexandre oliveira, a sony e q90.

A q90t tem um local dimming bom, que deve atenuar a diferença ou até superar a q70r em contraste.

marcio
marcio
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Mario uma duvida, 10bits tem a ver com a profundidade de cores.. que dizer que a tela pode exibir +1bi de cores, a minha duvida é, os jogos tiram proveito disso???
A devs não fazem jogos pensando em 16mi de cores ou 8 bits que é o padrão?

Daniel Torres
Daniel Torres
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Mário me tire uma dúvida por favor, qual seria a diferença de uma q70r para uma q70t? Pergunto isso pois não consigo achar a q70r aqui no Brasil.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
8 meses atrás

[ off ] – Pessoal , descobri uma coisa ridícula : Quando o Quick resume está com algum jogo em cachê , a velocidade de download do Xbox cai drasticamente , passando de 200Mbps pra 12Mbps. Isso foi o que aconteceu comigo , aí eu estava achando estranho a velocidade tão baixa e meu amigo me disse que era o Quick resume. Encerrei todos os jogos e a velocidade de download voltou ao normal.

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Vou gravar um vídeo e colocar no YouTube e coloco o link aqui. Tb vou tirar screenshots

Felipe Horvath
Felipe Horvath
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Obrigado , Mario , fico feliz em ter podido contribuir.

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Penso que antes de se fazer um artigo seria necessário verificar se tal situação é normal ou ocasional.
É necessário verificar se acontece com muitas pessoas.

Relvas
Relvas
Responder a  Mário Armão Ferreira
8 meses atrás

Porque é que dizes isso?

Finn
Finn
8 meses atrás

Essa é uma questão interessante, alguns jogos têm um tamanho muito maior em relação a outras plataformas, quando deveriam ser próximos. Um amigo disse que o Cyberpunk 2077 (versão old gen, claro) é quase 50% menor no Series X em relação ao PS5.
No caso do Control me parece mais ser algum problema da Remedy que da MS, porque o tamanho é igual ao do PC. Seria bom se ela dissesse algo a respeito, mas muito provavelmente não acontecerá.
Kraken me parece ser uma tecnologia de compressão mais eficiente que o BCPack, mas obviamente não ao ponto de haver uma diferença de 60%, talvez uns 5 a 10%.

error: Conteúdo protegido